Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    75,23
    +1,25 (+1,69%)
     
  • OURO

    1.754,10
    +2,40 (+0,14%)
     
  • BTC-USD

    43.961,52
    +1.432,50 (+3,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.098,97
    -4,09 (-0,37%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    30.305,32
    +56,51 (+0,19%)
     
  • NASDAQ

    15.366,50
    +47,75 (+0,31%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2564
    +0,0008 (+0,01%)
     

Sikêra Jr. perde processo contra Neto na Justiça após ser chamado de 'homofóbico'

·2 minuto de leitura


O apresentador Sikêra Jr., da RedeTV, perdeu processo que abriu na Justiça contra o ex-jogador Neto, que atualmente é apresentador na Band. Durante seu programa, 'Os Donos da Bola', Neto chamou Sikêra para a 'porrada' e disse que o apresentador era homofóbico por ter feito um comentário depreciativo contra a população LGBTQIA+ após o Dia Mundial do Orgulho.

+ Veja a tabela do Brasileirão!

Sikêra pedia uma indenização de R$ 44 mil por ter sido chamado de homofóbico e que o vídeo em que Neto aparece o chamando para a 'porrada' seja apagado de suas mídias sociais.

- Indefiro o pedido de tutela de urgência, para pedido de retirada de conteúdo da internet, nos termos do decidido na ADPF [Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental] 130, do STF, que declarou a não-recepção da Lei de Imprensa - disse o juiz Celso Antunes da Silveira, que negou a solicitação que o apresentador do Alerta Nacional fez em caráter imediato.

O juiz observou ainda na decisão que Neto deve apresentar eventuais respostas ao caso em um período de 15 dias. Em julho, após saber que sofria um processo, Neto reagiu e disse não temer a ação por não ser homofóbico.

As declarações de Sikêra começaram após a rede Burguer King lançar uma campanha pelo respeito à diversidade, e usar crianças no comercial para repassar uma mensagem contra a homofobia. O apresentador chamou os homossexuais de 'raça desgraçada', disse que o comercial era 'nojento e podre'.

Em resposta Neto disse que Sikêra só pediu desculpa após começar a perder patrocinadores em seu programa 'Alerta Nacional', na RedeTV.

- A gente não pode, por exemplo, ter esse jornalista, que é o Sikêra Jr. Falar o que ele falou sobre os homossexuais, sobre aquilo que a Burger King... Parabéns, Burger King. Por sinal, vocês arrebentaram. Parabéns pra vocês. Aí depois, no outro dia, o cara pede desculpas. Sabe por que ele pediu desculpa? Porque os patrocinadores saíram fora de lá. Ou você pensa assim ou você não pensa, irmão! Ou você é homem ou não é homem. Que não adianta você falar pra ganhar dinheiro do governo. É seu pensamento esse? Se for seu pensamento, espero que você não me encontre. O dia que você me encontrar, em qualquer lugar, você vai ver só - disse, completando com uma ameaça ao dono da RedeTV, empregadora de Sikêra.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos