Mercado fechará em 1 h 49 min
  • BOVESPA

    109.741,59
    -44,70 (-0,04%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    42.491,50
    -244,98 (-0,57%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,51
    +0,60 (+1,34%)
     
  • OURO

    1.808,90
    +4,30 (+0,24%)
     
  • BTC-USD

    18.978,74
    -287,90 (-1,49%)
     
  • CMC Crypto 200

    376,82
    +6,31 (+1,70%)
     
  • S&P500

    3.625,20
    -10,21 (-0,28%)
     
  • DOW JONES

    29.868,80
    -177,44 (-0,59%)
     
  • FTSE

    6.391,09
    -41,08 (-0,64%)
     
  • HANG SENG

    26.669,75
    +81,55 (+0,31%)
     
  • NIKKEI

    26.296,86
    +131,27 (+0,50%)
     
  • NASDAQ

    12.097,25
    +21,25 (+0,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3387
    -0,0582 (-0,91%)
     

Sem muito o que comemorar, YouTube cancela retrospectiva Rewind 2020

Claudio Yuge
·1 minuto de leitura

O YouTube Rewind já ficou conhecido por trazer uma retrospectiva anual, como forma de tributo aos criadores, tendências e momentos que definiram a plataforma de streaming do Google ao longo dos 12 meses. Mas como, convenhamos, em 2020 não tem assim tanta coisa para o mundo comemorar, a companhia decidiu deixar esse mimo de lado nesta temporada.

“Desde 2010, temos terminado o ano com o Rewind: uma retrospectiva dos maiores impactos causados pelos criadores, vídeos e tendências. Amem ou não — ou só se lembrem de 2018 — o Rewind sempre foi feito para celebrar vocês. Mas 2020 tem sido diferente. E não parece certo seguir em frente como se não fosse. Então, estamos dando um tempo do Rewind neste ano”, explicou o YouTube via Twitter, brincando com o ano de 2018, quando o Rewind foi o vídeo mais “descurtido” da época.

“Sabemos que muito do que de bom aconteceu em 2020 foi criado por todos vocês, que encontraram maneiras de levantar as pessoas, ajudá-las a enfrentar e fazê-las rir. Vocês fizeram um ano difícil genuinamente melhor”, completa a nota.

Vale destacar que a ação até surpreende um pouco, já que o YouTube, assim como várias plataformas de streaming, cresceram em acesso durante a pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2) — afinal, com mais tempo em casa, os usuários passaram a acessar mais o conteúdo audiovisual. A companhia não adiantou se o Rewind voltará em 2021. Como tudo o que acontece ao nosso redor neste momento, vai depender de como a situação do mundo estará daqui a alguns meses.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: