Mercado fechado
  • BOVESPA

    130.091,08
    -116,88 (-0,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.908,18
    -121,36 (-0,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,62
    +0,50 (+0,69%)
     
  • OURO

    1.856,40
    0,00 (0,00%)
     
  • BTC-USD

    39.991,13
    -85,52 (-0,21%)
     
  • CMC Crypto 200

    991,55
    -19,06 (-1,89%)
     
  • S&P500

    4.246,59
    -8,56 (-0,20%)
     
  • DOW JONES

    34.299,33
    -94,42 (-0,27%)
     
  • FTSE

    7.172,48
    +25,80 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    28.566,08
    -72,45 (-0,25%)
     
  • NIKKEI

    29.375,33
    -65,97 (-0,22%)
     
  • NASDAQ

    14.042,00
    +11,75 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1127
    -0,0052 (-0,08%)
     

‘Spacewar!’ original, de 1962, é restaurado e pode ser jogado em um PDP-11

·3 minuto de leitura
‘Spacewar!’ original, de 1962, é restaurado e pode ser jogado em um PDP-11
‘Spacewar!’ original, de 1962, é restaurado e pode ser jogado em um PDP-11

Sim, é possível jogar o ‘Spacewar!’ original, lançado em 1962 para DEC PDP-1 – um computador que ocupava uma mesa inteira, na época – em pleno século XXI. Graças ao trabalho de Mattis Lind, youtuber e desenvolvedor de software, um dos primeiros games eletrônicos da história foi devidamente restaurado.

No entanto, a proeza é somente possível caso você tenha um PDP-11 – que é um outro computador antigo, famoso nas décadas de 1970 e 1980. Confira abaixo um vídeo do título original, de forma restaurada, sendo jogado:

O trabalho foi possível através de uma parte do ‘Spacewar!’ original encontrada na memória de um PDP-11. Estes dados do código-fonte estavam presumidamente perdidos – ou em alguma lata de lixo do grupo de estudantes do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) que criou o jogo. Felizmente, Lind soube que Bill Seiler, um dos criadores do game, havia guardado uma impressão da linguagem assembly (notação legível por humanos para o código de máquina) do título.

Então, o processo de restauração foi feito usando uma combinação de OCR (Optical Character Recognition, uma tecnologia que reconhecer caracteres a partir de um arquivo de imagem ou mapa de bits) e transcrição manual para recuperar o código-fonte. O desenvolvedor de software precisou adaptar vários aspectos para vincular perfeitamente o sistema com o jogo. E o trabalho ficou ainda mais difícil por conta do seu PDP-11, que é ligeiramente diferente dos utilizados nos anos 1970, época em que ‘Spacewar!’ ainda era jogado com frequência.

Leia mais:

E o projeto de restauração não passou somente pelo software. Lind ainda criou um par de joysticks, que ele fez com um punhado de itens encontrados no AliExpress, e realmente fez tudo funcionar (como pode ver no vídeo acima). Essa não é a primeira proeza do tipo feita pelo desenvolvedor, que já era reconhecido na internet por restaurar, justamente, o PDP-11 que possuí. Segundo o profissional ao site Hack a Day, o trabalho foi árduo e durou cerca de 18 meses.

Sobre ‘Spacewar!’

O ‘Spacewar!’ (Guerra Espacial) foi um dos primeiros jogos eletrônicos criados na história. Desenvolvido por um grupo de estudantes do MIT, nos Estados Unidos (EUA), o título foi testado pela primeira vez em 30 de julho de 1961 e foi lançado para computadores, itens que na época apenas universidades e empresas possuíam em certa quantidade, no dia 14 de fevereiro de 1962.

De acordo com o site oficial do MIT, os criadores do título não pensavam em ganhar dinheiro com a invenção, visto que não existiam PCs caseiros na época. No entanto, a partir da década de 1970, o jogo que misturava naves, tiro e estratégia ganhou popularidade ao ser lançado no console da Atari e fez história por fomentar o primeiro campeonato de videogames, que aconteceu em 1972.

Estudantes do MIT jogando 'Spacewars!'. A foto não foi datada, mas a instituição acredita que deva ter sido tirada entre 1962 e 1965. Imagem: Institute Archives | Distinctive Collections - MIT Libraries/Reprodução
Estudantes do MIT jogando ‘Spacewars!’. A foto não foi datada, mas a instituição acredita que deva ter sido tirada entre 1962 e 1965. Imagem: Institute Archives – Distinctive Collections – MIT Libraries/Reprodução

Fonte: Hack a Day

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!