Mercado abrirá em 6 h 29 min
  • BOVESPA

    111.289,18
    +1.085,18 (+0,98%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.037,05
    -67,35 (-0,13%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,51
    -0,84 (-0,96%)
     
  • OURO

    1.813,60
    -16,10 (-0,88%)
     
  • BTC-USD

    36.026,14
    -1.640,60 (-4,36%)
     
  • CMC Crypto 200

    820,93
    -34,88 (-4,08%)
     
  • S&P500

    4.349,93
    -6,52 (-0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.168,09
    -129,61 (-0,38%)
     
  • FTSE

    7.469,78
    +98,32 (+1,33%)
     
  • HANG SENG

    23.643,71
    -646,19 (-2,66%)
     
  • NIKKEI

    26.119,61
    -891,72 (-3,30%)
     
  • NASDAQ

    13.892,50
    -266,00 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0937
    -0,0127 (-0,21%)
     

Schnabel, do BCE, diz que ritmo e magnitude da queda da inflação são incertos, segundo jornal

·1 min de leitura
Isabel Schnabel, membro do BCE, participa de evento em Frankfurt

FRANKFURT (Reuters) - O Banco Central Europeu está confiante de que a inflação irá cair no próximo ano, mas o ritmo e a magnitude da queda são mais incertos, disse Isabel Schnabel, membro do Conselho do BCE, ao jornal francês Le Monde.

Na semana passada o BCE projetou que o aumento dos preços ao consumidor voltará a ficar abaixo de sua meta de 2% até o quarto trimestre de 2022, mas as declarações de Schnabel indicam alguma incerteza em torno dessa projeção.

"Sabemos que a inflação ficará elevada por um certo período de tempo, mas também que ela irá cair ao longo do próximo ano", disse Schnabel, chefe de operações de mercado do BCE.

"Temos menos certeza em relação à velocidade e força da queda."

(Reportagem de Balazs Koranyi)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos