Mercado fechado

The Sims 20 anos: relembre o que marcou cada versão do jogo

Matheus Bigogno Costa

The Sims, uma franquia de jogos querida pelo público, completa 20 anos nesta terça-feira (4). Lançado em 2000 para PC, o game ganhou uma legião de fãs devido às mecânicas simples e objetivas de criação e administração de personagens (chamados Sims) e construção de casas.

Neste artigo, iremos comentar sobre as mudanças que a série sofreu desde seu lançamento até os dias atuais. Confira abaixo:

The Sims - 2000

A ideia original do primeiro jogo veio do game designer Will Wright, após perder sua casa para um incêndio, que ocorreu em 1991 em Oakland, na Califórnia. Apesar da experiência triste, este fato deu oportunidade a Will de pensar em um jogo que permitisse aos usuários criarem suas próprias casas e personagens.

Após 9 anos, a empresa Maxis uniu-se à EA para publicar para PC o primeiro jogo da franquia, com customização de personagens e de terrenos. Existia ainda a mecânica de felicidade e personalidade, indicando se você estava agradando ou não aos seus Sims no jogo.

The Sims tinha diversas opções de casa e de felicidade dos Sims / Imagem: Reprodução

Além das mecânicas de felicidade e personalidade, o game ainda tinha sua própria língua, chamada Simlish e a possibilidade de ganhar dinheiro para comprar diversos itens, passando da faixa de 150 objetos.

Apesar de poucos saberem, o tradicional ícone verde que fica acima da cabeça dos personagens selecionados possui um nome: Plumbob. Além das diversas mecânicas, o jogo ainda ganhou diversas expansões a partir do sexto mês de lançamento.

O game foi considerado o mais vendido por todos os anos, até ser desbancado pelo seu sucessor, The Sims 2.

The Sims 2 - 2004

O lançamento de The Sims 2 em 2004 permitiu diversas novas possibilidades de mecânica, comparado com as já criadas no primeiro título. O novo jogo possuía 14 localidades totalmente diferentes, com mais de 400 possibilidades de construções, 350 novos itens e mais de 10.000 opções de customização de roupas.

The Sims 2 veio com maiores opções de customização e progressão de personagens / Imagem: Reprodução

Além disso, crianças poderiam crescer e se tornar adultas com o passar do tempo, e até morrerem de causas naturais ou de formas bizarras. O game realmente revolucionou mais ainda as mecânicas de Sims, dando a chance de os jogadores escolherem as suas metas de vida, além de fazerem uma bagunça com a casa dos Sims.

A gente sabe que você retirou a escada da piscina após um Sim pular nela, já travou um Sim na cozinha com uma cadeira, ou já colocou fogo em uma casa por pura diversão!

The Sims 3 - 2009

The Sims 3 foi lançado em junho de 2009 para PC, vendendo mais de um milhão de cópias na sua semana de lançamento. As possibilidades da franquia foram aprimoradas, aumentando mais ainda as interações dos jogadores com os Sims e com o ambiente.

Todas as opções dos Sims mudaram e, agora, eles possuíam personalidades únicas, distintas, permitindo aos jogadores escolherem traços de personalidades para cada um deles.

The Sims 3 tinha disponível uma área maior ainda para explorar do que os títulos anteriores / Imagem: Reprodução

Após o lançamento do jogo, os Sims eram capazes de explorar uma nova vizinhança, que está muito viva, com diversos outros Sims totalmente únicos. Este grande investimento em mundo aberto rendeu à EA mais de 10 milhões de cópias vendidas, sendo considerado um dos jogos para PC mais vendidos da história.

The Sims 4 - 2014

O game foi lançado pela empresa em 2014 e quebrou diversas fronteiras, aumentando mais ainda a sua presença com o público. Na customização de Sims, era permitido selecionar a orientação sexual dos personagens, podendo escolher qualquer tipo de roupa, corpo ou voz, independente do sexo do Sim.

The Sims 4 permitia escolhas de voz e corpo independente do sexo dos Sims / Imagem: Reprodução

O game possui oito pacotes de expansão, permitindo até que o clima da vizinhança seja mudado, de forma mais avançada que expansões anteriores. Outras expansões ainda permitiram que os Sims fossem para o futuro, por exemplo.

As novas expansões permitiram que os jogadores tivessem experiências novas em ambientes totalmente diferentes de vizinhanças, aumentando mais ainda o poder de edição de terreno, customização de personagens e itens na franquia.

The Sims 20 anos

The Sims 4 passa a casa dos 20 milhões de jogadores únicos ao redor do mundo, segundo a EA, o que indica que novos títulos serão muito bem-vindos pelo público. Porém, a empresa ainda não efetuou nenhum anúncio oficial sobre um quinto título.

Há ainda diversos spin-offs lançados, como The Sims Castaway Stories, que saiu para PlayStation 2 e permitia os jogadores criarem e jogarem com um Sim em uma ilha deserta para escapar dela. É de se esperar que o futuro da franquia esteja garantido, pois, há games para diversos dispositivos e para todos os gostos.

Comparação dos modelos dos 4 games da franquia / Imagem: Reprodução

O que chama a atenção é o quanto os desenvolvedores incentivam os próprios jogadores a usarem cheats e criarem mais mods do game. Isto dá mais possibilidades de mudar mais ainda o game e melhorar ainda mais as experiências.

The Sims completa 20 anos de seu lançamento e, com ele, é inegável o legado deixado para a indústria. Em 2017, ele foi considerado o jogo com maior quantidade de pacotes de expansão lançados e jogo de PC mais vendido pelo Guiness Book.

E você, jogou ou ainda joga muito The Sims? Deixe nos comentários as suas experiências mais bizarras ou mais interessantes da franquia.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: