Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.588,02
    -1.480,52 (-1,36%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.169,97
    +444,01 (+0,88%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,52
    -0,49 (-0,68%)
     
  • OURO

    1.801,90
    +3,90 (+0,22%)
     
  • BTC-USD

    17.253,24
    +445,13 (+2,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    406,66
    +11,97 (+3,03%)
     
  • S&P500

    3.957,88
    +23,96 (+0,61%)
     
  • DOW JONES

    33.701,12
    +103,20 (+0,31%)
     
  • FTSE

    7.472,17
    -17,02 (-0,23%)
     
  • HANG SENG

    19.450,23
    +635,41 (+3,38%)
     
  • NIKKEI

    27.574,43
    -111,97 (-0,40%)
     
  • NASDAQ

    11.622,50
    +113,00 (+0,98%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4915
    +0,0251 (+0,46%)
     

SpaceX lança astronautas do Crew-5 em voo histórico para estação espacial da NASA

SpaceX lança astronautas do Crew-5 em voo histórico para estação espacial da NASA
SpaceX lança astronautas do Crew-5 em voo histórico para estação espacial da NASA
  • A missão da SpaceX marca a ida da primeira mulher nativa americana a fronteira final da Terra;

  • Foi também a primeira vez que cosmonauta russa voou em uma espaçonave americana privada;

  • A missão Crew-5 deve chegar a estação espacial nesta quinta-feira

A SpaceX lançou com sucesso outro lote de astronautas para a Estação Espacial Internacional (ISS) na quarta-feira, como parte de um contrato de transporte de astronautas em andamento com a NASA. A missão Crew-5 decolou da plataforma de lançamento 39A no Centro Espacial Kennedy às 13 horas, no horário de Brasília. e deve chegar à ISS na quinta-feira.

A tripulação de quatro pessoas é composta pelos astronautas americanos Nicole Mann, comandante da missão, e Josh Cassada, piloto da missão; o astronauta da JAXA Koichi Wakata, especialista em missão; e a cosmonauta russa Anna Kikina, especialista. O quarteto passará até seis meses a bordo da ISS.

A decolagem de hoje fez de Mann a primeira mulher nativa americana a chegar à fronteira final e Kikina a primeira russa a voar em uma espaçonave americana privada. O lugar da cosmonauta na espaçonave faz parte de um recente acordo de transporte de astronautas entre os EUA e a Rússia.

O quarteto será recebido na quinta-feira pela atual tripulação da estação, que conta com sete pessoas. Destas, quatro estarão presentes na missão Crew-4 da SpaceX , que deve partir da estação daqui a alguns dias. Assim que isso acontecer, a astronauta da Agência Espacial Européia Samantha Cristoforetti entregará o comando da ISS a Mann, que manterá a posição até a chegada da tripulação-6 na próxima primavera.

O Crew-5 estava programado para ser lançado na segunda-feira (3), mas a NASA e a SpaceX atrasaram dois dias como resultado do furacão Ian . A tempestade também teve um impacto na altamente antecipada missão lunar Artemis 1 da NASA, que teve que sair da área de lançamento para se proteger da tempestade. A Artemis 1 tinha como alvo o lançamento em 27 de setembro, mas a NASA agora está de olho em uma decolagem entre 12 e 27 de novembro.