Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.426,00
    -522,45 (-0,51%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.831,95
    -213,15 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.861,20
    -0,20 (-0,01%)
     
  • BTC-USD

    54.560,19
    -296,64 (-0,54%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.402,14
    -65,80 (-4,48%)
     
  • S&P500

    4.704,54
    +15,87 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.870,95
    -60,10 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.255,96
    -35,24 (-0,48%)
     
  • HANG SENG

    25.319,72
    -330,36 (-1,29%)
     
  • NIKKEI

    29.683,09
    +84,43 (+0,29%)
     
  • NASDAQ

    16.494,75
    +13,50 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3313
    +0,0125 (+0,20%)
     

Site Nota do Milhão volta a funcionar após instabilidade

·1 min de leitura
Sistema de emissão da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) ficou instável durante dias
Sistema de emissão da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) ficou instável durante dias

(Getty Images)

  • Site Nota do Milhão voltou a funcionar nesta sexta-feira (19)

  • Plataforma é usada para emissão de Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e)

  • Desde sábado (13), usuários têm relatado instabilidade no sistema

O site Nota do Milhão, usado para a emissão de Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) em São Paulo, voltou a funcionar nesta sexta-feira (19). A informação foi passada pela Secretaria Municipal da Fazenda.

Desde o último sábado (13), usuários têm relatado dificuldades para emitir as NFS-e, mas o problema só teria sido constatado oficialmente na terça-feira (16).

Leia também:

De acordo com o Brasil Econômico, os técnicos da Secretaria, da empresa de tecnologia Prodam e da detentora da tecnologia Oracle seguem monitorando a situação para garantir o funcionamento do sistema.

Por conta da instabilidade nos últimos dias, espera-se que a plataforma encare um grande número de acessos, o que pode gerar lentidão. Somente até às 10h de hoje, cerca de 2,1 milhões de notas fiscais foram emitidas, sendo que a média diária é de um pouco mais de 1 milhão.

Contribuintes não serão penalizados

A Portaria nº 321, publicada no Diário Oficial da Cidade de São Paulo nesta sexta-feira, determina que os contribuintes não serão penalizados por atraso na emissão das notas durante o período em que o sistema ficou fora do ar.

Aqueles que não conseguirem acessar a plataforma entre os dias 03/11 e 25/11 podem criar e imprimir um Recibo Provisório de Serviços (RPS). Este deve ser convertido em nota fiscal eletrônica até o dia 06 de dezembro deste ano.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos