Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.976,70
    -2.854,45 (-2,55%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.668,64
    -310,37 (-0,60%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,28
    -1,66 (-2,13%)
     
  • OURO

    1.754,00
    +8,40 (+0,48%)
     
  • BTC-USD

    16.520,94
    -13,71 (-0,08%)
     
  • CMC Crypto 200

    386,97
    +4,32 (+1,13%)
     
  • S&P500

    4.026,12
    -1,14 (-0,03%)
     
  • DOW JONES

    34.347,03
    +152,97 (+0,45%)
     
  • FTSE

    7.486,67
    +20,07 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    17.573,58
    -87,32 (-0,49%)
     
  • NIKKEI

    28.283,03
    -100,06 (-0,35%)
     
  • NASDAQ

    11.782,80
    -80,00 (-0,67%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,6244
    +0,0991 (+1,79%)
     

Sentimento dos investidores da zona do euro melhora pela primeira vez desde agosto

Consumidores fazem fila em frente a shopping na cidade alemã de Weil am Rhein

FRANKFURT (Reuters) - O sentimento dos investidores na zona do euro melhorou em novembro, pela primeira vez em três meses, refletindo a esperança de que as temperaturas mais altas recentes e a queda dos preços da energia impeçam o racionamento de gás no continente neste inverno, mostrou uma pesquisa nesta segunda-feira.

O índice da Sentix para a zona do euro subiu para -30,9 pontos em novembro, em comparação a -38,3 em outubro, superando as expectativas de analistas consultados pela Reuters para uma leitura de -35,0.

O índice de expectativas também se recuperou de -41,0 para -32,3, o nível mais alto desde junho de 2022, segundo a pesquisa.

O índice sobre a situação atual na zona do euro também subiu para -29,5 em novembro, ante -35,5 em outubro.

Chamando o aumento "não de uma reversão de tendência", o diretor-gerente da Sentix, Manfred Huebner, disse em comunicado que "a melhora da situação e dos valores de expectativa mostra quão sensivelmente os investidores reagem em suas expectativas econômicas aos sinais do mercado de energia".

Ele disse que temperaturas mais altas e níveis muito altos de armazenamento de gás na Alemanha aliviaram as preocupações com o racionamento e seu potencial impacto na economia.

"Os preços do gás no mercado spot caíram em resposta. As preocupações com uma escassez catastrófica de gás estão desaparecendo", acrescentou Huebner.

A pesquisa com 1.348 investidores foi realizada entre 3 e 5 de novembro, disse a Sentix.

(Reportagem de Christoph Steitz)