Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.767,28
    +643,12 (+1,19%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Seminário que incentiva negócios criativos termina hoje no Rio

·1 min de leitura

O Mercado das Indústrias Criativas do Brasil (MICBR), evento online que discute a economia dos setores cultural e criativo, terminará hoje (19). A programação, que começa às 10h e se estende até as 21h, terá discussões sobre temas como programas de incentivo e apoio ao empreendedorismo, inovação dos museus, eventos online e tendências profissionais do mercado.

Também está prevista mais uma rodada de negócios com 115 empreendedores de nove segmentos selecionados e 80 compradores convidados. Essa é a segunda edição do evento, que, em 2018, no primeiro ano, gerou R$ 30 milhões em negócios, segundo o escritório brasileiro Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI), que promove o evento junto com a Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo.

Segundo o secretário especial da Cultura, Mario Frias, a iniciativa ganha uma importância especial neste momento, já que o setor cultural foi fortemente atingido pela pandemia e agora está sendo gradualmente retomado.

Renda e emprego

“A cultura gera renda e emprego e contribui para o desenvolvimento do nosso país. No que tange à geração do emprego e ao impacto no Produto Interno Bruto, as atividades culturais superam hoje, no Brasil, as indústrias têxtil e de eletroeletrônicos. A cultura é o motor da economia. Por isso, é necessário ampliar as fontes de financiamento público e privado, as produções e a circulação de bens e serviços culturais brasileiros”, disse o secretário em vídeo na abertura da promoção, no último dia 17.

Segundo ele, o MICBR é uma plataforma importante para conectar e impulsionar, no Brasil e no exterior, negócios criativos brasileiros como cinema, jogos eletrônicos, música, literatura e teatro, entre outros. A programação de hoje e dos dias anteriores pode ser conferida no canal do escritório brasileiro da OEI.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos