Sobe para 110 o número de detidos em dia de greve geral na Espanha

Madri, 14 nov (EFE).- Pelo menos 110 pessoas foram detidas nesta quarta-feira e 40 ficaram feridas em confrontos e incidentes entre a polícia e manifestantes em diversas partes da Espanha durante a greve geral convocada para hoje no país.

Fontes do Ministério do Interior espanhol informaram que, entre os feridos, estão pelo menos 18 policiais.

Em Madri, pelo menos 15 pessoas ficaram levemente feridas em uma intervenção policial contra várias centenas de "indignados" que se manifestaram no centro da capital espanhola.

Os choques explodiram quando os manifestantes e outros grevistas tentaram tomar a emblemática Praça de Cibeles, onde encontraram um grande cordão policial.

A greve geral, convocada pelos principais sindicatos espanhóis, faz parte uma ação coordenada na Europa para protestar pelas políticas de austeridade econômica para enfrentar a crise. EFE

Carregando...