Mercado fechado

Smart Compose: escrita automatizada do Gmail começa a ser testada no Google Docs

Claudio Yuge

Todo mundo que usa o Gmail já deve ter notado que, ao começar a escrever uma nova mensagem, o sistema apresenta algumas sugestões baseadas no aprendizado de máquina, que “lembra” textos anteriores para completar as sentenças dos usuários. Agora, o recurso chamado Smart Compose está sendo testado no Google Docs, podendo ser uma porta de entrada para que a IA de escrita automatizada apareça em outras soluções do G Suite.

O Smart Compose foi introduzido no Gmail no ano passado. Para quem não se lembra ou nunca usou, o recurso basicamente usa a inteligência artificial para analisar os padrões de escrita e “adivinhar” o que você vai escrever — e assim, é possível apenas completar as palavras a partir do início delas, o que pode poupar tempo, principalmente no dia a dia corporativo.

Adicionar o Smart Compose ao Google Docs pode ampliar bastante seu uso, pois o conteúdo para a análise da IA é bem mais abrangente. Por exemplo, enquanto no Gmail as sugestões automáticas são orientadas por ações simples, como “você está interessado em X?” ou “você está vindo para Y?”, no Google Docs há mais possibilidades; afinal, guardamos muita informação por lá, desde trabalhos escolares até memorando de trabalho e textos pessoais.

(Imagem: Reprodução/The Verge)

O próprio Google confirmou a fase beta do Smart Compose no Google Docs e, por enquanto, o recurso está aberto somente para administradores de domínios no idioma inglês — se você preenche os requisitos, é possível se registrar para experimentar neste link. Ainda não há previsão de distribuição para outros usuários e idiomas.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: