Mercado fechará em 2 h 22 min
  • BOVESPA

    110.207,22
    +1.719,34 (+1,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.779,08
    +260,78 (+0,51%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,79
    -0,49 (-0,44%)
     
  • OURO

    1.846,20
    +4,10 (+0,22%)
     
  • BTC-USD

    30.139,06
    +124,02 (+0,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    676,45
    +1,57 (+0,23%)
     
  • S&P500

    3.962,50
    +61,14 (+1,57%)
     
  • DOW JONES

    31.854,97
    +593,07 (+1,90%)
     
  • FTSE

    7.513,44
    +123,46 (+1,67%)
     
  • HANG SENG

    20.470,06
    -247,18 (-1,19%)
     
  • NIKKEI

    27.001,52
    +262,49 (+0,98%)
     
  • NASDAQ

    11.953,00
    +112,25 (+0,95%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1320
    -0,0208 (-0,40%)
     

Senado chama McDonald's e Burger King para explicar propaganda enganosa com sanduíches

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O Senado aprovou nesta terça-feira (3) requerimento que prevê a realização de uma audiência com representantes das redes de fast food McDonald's e Burger King para explicarem os casos de propaganda enganosa com seus sanduíches.

A audiência deverá ser realizada na quinta-feira (12).

O requerimento foi aprovado de maneira simbólica pelos membros da Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor do Senado. Como não se trata de autoridades, como ministros de Estado, os requerimentos têm força de convite e por isso a presença não é obrigatória.

Na quinta-feira da semana passada (28), o Ministério da Justiça notificou o McDonald's após a rede de fast food confirmar publicamente que os lanches de sua recém-lançada linha "Novos McPicanha" não são feitos com picanha. O sanduíche, na verdade, é feito com um molho aromatizado.

A informação gerou uma série de reclamações de consumidores nas redes sociais. A rede chegou a retirar o sanduíche do cardápio em todo o país, mas depois também anunciou que ele seria reincorporado, mas com um novo nome. Em vídeo em sua página no Instagram, o gigante do fast food disse que "vacilou na escolha do nome do novo sanduíche".

Poucos dias depois, foi a vez do Burger King se ver envolvido em polêmica semelhante.

Nesta segunda (2), o Procon do Distrito Federal suspendeu a venda na capital federal do lanche Whopper Costela, que não contém costela. O Procon-SP, por sua vez, disse que vai notificar a rede de fast food.

O Burger king afirma que o hambúrguer é feito com paleta suína e tem "aroma natural de costela"

A decisão do Procon do Distrito Federal é cautelar e pode render sanções ao Burger King se não houver "a correção total da publicidade".

O requerimento aprovado pelos senadores prevê uma audiência pública com a participação dos representantes das duas gigantes de redes fast-food, do Procon, do Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária), do Blog Comer com Olhos e da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Os senadores foram unânimes ao apoiar o requerimento de realização de audiência, de autoria de Nelsinho Trad (PSD-MS).

"Nós estamos na época das fake news, e, sanduíche fake, era só essa que faltava. Então, isso precisa ser esclarecido", afirmou Nelsinho Trad durante a sessão.

"Essa situação precisa ser esclarecida. Penso que quem denunciou tem que vir a público e explicar por que denunciou e quais elementos encontrou para fazer essa denúncia. Além do que, não podemos deixar de garantir também que aquilo que está sendo denunciado tenha o direito a sua defesa, da contradita. Quem vai sair ganhando com isso com certeza será o consumidor. O que não dá para aceitar é uma propaganda enganosa dessa natureza", disse o senador após a sessão.

Na mesma linha, o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) também criticou as duas redes de fast-food.

"Então, essas redes mundiais de fast-food, que têm um poder muito grande de marketing [...] Você imagine quantos e quantos milhões de brasileiros podem ter sido induzidos aos erros? Foi até uma boa este trocadilho: '"Vamos colocar em pratos limpos', porque isso é algo que a gente precisa de [explicações]", afirmou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos