Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.893,32
    -1.682,15 (-1,52%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    41.778,87
    +104,57 (+0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,21
    -0,13 (-0,29%)
     
  • OURO

    1.781,90
    +1,00 (+0,06%)
     
  • BTC-USD

    19.510,75
    -6,52 (-0,03%)
     
  • CMC Crypto 200

    382,09
    +17,50 (+4,80%)
     
  • S&P500

    3.621,63
    -16,72 (-0,46%)
     
  • DOW JONES

    29.638,64
    -271,73 (-0,91%)
     
  • FTSE

    6.266,19
    -101,39 (-1,59%)
     
  • HANG SENG

    26.341,49
    -553,19 (-2,06%)
     
  • NIKKEI

    26.433,62
    0,00 (0,00%)
     
  • NASDAQ

    12.356,50
    +79,50 (+0,65%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3612
    -0,0134 (-0,21%)
     

Setembro registrou maior número de IPOs no país desde 2010, diz CVM

Rafael Rosas
·1 minuto de leitura

Ao todo, oito companhias estrearam na bolsa no mês O Boletim de Risco da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) identificou um robusto aumento nas ofertas públicas iniciais de ações (IPOs) no mercado de capitais brasileiro em setembro. Em nota, a autarquia destacou que houve um recorde de IPOs em setembro, considerando o período a partir de 2010. No comunicado, o chefe da Assessoria de Análise Econômico e Gestão de Riscos da CVM, Bruno Luna, destacou que foram realizados oito IPOs, elevando o total de 2020 para 16. "E, ao analisar mais a fundo, houve 12 ofertas de distribuição de ações no mês, totalizando um valor expressivo de captação de R$ 16,6 bilhões", diz Luna na nota divulgada pelo órgão regulador. Edilson Dantas/Agência O Globo