Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.064,36
    +1.782,08 (+1,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.464,27
    +125,93 (+0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,06
    -0,24 (-0,33%)
     
  • OURO

    1.749,80
    0,00 (0,00%)
     
  • BTC-USD

    44.449,54
    +815,38 (+1,87%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.112,04
    +3,12 (+0,28%)
     
  • S&P500

    4.448,98
    +53,34 (+1,21%)
     
  • DOW JONES

    34.764,82
    +506,50 (+1,48%)
     
  • FTSE

    7.078,35
    -5,02 (-0,07%)
     
  • HANG SENG

    24.497,94
    -13,04 (-0,05%)
     
  • NIKKEI

    30.202,51
    +563,11 (+1,90%)
     
  • NASDAQ

    15.287,75
    -15,75 (-0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2242
    -0,0008 (-0,01%)
     

SoftBank lança fundo de US$ 3 bi para boom de tecnologia na AL

·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- O SoftBank redobra a aposta no setor de tecnologia da América Latina com mais US$ 3 bilhões em investimentos na região, que atrai cada vez mais interesse do venture capital estrangeiro.

O grupo japonês lançou um segundo fundo de investimento privado, elevando o total destinado à região para US$ 8 bilhões, segundo comunicado da empresa. O fundo, que pode levantar mais capital, planeja investir em empresas relacionadas à tecnologia, desde startups em estágio inicial até companhias que já abriram o capital, disse o SoftBank.

O conglomerado de tecnologia do bilionário Masayoshi Son encontrou terreno fértil na América Latina. Em março de 2019, lançou um fundo dedicado de US$ 5 bilhões que havia investido US$ 3,5 bilhões em 48 empresas até junho e gerado taxa interna de retorno líquida de 85% em dólares, disse a empresa.

“Nos últimos dois anos, vimos enorme sucesso e retornos do SoftBank Latin America Fund, que superou em muito nossas expectativas”, disse no comunicado Marcelo Claure, executivo que lidera os fundos do SoftBank na América Latina.

Com o SoftBank Latin America Fund II, a empresa busca focar em empresas de comércio eletrônico, serviços financeiros digitais, saúde, educação, blockchain e seguros em toda a região.

Fundos estrangeiros como SoftBank e Sequoia Capital e investidores locais como Kaszek Ventures ajudaram a impulsionar investimentos de risco na região este ano, para um recorde de US$ 6,45 bilhões com 323 acordos no primeiro semestre, de acordo com a associação LAVCA.

O SoftBank disse que investiu em 15 dos 25 unicórnios da região, termo que define startups avaliadas em US$ 1 bilhão ou mais, incluindo na empresa de entregas colombiana Rappi, QuintoAndar e Mercado Bitcoin. Em julho, a VTEX, empresa de software de comércio eletrônico que tem o SoftBank entre os investidores, abriu o capital nos EUA.

“Esperamos que 2022 seja o maior ano para IPOs na história da América Latina”, disse Claure.

More stories like this are available on bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos