Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.664,35
    -786,85 (-0,73%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.102,55
    -339,66 (-0,75%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,24
    +0,01 (+0,01%)
     
  • OURO

    1.671,60
    +3,00 (+0,18%)
     
  • BTC-USD

    19.400,18
    -45,03 (-0,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,45
    -2,53 (-0,57%)
     
  • S&P500

    3.640,47
    -78,57 (-2,11%)
     
  • DOW JONES

    29.225,61
    -458,13 (-1,54%)
     
  • FTSE

    6.881,59
    -123,80 (-1,77%)
     
  • HANG SENG

    17.134,96
    -30,91 (-0,18%)
     
  • NIKKEI

    25.979,75
    -442,30 (-1,67%)
     
  • NASDAQ

    11.235,50
    +7,25 (+0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3007
    +0,0027 (+0,05%)
     

Site da Câmara do Rio cai após ataque hacker

·1 min de leitura
Hacker
Portal segue indisponível

(Getty Images)

  • Site da Câmara Municipal do RJ é alvo de ataque hacker

  • Portal exibia mensagem contra políticos e partidos brasileiros

  • Casa informou que não houve perda de dados ou sistemas

O site da Câmara Municipal do Rio de Janeiro saiu do ar após ser alvo de um ataque hacker nesta segunda-feira (13). Em nota, a Casa informou que apenas a página inicial foi afetada e que não houve perda de dados “nem sistemas do Legislativo".

Leia também:

Quem tentou entrar no portal pela manhã se deparou com a mensagem "Brasil não tem partido de direita, de esquerda, de nada, tem um bando de salafrários que se reúnem para roubar juntos”.

Até o momento, o site não voltou a funcionar. Segundo a Câmara, a Diretoria de Tecnologia de Informação da Casa "já está trabalhando para restabelecer o portal e sanar eventuais vulnerabilidades". As informações são do UOL.

Ataque ao ConecteSUS

Na última sexta-feira (10), um ataque hacker tirou do ar o site do Ministério da Saúde e o aplicativo do ConecteSUS. O certificado de vacinação, exigido em alguns estados na entrada de bares e eventos, costuma ser consultado pelo app.

Ontem (12), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, informou que espera que a plataforma volte a funcionar nesta terça-feira (14). “Pelo menos essa é a expectativa nossa”, declarou em entrevista à TV Globo.

Segundo o Ministério da Saúde, o processo para recuperar os registros dos brasileiros vacinados já foi finalizado e não houve perda de informações.