Mercado fechado

Serpro promove hackathon contra o coronavírus

Rui Maciel

O Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) anunciou a criação de uma maratona de programação, ou hackathon, contra o novo coronavírus. Com o nome de HackSerpro online, o evento durará até a próxima segunda-feira (22) e acontecerá forma 100% online. As melhores ideias e soluções para combater e minimizar os impactos da pandemia junto à empresas, governo e sociedade serão premiadas. O primeiro colocado ganhará R$ 10 mil, o segundo, R$ 7,5 mil e o terceiro, R$ 5 mil.

No total, são 40 equipes em uma disputa que reúne estudantes de Tecnologia e empresários de startups distribuídos por todo o país. Os trabalhos serão analisados por profissionais da empresa, do mercado e da academia, representada por uma equipe de professores da USP.

Ainda segundo os organizadores, "serão premiadas as soluções mais inovadoras, funcionais, com melhor design e usabilidade, se utilizando dos recursos tecnológicos disponíveis para resolver problemas relevantes".

“Precisamos ver o mundo com um olhar de mudança. Não é só a tecnologia que traz a transformações, mas também comportamentos e ideias”, afirmou o presidente do Serpro, Caio Mario Paes de Andrade, na abertura do evento. Segundo o executivo, o objetivo é incorporar as inovações apresentadas no evento em soluções de governo digital.

Confira abaixo a agenda online de palestras, que poderão ser acompanhadas via YouTube, no canal oficial do evento.

Palestra 1 - 15 de junho: "Como entregar valor em tempos de pandemia" - Keyle Barbosa e Roberta Fernandes, especialistas em UX (Serpro).

Palestra 2 - 16 de Junho: "Transformação Digital e Empreendedorismo em Tempos de Pandemia" - Diego Ribeiro, Superintendente de Governo Digital (Serpro).

Palestra 3 - 17 de junho, às 10h: "Inovação em saúde nos momentos COVID e Pós-COVID" - Francismar Vidal, médico e gerente de planejamento, PD&I do Habitat de Inovação do InCor/USP.

Fonte: Canaltech