Mercado fechará em 2 h 55 min
  • BOVESPA

    100.794,98
    +2.122,72 (+2,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.119,17
    +377,67 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +2,73 (+2,54%)
     
  • OURO

    1.827,90
    -2,40 (-0,13%)
     
  • BTC-USD

    20.746,38
    -606,86 (-2,84%)
     
  • CMC Crypto 200

    451,88
    -9,91 (-2,15%)
     
  • S&P500

    3.907,07
    -4,67 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    31.482,86
    -17,82 (-0,06%)
     
  • FTSE

    7.258,32
    +49,51 (+0,69%)
     
  • HANG SENG

    22.229,52
    +510,46 (+2,35%)
     
  • NIKKEI

    26.871,27
    +379,30 (+1,43%)
     
  • NASDAQ

    12.090,75
    -49,75 (-0,41%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5221
    -0,0303 (-0,55%)
     

Siderurgia brasileira espera que EUA revejam cotas de aço neste ano

SÃO PAULO (Reuters) - A indústria siderúrgica brasileira tem expectativa que as cotas de exportação de aço para os Estados Unidos sejam revistas neste ano, após um aceno do presidente norte-americano, Joe Biden, sobre o assunto durante reunião com o presidente Jair Bolsonaro na quinta-feira, afirmou o presidente da associação que representa o setor nesta sexta-feira.

"Temos expectativa que saia neste ano" a revisão das cotas, disse o presidente-executivo do Aço Brasil, Marco Polo de Mello Lopes.

As cotas foram criadas em 2018 no governo de Donald Trump e impuseram um limite anual de 3,5 milhões de toneladas de exportações placas do Brasil sem cobrança de sobretaxa de 25%. Além disso, o governo Trump também criou um redutor de 30% sobre o volume de vendas de produtos siderúrgicos acabados brasileiros, com base em uma média dos volumes vendidos entre 2015 e 2017.

Segundo Lopes, o setor aguardava esta primeira reunião entre Bolsonaro e Biden para ter uma sinalização para um início das negociações para a revisão das cotas. "Seria impensável uma missão se houvesse um estresse na relação", disse o executivo.

"O desdobramento disso (reunião entre os dois presidentes) é que vamos agora colocar de pé uma nova missão aos EUA", disse Lopes.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos