Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.953,90
    +411,95 (+0,42%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.743,15
    +218,70 (+0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    108,46
    +2,70 (+2,55%)
     
  • OURO

    1.812,90
    +5,60 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    19.343,09
    -51,41 (-0,27%)
     
  • CMC Crypto 200

    420,84
    +0,70 (+0,17%)
     
  • S&P500

    3.825,33
    +39,95 (+1,06%)
     
  • DOW JONES

    31.097,26
    +321,83 (+1,05%)
     
  • FTSE

    7.168,65
    -0,63 (-0,01%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    25.935,62
    -457,42 (-1,73%)
     
  • NASDAQ

    11.610,50
    +81,00 (+0,70%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5587
    +0,0531 (+0,96%)
     

SpaceX: Bilionário americano anuncia três voos espaciais em parceria com a empresa

·2 min de leitura
Crew Dragon da SpaceX, que levou ared Isaacman ao espaço em setembro (Photo by Paul Hennessy/Anadolu Agency via Getty Images)
Crew Dragon da SpaceX, que levou ared Isaacman ao espaço em setembro (Photo by Paul Hennessy/Anadolu Agency via Getty Images)
  • Voos serão realizado a bordo das naves Falcon 9 e Starship;

  • SpaceX tem se posicionado como líder no setor da exploração espacial privada;

  • Jared Isaacman já foi ao espaço, a bordo da Crew Dragon, em setembro de 2021.

Após passar três dias no espaço, o bilionário americano Jared Isaacman parece querer repetir a dose. Ele anunciou nesta segunda-feira (14), uma série de três missões espaciais privadas que ele realizará com auxílio da SpaceX, empresa de Elon Musk.

Isaacman, que passou três dias no espaço em setembro de 2021, a bordo da nave Crew Dragon da SpaceX na missão Inspiration4, agora quer que a primeira das três missões envolva uma caminhada espacial, isto é, que ele consiga sair e perambular pelo espaço-sideral.

As missões não aconceterão na mesma nave em que fez seu voo no ano passado. Desta vez ele utilizará o foguete Falcon 9 nas duas primeiras, e o novo megafoguete Starship, que ainda está em desenvolvimento pela SpaceX.

A primeira missão, chamada de Polaris Dawn, tem como objetivo alcançar a órbita mais alta já voada do que qualquer outra missão tripulada até hoje, com exceção das governamentais.

No voo que realizou no ano passado, Isaacman voou a uma altitude de 590 quilômetros de altitude, uma altitude mais elevada até que a própria Estação Espacial Internacional (ISS).

A caminhada espacial tanto esperada pelo bilionário deverá acontecer a uma altitude de 500 quilômetros de altitude, e servirá também de testes para os trajes espaciais desenvolvidos pela SpaceX.

Sua terceira missão será observada com olhos atentos por agências espaciais de todo o mundo. A Starship, nave que o levará e ainda está em desenvolvimento, foi escolhida pela NASA como foguete que levará os astronautas de volta à Lua em 2025.

Elon Musk, diretor executivo da empresa, já afirmou que ela entrará em testes ainda neste ano, a princípio sem nenhuma tripulação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos