Mercado abrirá em 3 h 14 min

Sebrae Rio lança editais para apoio a pequenos negócios na pandemia

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Sebrae Rio está com inscrições abertas para quatro editais que lançou para apoiar pequenos negócios no estado durante a crise provocada pela pandemia da Covid-19. As informações são da Agência Brasil.

Os editais são voltados para o fortalecimento da panificação e confeitaria, eficiência operacional das empresas de instalações prediais, mercado e inovação na indústria moveleira fluminense, e reposicionamento das indústrias de moda

Os formulários de inscrição podem ser encontrados no portal do Sebrae Rio (https://bit.ly/2OX7cNj).

Neste trimestre, o Sebrae Rio pretende selecionar em torno de 2.500 micro e pequenas empresas em todo o estado por meio do lançamento de 38 projetos preparados para ajudar os pequenos negócios a saírem da crise.

Serão 136 mil horas de consultorias, oficinas e rodadas de negócios, com subsídio entre 70% e 95% e investimentos que alcançam R$ 20 milhões.

Com esses editais, o Sebrae Rio calcula que irá beneficiar cerca de 4.500 pequenos negócios, direta ou indiretamente, por meio da redução de custos, do aumento do faturamento, da abertura de mercados e inserção de novas tecnologias e do desenvolvimento de mais produtos.

“Com o lançamento dos editais, o Sebrae Rio vai apoiar os pequenos negócios para que melhorem a gestão, inovem, gerem receita e aumentem a produtividade", afirma a gerente de projetos da instituição, Ana Lucia Lima.

Na segunda etapa, serão lançados editais para outros segmentos, como o de agências e operadoras de viagem e o de meios de hospedagem.

Os demais editais serão direcionados a pequenos negócios nos setores de artesanato; audiovisual; beleza e estética; comércio multissetorial; confecção; design; ensino; gráficas; metalmecânico; música; restaurantes, bares e lanchonetes; scaleup (empresas que sustentam rápido crescimento por um longo período de tempo e de forma escalonada); startups (empresas nascentes de base tecnológica); varejo de moda, além de projetos destinados a produtores rurais e a empreendimentos que trabalham com ações de impacto social.