Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.557,67
    +698,80 (+0,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.918,28
    +312,72 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,97
    -0,08 (-0,11%)
     
  • OURO

    1.785,90
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    50.746,39
    +19,83 (+0,04%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.310,60
    -10,68 (-0,81%)
     
  • S&P500

    4.686,75
    +95,08 (+2,07%)
     
  • DOW JONES

    35.719,43
    +492,40 (+1,40%)
     
  • FTSE

    7.339,90
    +107,62 (+1,49%)
     
  • HANG SENG

    23.983,66
    +634,28 (+2,72%)
     
  • NIKKEI

    28.774,92
    +319,32 (+1,12%)
     
  • NASDAQ

    16.361,00
    +43,00 (+0,26%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3429
    +0,0032 (+0,05%)
     

Schlumberger anuncia resultados relativos ao terceiro trimestre de 2021

·47 min de leitura
  • As receitas globais, de US$ 5,85 bilhões, apresentaram um aumento sequencial de 4% e de 11% na comparação ano a ano

  • A receita internacional foi de US$ 4,68 bilhões, e a receita da América do Norte foi de US$ 1,13 bilhão

  • O EPS GAAP, incluindo encargos e créditos, foi de US$ 0,39 e aumentou 30% sequencialmente

  • O EPS, excluindo encargos e créditos, foi de US$ 0,36 e aumentou 20% sequencialmente

  • O fluxo de caixa de operações foi de US$ 1,07 bilhão, e o fluxo de caixa livre foi de US$ 671 milhões

  • O Conselho de Administração aprovou dividendo trimestral em dinheiro de US$ 0,125 por ação

HOUSTON, October 24, 2021--(BUSINESS WIRE)--A Schlumberger Limited (NYSE: SLB) informou hoje os resultados relativos ao terceiro trimestre de 2021.

Resultados do terceiro trimestre

(em milhões, exceto por quantidade de ações)

Três meses encerrados em

Alteração

30 de setembro de 2021

30 de junho de 2021

30 de setembro de 2020

Sequencial

Em relação ao ano anterior

Receita*

US$ 5.847

US$ 5.634

US$ 5.258

4%

11%

Lucro (prejuízo) antes dos impostos — base GAAP

US$ 691

US$ 542

(US$ 54)

28%

n/s

Lucro líquido (prejuízo) — base GAAP

US$ 550

US$ 431

(US$ 82)

28%

n/s

EPS diluído (prejuízo por ação) — base GAAP

US$ 0,39

US$ 0,30

(US$ 0,06)

30%

n/s

EBITDA ajustado**

US$ 1.296

US$ 1.198

US$ 1.018

8%

27%

Margem EBITDA ajustada**

22,2%

21,3%

19,4%

90 bps

280 bps

Receita operacional por segmento, antes dos impostos**

US$ 908

US$ 807

US$ 575

12%

58%

Margem operacional por segmento, antes dos impostos**

15,5%

14,3%

10,9 %

120 bps

460 bps

Lucro líquido, excluindo encargos e créditos**

US$ 514

US$ 431

US$ 228

19%

126%

EPS diluído, excluindo encargos e créditos**

US$ 0,36

US$ 0,30

US$ 0,16

20%

125%

Receita por região geográfica

Internacional

US$ 4.675

US$ 4.511

US$ 4.210

4%

11%

América do Norte*

1.129

1.083

1.034

4%

9%

Outros

43

40

14

n/s

n/s

US$ 5.847

US$ 5.634

US$ 5.258

4%

11%

*Durante o quarto trimestre de 2020, a Schlumberger alienou determinados negócios na América do Norte. Esses negócios geraram receita de US$ 245 milhões durante o segundo trimestre de 2020. Excluindo-se o impacto dessas alienações, a receita global do terceiro trimestre de 2021 aumentou 17% em relação ao ano anterior. A receita na América do Norte no terceiro trimestre de 2021, excluindo o impacto dessas alienações, aumentou 43% em relação ao ano anterior.

**Essas são medidas financeiras não GAAP. Consulte as seções intituladas "Encargos e créditos", "Divisões" e "Informações complementares" para obter detalhes.

n/s = não significativo

(em milhões)

Três meses encerrados em

Alteração

30 de setembro de 2021

30 de junho de 2021

30 de setembro de 2020

Sequencial

Em relação ao ano anterior

Receita por divisão

Digital e integração

US$ 812

US$ 817

US$ 738

-1%

10%

Desempenho de reservatórios*

1.192

1.117

1.215

7%

-2%

Construção de poços

2.273

2.110

1.837

8%

24%

Sistemas de produção**

1.674

1.681

1.532

0%

9%

Outros

(104)

(91)

(64)

n/s

n/s

US$ 5.847

US$ 5.634

US$ 5.258

4%

11%

Lucro operacional antes dos impostos por divisão

Digital e integração

US$ 284

US$ 274

US$ 201

4%

42%

Desempenho de reservatórios

190

156

103

22%

85%

Construção de poços

345

272

173

27%

99%

Sistemas de produção

166

171

132

-3%

26%

Outros

(77)

(66)

(34)

n/s

n/s

US$ 908

US$ 807

US$ 575

12%

58%

Margem operacional antes dos impostos por divisão

Digital e integração

35,0%

33,5%

27,2%

154 bps

784 bps

Desempenho de reservatórios

16,0%

13,9%

8,4%

202 bps

751 bps

Construção de poços

15,2%

12,9%

9,4%

230 bps

576 bps

Sistemas de produção

9,9%

10,2%

8,6%

-27 bps

129 bps

Outros

n/s

n/s

n/s

n/s

n/s

15,5%

14,3%

10,9 %

120 bps

460 bps

*Durante o quarto trimestre de 2020, a Schlumberger alienou seu negócio de bombeamento por pressão OneStim® na América do Norte. Esse negócio gerou receitas de US$ 219 milhões durante o terceiro trimestre de 2020. Excluindo o impacto desta alienação, a receita da Reservoir Performance no terceiro trimestre de 2021 aumentou 20% com relação ao ano anterior.

**A Schlumberger alienou seu negócio de suspensão artificial de baixo fluxo na América do Norte durante o quarto trimestre de 2020. Esse negócio gerou receitas de US$ 26 milhões durante o terceiro trimestre de 2020. Excluindo o impacto desta alienação, a receita de Sistemas de Produção no terceiro trimestre de 2021 aumentou 11% com relação ao ano anterior.

n/s = não significativo

O CEO da Schlumberger, Olivier Le Peuch, comentou: "Começamos a segunda metade do ano com resultados sólidos, entregando outro trimestre de crescimento sequencial da receita, um quinto trimestre consecutivo de expansão de margem e um sólido desempenho de fluxo de caixa livre. O crescimento da receita foi liderado por Well Construction and Reservoir Performance, nossas divisões predominantemente orientadas a serviços, entregando receita de qualidade que mais do que compensou o impacto do suprimento global transitório e as restrições de logística nos Sistemas de Produção. A receita internacional cresceu 11% ano a ano e está a caminho de atender nossa ambição de crescimento de receita de dois dígitos para o segundo semestre de 2021 em comparação com o mesmo período do ano passado".

"Nossa estratégia focada em retornos continua a entregar resultados excepcionais neste ponto inicial do ciclo de crescimento. Nossa margem operacional do segmento antes dos impostos atingiu seu nível mais alto desde 2015 e o fluxo de caixa das operações foi de US$ 1,07 bilhão. Estou entusiasmado com a melhora nos ganhos e no potencial de fluxo de caixa à medida que a perspectiva macro para a energia se fortalece significativamente até 2022 e além.

Geograficamente, a receita internacional, de US$ 4,68 bilhões, apresentou uma expansão de 4% sequencialmente e um aumento de 11% na comparação anual. O aumento sequencial da receita foi liderado pelo crescimento de dois dígitos na América Latina, complementado por atividades sustentadas nas áreas da Europa/CIS/África e Oriente Médio e Ásia. A receita da América do Norte, de US$ 1,13 bilhão, apresentou um crescimento de 4% sequencialmente, e de 9% na comparação anual. O crescimento sequencial foi impulsionado principalmente por uma forte recuperação sazonal na perfuração terrestre, maior receita de Soluções de Desempenho de Ativos (APS) no Canadá e um aumento na receita de perfuração offshore na América do Norte."

"Entre as divisões, a construção de poços continuou seu ritmo de crescimento, com a receita aumentando 8% sequencialmente devido à maior atividade de perfuração internacional e na América do Norte, tanto em terra quanto no mar. Da mesma forma, a receita de Desempenho do Reservatório aumentou 7% sequencialmente, devido à maior atividade de exploração e avaliação nos mercados internacionais. A receita de Sistemas Digitais e de Integração e Produção foi essencialmente estável."

"Sequencialmente, a receita operacional do segmento antes dos impostos aumentou 12% com a margem operacional do segmento antes dos impostos expandindo em 120 pontos base (bps) para 15,5%, enquanto a margem EBITDA ajustada cresceu 90 bps para 22,2%. Isso foi impulsionado por nossas Divisões de Construção de Poços e Desempenho de Reservatórios. Estamos começando a ver sinais de melhores taxas de serviço em ambas as Divisões impulsionadas por nossa tecnologia, o que está criando um valor visivelmente mais alto para nossos clientes e resultando em uma adoção mais forte de tecnologia e ganhos de participação de atividade, especialmente nos mercados internacionais."

"O fluxo de caixa de operações do segundo trimestre foi de US$ 1,07 bilhão e o fluxo de caixa livre foi de US$ 671 milhões. No acumulado do ano, geramos um fluxo de caixa livre de US$ 1,70 bilhão, o que nos permitiu reduzir nossa dívida líquida em US$ 1,43 bilhão desde o início do ano."

"Olhando para o futuro, prevemos outro trimestre de crescimento e esperamos fechar 2021 com um forte impulso que estabelecerá a base para um ciclo de crescimento excepcional."

"Os fundamentos macro da indústria se fortaleceram visivelmente este ano, especialmente nas últimas semanas — com recuperação da demanda, preços das commodities de petróleo e gás em altas recentes, baixos níveis de estoque e tendências encorajadoras nos esforços de contenção da pandemia. Na ausência de recessão ou retrocesso relacionado à pandemia, essas condições favoráveis ​​devem impulsionar materialmente o investimento nos próximos anos — especialmente internacionalmente — e resultar em um crescimento excepcional de gastos de capital plurianual em todo o mundo, tanto em terra quanto no mar. Como líderes de mercado, temos uma posição vantajosa a partir da qual podemos capturar esse crescimento, dada nossa tecnologia, capacidade de integração e força internacional, com nosso núcleo voltado para o desempenho superior de atividades e lucros."

"Neste contexto e considerando nosso desempenho financeiro superior neste ponto do ciclo, estamos cada vez mais confiantes em alcançar a nossa ambição de margem EBITDA ajustada de meio de ciclo de 25% ou mais e sustentar uma margem de fluxo de caixa livre de dois dígitos ao longo do ciclo."

Demais eventos

Em 21 de outubro de 2021, o Conselho de Administração da Schlumberger aprovou um dividendo trimestral em dinheiro de US$ 0,125 por ação das ações ordinárias em circulação, a pagar em 13 de janeiro de 2022 para acionistas com registro em 1.º de dezembro de 2021.

Receita por área geográfica

(em milhões)

Três meses encerrados em

Alteração

30 de setembro de 2021

30 de junho de 2021

30 de setembro de 2020

Sequencial

Em relação ao ano anterior

América do Norte*

US$ 1.129

US$ 1.083

US$ 1.034

4%

9%

América Latina

1.160

1.057

828

10%

40%

Europa/CEI/África

1.481

1.453

1.397

2%

6%

Oriente Médio e Ásia

2.034

2.001

1.986

2%

2%

Outros

43

40

13

n/s

n/s

US$ 5.847

US$ 5.634

US$ 5.258

4%

11%

Internacional

US$ 4.675

US$ 4.511

US$ 4.210

4%

11%

América do Norte*

US$ 1.129

US$ 1.083

US$ 1.034

4%

9%

*Durante o quarto trimestre de 2020, a Schlumberger alienou determinados negócios na América do Norte. Esses negócios geraram receita de US$ 245 milhões durante o segundo trimestre de 2020. Excluindo-se o impacto dessas alienações, a receita global do terceiro trimestre de 2021 aumentou 17% em relação ao ano anterior. A receita na América do Norte no terceiro trimestre de 2021, excluindo o impacto dessas alienações, aumentou 43% em relação ao ano anterior.

n/s = não significativo

América do Norte

A receita da América do Norte de US$ 1,13 bilhão aumentou 4% sequencialmente, com aumento da receita terrestre e offshore, impulsionada principalmente pela atividade de construção de poços. O crescimento sequencial foi devido a uma forte recuperação sazonal na perfuração terrestre, maior receita de APS no Canadá e maior receita de perfuração offshore na América do Norte, que foi parcialmente compensada pela interrupção relacionada ao furacão.

Internacional

A receita internacional de US$ 4,68 bilhões aumentou 4% sequencialmente, liderada pelo crescimento de dois dígitos na América Latina, que foi complementado por atividades sustentadas nas áreas da Europa/CIS/África e Oriente Médio e Ásia.

A receita na América Latina de US$ 1,16 bilhão aumentou 10% sequencialmente devido ao crescimento de receita de dois dígitos no México, Argentina e Brasil da atividade robusta em construção de poços, desempenho de reservatórios e sistemas de produção, respectivamente. A receita na Guiana, Equador e Colômbia também aumentou, impulsionada por uma maior telefonia fixa e atividade de intervenção no desempenho de reservatórios.

A receita da Europa/CIS/África de US$ 1,48 bilhão aumentou 2% sequencialmente, com crescimento relatado na Escandinávia, Rússia, Angola e Nigéria. A perfuração de pico de verão aumentou a atividade de construção de poços na Escandinávia e na Rússia. A atividade de exploração sustentada na África impulsionou uma maior atividade de telefonia fixa e estimulação no Desempenho do Reservatório, enquanto as vendas de Sistemas de Produção aumentaram em Angola.

A receita no Oriente Médio e na Ásia de US$ 2,03 bilhões aumentou 2% sequencialmente, com crescimento na Austrália, Leste Asiático, Indonésia, Arábia Saudita e Catar. A receita na Austrália e na Indonésia aumentou com o aumento da perfuração offshore, beneficiando a construção de poços. A receita do Leste Asiático aumentou com o crescimento em todas as quatro divisões. No Oriente Médio, a receita na Arábia Saudita e no Catar cresceu devido à atividade mais alta de desempenho do reservatório.

Resultados por divisão

Digital e integração

(em milhões)

Três meses encerrados em

Alteração

30 de setembro de 2021

30 de junho de 2021

30 de setembro de 2020

Sequencial

Em relação ao ano anterior

Receita

Internacional

US$ 615

US$ 625

US$ 603

-2%

2%

América do Norte

196

191

134

3%

46%

Outros

1

1

1

n/s

n/s

US$ 812

US$ 817

US$ 738

-1%

10%

Lucro operacional antes dos impostos

US$ 284

US$ 274

US$ 201

4%

42%

Margem operacional antes dos impostos

35,0%

33,5%

27,2%

154 bps

784 bps

n/s = não significativo

A receita digital e de integração de US$ 812 milhões diminuiu 1% sequencialmente, pois a receita mais alta do projeto APS foi compensada pela receita mais baixa de soluções digitais após fortes vendas de software no segundo trimestre. A receita cresceu na América do Norte, América Latina e Oriente Médio e Ásia, compensada pela receita menor na Europa/CIS/África.

A margem operacional antes dos impostos de Digital e integração de 35% expandiu 154 bps sequencialmente, principalmente devido ao aumento da lucratividade dos projetos APS.

Desempenho de reservatórios

(em milhões)

Três meses encerrados em

Alteração

30 de setembro de 2021

30 de junho de 2021

30 de setembro de 2020

Sequencial

Em relação ao ano anterior

Receita*

Internacional

US$ 1.112

US$ 1.038

$937

7%

19%

América do Norte*

79

79

275

1%

-71%

Outros

1

-

3

n/s

n/s

US$ 1.192

US$ 1.117

US$ 1.215

7%

-2%

Lucro operacional antes dos impostos

US$ 190

US$ 156

US$ 103

22%

85%

Margem operacional antes dos impostos

16,0%

13,9%

8,4%

202 bps

751 bps

*A Schlumberger alienou seu negócio de bombeamento por pressão OneStim® na América do Norte durante o quarto trimestre de 2020. Esse negócio gerou receitas de US$ 219 milhões durante o terceiro trimestre de 2020. Excluindo o impacto dessa alienação, a receita global do terceiro trimestre de 2021 aumentou 20% em relação ao ano anterior. A receita na América do Norte no segundo trimestre de 2021, excluindo o impacto dessa alienação, aumentou 41% em relação ao ano anterior.

n/s = não significativo

A receita de desempenho de reservatório de US$ 1,19 bilhão aumentou 7% sequencialmente devido a maiores programas de exploração e avaliação nos mercados internacionais. O crescimento de dois dígitos na América Latina foi impulsionado por maior atividade de avaliação de rede fixa na Guiana e no México, maior atividade de intervenção no Brasil e Equador e maior atividade de estimulação na Argentina. A receita também cresceu na Europa e na África principalmente devido à maior atividade de avaliação de rede fixa. Além disso, as receitas da Arábia Saudita e do Catar aumentaram devido à maior atividade de estimulação e intervenção.

A margem operacional de 16% de desempenho de reservatórios, antes dos impostos, expandiu 202 bps sequencialmente. A lucratividade foi impulsionada por uma maior atividade offshore e de exploração e um mix de tecnologia favorável, principalmente na América Latina e na África.

Construção de poços

(em milhões)

Três meses encerrados em

Alteração

30 de setembro de 2021

30 de junho de 2021

30 de setembro de 2020

Sequencial

Em relação ao ano anterior

Receita

Internacional

US$ 1.839

US$ 1.708

$1.562

8%

18%

América do Norte

382

352

235

9%

62%

Outros

52

50

40

n/s

n/s

US$ 2.273

US$ 2.110

$1.837

8%

24%

Lucro operacional antes dos impostos

US$ 345

US$ 272

US$ 173

27%

99%

Margem operacional antes dos impostos

15,2%

12,9%

9,4%

230 bps

576 bps

n/s = não significativo

A receita de construção de poços de US$ 2,27 bilhões aumentou 8% sequencialmente devido à maior perfuração terrestre e offshore nos mercados internacionais e ao aumento da atividade de plataformas na América do Norte. O crescimento da receita na América do Norte foi impulsionado por forte recuperação sazonal na perfuração terrestre no Canadá e maior perfuração offshore no Golfo do México, apesar dos efeitos do furacão durante o trimestre. A receita internacional foi impulsionada pelo crescimento de dois dígitos na América Latina, África e Rússia e Ásia Central a partir da combinação do aumento da atividade de exploração offshore e o pico das campanhas de perfuração em terra no verão.

A margem operacional antes dos impostos de construção de poços de 15% melhorou sequencialmente em 230 bps devido à maior receita de perfuração, impulsionada pela combinação favorável de atividades e novas tecnologias.

Sistemas de produção

(em milhões)

Três meses encerrados em

Alteração

30 de setembro de 2021

30 de junho de 2021

30 de setembro de 2020

Sequencial

Em relação ao ano anterior

Receita*

Internacional

US$ 1.205

US$ 1.220

US$ 1.138

-1%

6%

América do Norte*

469

458

389

3%

21%

Outros

-

3

5

n/s

n/s

US$ 1.674

US$ 1.681

US$ 1.532

0%

9%

Lucro operacional antes dos impostos

US$ 166

US$ 171

US$ 132

-3%

26%

Margem operacional antes dos impostos

9,9%

10,2%

8,6%

-27 bps

129 bps

**Durante o quarto trimestre de 2020, a Schlumberger alienou seu negócio de suspensão artificial de baixo fluxo na América do Norte. Esse negócio gerou receitas de US$ 26 milhões durante o terceiro trimestre de 2020. Excluindo o impacto dessa alienação, a receita global do terceiro trimestre de 2021 aumentou 11% em relação ao ano anterior. A receita na América do Norte no terceiro trimestre de 2021, excluindo o impacto dessa alienação, aumentou 29% em relação ao ano anterior.

n/s = não significativo

As receitas de Sistemas de produção de US$ 1,67 bilhão, ficou essencialmente estável sequencialmente. Os aumentos de receita em sistemas submarinos e de produção de poços foram compensados ​​por um declínio de receita em sistemas de produção de midstream. A atividade internacional foi impulsionada pelo crescimento de dois dígitos na América Latina devido aos sistemas de produção submarinos, especialmente no Brasil e no México. A receita de terras nos EUA também aumentou devido às vendas mais altas de sistemas de produção de superfície e de poços, que ultrapassaram a perfuração e completaram o crescimento da contagem de poços. Esses aumentos foram compensados ​​por quedas de receita na Europa/CIS/África e no Oriente Médio e Ásia, apesar do crescimento de dois dígitos em Angola, Nigéria, Leste Asiático, Indonésia, China e Iraque. A receita foi parcialmente impactada por restrições globais transitórias de abastecimento e logística.

A margem operacional antes dos impostos, de 10%, ficou essencialmente estável sequencialmente.

Destaques trimestrais

A Schlumberger continua ganhando um número crescente de concessões de contratos com base na diferenciação de tecnologia, integração e nossa capacidade de execução global. Isso está resultando em um robusto gasoduto de trabalho, especialmente no Oriente Médio, offshore e projetos de gás natural à medida que o ciclo de crescimento se expande. Durante o trimestre, foram assegurados os seguintes projetos de destaque:

  • A Schlumberger recebeu um contrato multibilionário (USD) de tecnologia e serviços de estimulação integrada pela Saudi Aramco por seus recursos de gás não convencionais. As tecnologias adequadas para a bacia permitirão desempenho operacional e eficiência, em um escopo de trabalho que inclui o conjunto completo de produtos e serviços para fraturamento hidráulico, intervenção de flexitubo, serviços de cabo de aço, árvores de fraturamento hidráulico Cameron com fornecimento de fluido de fraturamento de conexão dupla MonoFlex* tecnologia e fluxo de volta. A mobilização está prevista para começar no quarto trimestre de 2021.

  • A Petroleum Development Oman LLC (PDO) concedeu à Schlumberger um importante contrato de serviços para o fornecimento de fraturamento hidráulico de alta pressão e serviços de estimulação para até 350 poços em Omã. O contrato de cinco anos tem duas opções independentes de dois anos e compreende 105 poços de exploração de petróleo e gás e entre 171 a 245 poços de desenvolvimento de gás. O programa de trabalho está programado para começar no quarto trimestre de 2021.

  • A Kuwait Oil Company concedeu à Schlumberger um contrato de fornecimento de cinco anos para cabeças de poço, árvores de produção e serviços para 230 novos poços e 250 poços de trabalho nas formações jurássicas profundas do país. O escopo do contrato inclui o fornecimento e serviços de instalação de cabeças de poço de alta pressão e alta temperatura (HPHT) de 15.000 psi, árvores de produção, estrangulamentos e painéis de controle. Os reservatórios do Jurássico do Kuwait contêm reservas significativas de gás e são um elemento-chave na estratégia de longo prazo do país.

Nos mercados offshore, a Schlumberger continua a ganhar prêmios significativos como resultado de seus recursos de tecnologia e integração que impulsionam o desempenho, seja reduzindo o tempo para a primeira produção ou melhorando a recuperação de ativos existentes. O crescimento da atividade offshore está sendo impulsionado pelo aumento nas decisões de investimento final (FIDs) e na concessão de projetos de ciclo curto e longo. Os exemplos do trimestre incluem:

  • A Schlumberger obteve um contrato significativo com a Turkish Petroleum (TP) para soluções de produção ponta a ponta para o desenvolvimento greenfield da Fase 1 do Campo de Sakarya, a maior reserva de gás da Turquia. O escopo do projeto integrado abrangerá soluções subterrâneas para produção onshore, incluindo completação de poços, sistemas de produção submarinos (SPS) e uma instalação de produção inicial capaz de lidar com até 350 MMscf/d de gás. Por meio dessa integração, da subsuperfície às instalações de processamento, o gás pronto para gasoduto será entregue em um cronograma acelerado.

  • No Campo de Ormen Lange, onde a A/S Norske Shell e a Ormen Lange Partnership fizeram recentemente o FID para a Fase 3, a OneSubsea® implantará um sistema de compressão multifásico submarino, compreendendo duas estações de compressão submarinas de 16 MW ligadas a coletores e dutos existentes —Uma inovação líder da indústria que desbloqueará 30 a 50 bilhões de m3 adicionais de gás natural e aumentará a taxa de recuperação de campo de 75% para 85%. O sistema de compressão multifásico OneSubsea facilitará uma redução significativa no consumo de energia e, portanto, nas emissões de CO2, quando comparado à compressão do lado superior.

  • No Brasil, a Petrobras concedeu à Schlumberger um contrato para completações integradas em 21 poços em concessões do pré-sal. O projeto de completação inteligente escolhido para esses poços inclui uma completação inferior de furo aberto seletiva, integrando uma válvula de isolamento premium e válvulas de controle de fluxo de intervalo de fundo de poço e um sistema de monitoramento permanente Metris*. Conclusões inteligentes permitirão à Petrobras aprimorar a recuperação final nesses reservatórios de alta pressão, monitorando e controlando com mais precisão a produção. A instalação está prevista para começar no terceiro trimestre de 2022.

  • A OneSubsea recebeu um contrato significativo da Aker BP para a entrega, instalação e comissionamento de um sistema de produção submarino com impacto de carbono reduzido para o projeto Hanz na plataforma continental norueguesa. O contrato — que compreende três árvores submarinas horizontais, controles e equipamentos associados adicionais — inclui o uso de equipamentos de produção submarinos recondicionados e reaproveitados de projetos anteriores. Essa abordagem única permitirá que a Aker BP desenvolva este campo com custo reduzido e pegada de carbono como um empate para a plataforma Ivar Aasen. Estima-se que essa abordagem remova mais de 200 toneladas métricas de emissões de CO2 e do projeto quando comparada a um método convencional.

O aumento na atividade do cliente é amplo, conforme o ciclo de crescimento se amplia, não apenas geograficamente, mas também em ambientes operacionais, incluindo onshore e midstream. Exemplos incluem:

  • A Cairn Oil & Gas, Vedanta Limited concedeu à Schlumberger um contrato integrado de construção e completação de poços para 27 poços profundos de gás no Campo Raageshwari localizado em Rajasthan, Índia. Sob o escopo do contrato, a Schlumberger criará oportunidades de melhoria de confiabilidade e eficiência usando uma combinação de tecnologias exclusivas e adequadas para a bacia que se provaram eficazes na campanha de gás profundo de 42 poços recentemente concluída neste campo. A abordagem integrada de construção e completação de poços gerará valor e eficiência para a Cairn, uma das maiores empresas de exploração e produção de petróleo e gás da Índia, à medida que executa seu plano de desenvolvimento de gás natural.

  • Na Índia, a Reliance Industries Limited concedeu à Schlumberger um contrato para a engenharia e fornecimento de duas plantas de regeneração e recuperação de monoetilenoglicol (MEG) ricas em 25 m3/h e uma unidade de pré-tratamento para apoiar o aumento da produção de gás do terminal onshore existente de Kakinada. O MEG é injetado em dutos de produção, capturado e reutilizado para reduzir a formação de hidratos e maximizar o rendimento do sistema de gás. Os trens de recuperação MEG usarão o sistema de recuperação e regeneração de monoetilenoglicol PUREMEG*, que tem custo operacional mais baixo em comparação com os sistemas convencionais.

A transformação digital é uma parte fundamental do futuro da indústria. Por meio de nossa plataforma digital, que continuamos a aprimorar, estamos proporcionando impacto no desempenho para os clientes. Destaques do trimestre incluem:

  • A Schlumberger fez um investimento estratégico na DeepIQ, Inc. para acelerar a análise de autoatendimento para dados industriais das empresas. Isso ajudará a manter a posição de liderança da Schlumberger em soluções digitais transformacionais para o setor de energia, aproveitando as tecnologias DeepIQ em combinação com as soluções de inteligência artificial (IA) da Schlumberger.

  • A Schlumberger expandiu seu portfólio de operações e planejamento de perfuração digital adquirindo Independent Data Services (IDS), o único software de relatório automatizado do setor para operações de perfuração. Aumentando a solução de planejamento de construção de poço coerente DrillPlan* e a solução de entrega de poço DrillOps* no alvo por meio da nuvem ou como uma solução autônoma, o IDS permite análises automatizadas e relatórios de atividades operacionais, dando aos operadores de E&P e empreiteiros de perfuração insights acionáveis ​​para melhorar o operacional atuação.

  • Offshore Canada, Schlumberger e ExxonMobil Canada estão trabalhando em conjunto na implantação de soluções de perfuração digital, o que recentemente permitiu à ExxonMobil Canada concluir a primeira seção totalmente automatizada perfurada na plataforma de Hebron. Isso foi alcançado com uma combinação de solução de entrega de poço DrillOps no alvo, incluindo a solução de perfuração DrillOps Automate e o software de sequenciamento de equipamentos Cameron DrillPilot* para automação de manuseio de tubos. A ExxonMobil Canada e seus coempreendedores em Hebron concordaram com uma implementação comercial da solução DrillOps Automate em suas operações offshore. Espera-se que essas soluções digitais criem uma mudança radical na aderência aos procedimentos, consistência, padronização e eficiência operacional entre as equipes da plataforma e permitam uma integração próxima do planejamento de construção de poços e fases de execução no futuro.

  • Em Deepwater Golfo do México, o serviço conectado digitalmente Performance Live* ajudou a Shell Exploration and Production Company a melhorar o desempenho da perfuração ao mesmo tempo em que atendia aos objetivos de tamanho reduzido da tripulação. O uso do serviço Performance Live foi aumentado para implantar a perfuração direcional e serviços avançados de perfilagem durante a perfuração, como o serviço de formação de pressão durante a perfuração StethoScope*. O resultado foi a entrega de uma melhoria de perfuração sapato a sapato de 19% e uma redução de 72% no tempo improdutivo normalizado (NPT), enquanto o tamanho médio da equipe do local do poço foi reduzido em 46% desde o início da implementação.

  • A Aramco e a Schlumberger assinaram um contrato para a plataforma de processamento de dados geofísicos Omega*, uma das soluções de processamento geofísico mais avançadas da indústria. A plataforma Omega aprimora a geração de imagens de dados geofísicos integrando fluxos de trabalho abrangentes e algoritmos avançados com ciência de ponta, processamento escalonável e flexibilidade incomparável.

As tecnologias de transição da Schlumberger* estão sendo cada vez mais adotadas pelos clientes à medida que abordam suas emissões de Escopo 1 e Escopo 2, um compromisso que compartilhamos com nossas próprias metas de redução do Escopo 3. Essas tecnologias aceleram a jornada de nossos clientes e da Schlumberger para zero líquido, reduzindo a queima e as emissões fugitivas, reduzindo a pegada de CO2 em operações de perfuração, oferecendo soluções de desenvolvimento que minimizam a pegada de carbono de campo completo ou aumentando a eletrificação da infraestrutura. Exemplos específicos de implantações de novas tecnologias incluem:

  • No Cazaquistão, a Schlumberger implantou um teste de queima zero e uma solução de limpeza com a Karachaganak Petroleum Operating B.V. — operada em conjunto pela Shell e Eni — que evitou o equivalente a mais de 240.000 toneladas de emissões de CO2e até o momento. Incorporando tecnologias exclusivas da Schlumberger, como medidor de vazão multifásico de superfície Vx Spectra*, separadores de alta pressão e bombas de superfície multiestágios horizontais REDA Multiphase HPS*, este projeto é o primeiro de um tipo no mundo e está alinhado com a rede de longo prazo metas zero de ambos os parceiros da JV e da Schlumberger, bem como as metas ambientais do país.

  • Na costa de Trinidad e Tobago, a Schlumberger ajudou a bp a atingir o primeiro gás sete meses antes do planejado no Campo de Matapal. Em colaboração com a bp, a OneSubsea aproveitou sua experiência para implantar seu primeiro coletor totalmente elétrico e três árvores submarinas de 10.000 psi com medidores de vazão multifásicos submarinos integrais Vx Omni*. Os sistemas de produção submarina (SPS) Agile também permitiram que a bp capitalizasse o hardware padronizado e reduzisse a engenharia específica do projeto. Isso contribuiu para alcançar o primeiro gás em apenas três anos a partir da adjudicação do contrato, em comparação com os quatro anos de desenvolvimentos anteriores semelhantes.

  • Na costa da Noruega, a Equinor fez sua primeira implantação do sistema de gerenciamento de reservatório e produção de Manara* para aumentar a produção de petróleo e, ao mesmo tempo, reduzir as emissões de CO2 do projeto em um poço de alcance estendido no Campo de Heidrun. A Equinor usará a percepção de quais zonas estão contribuindo para a produção e a capacidade de ajustar o fluxo de cada uma usando seis estações totalmente elétricas de monitoramento e controle para otimizar a produção de petróleo e minimizar a produção de água. O controle da produção de água com o sistema Manara diminuirá a energia necessária para bombear a água tratada de volta para o reservatório, reduzindo as emissões de CO2 por barril de petróleo produzido.

Além de reduzir as emissões e o consumo de CO2 em operações de petróleo e gás, o conhecimento e a experiência de domínio da Schlumberger estão contribuindo para a conquista de prêmios de projeto para permitir que outras indústrias reduzam as emissões de carbono.

  • A FS Bioenergia premiou a Schlumberger Brasil com o primeiro projeto de captura e armazenamento de carbono, que apoiará a produção de biocombustíveis com carbono negativo. Pelo acordo, a Schlumberger conduzirá estudos de reservatório, projetará e gerenciará a perfuração de poços de injeção, realizará testes de injetividade e monitorará o armazenamento assim que a injeção começar. O projeto, a ser construído no local da planta de processamento da FS Bioenergia, em Lucas do Rio Verde, tem previsão de processar e armazenar 430 mil toneladas de CO2 por ano após a conclusão, prevista para 2024.

Tabelas Financeiras

Demonstração condensada do resultado consolidado (Prejuízo)

(em milhões, exceto por quantidade de ações)

Terceiro trimestre

Nove meses

Períodos encerrados em 30 de setembro,

2021

2020

2021

2020

Receita

US$ 5.847

US$ 5.258

US$ 16.704

US$ 18.069

Juros e outras receitas (1)

56

22

91

94

Despesas

Custo das receitas

4.862

4.624

14.135

16.172

Pesquisa e engenharia

140

137

409

452

Geral e administrativo

80

85

231

293

Depreciações e outros (1)

-

350

-

12.596

Juros

130

138

402

419

Lucro (prejuízo) antes dos impostos (1)

US$ 691

($54)

US$ 1.618

(US$ 11.769)

Custo da receita (benefício) (1)

129

19

301

(901)

Receita líquida (prejuízo) (1)

US$ 562

(US$ 73)

US$ 1.317

(US$ 10.868)

Lucro líquido atribuível à participação minoritária

12

9

37

24

Lucro líquido (prejuízo) atribuível à Schlumberger (1)

US$ 550

(US$ 82)

US$ 1.280

(US$ 10.892)

Ganhos diluídos (prejuízo) por ação da Schlumberger (1)

US$ 0,39

(US$ 0,06)

US$ 0,90

(US$ 7,84)

Média de ações em circulação

1.402

1.391

1.399

1.389

Média de ações em circulação presumindo diluição

1.424

1.391

1.422

1.389

Depreciação e amortização incluídas nas despesas (2)

US$ 530

US$ 587

US$ 1.588

US$ 1.983

(1)

Consulte a seção intitulada "Encargos e créditos" para obter detalhes.

(2)

Inclui depreciação de propriedade, instalações e equipamentos e amortização de ativos intangíveis, custos de dados sísmicos multicliente e investimentos APS.

Balanço patrimonial condensado consolidado

(em milhões)

30 de setembro,

31 de dezembro,

Ativos

2021

2020

Ativo circulante

Caixa e investimentos em curto prazo

US$ 2.942

US$ 3.006

Contas a receber

5.349

5.247

Inventários

3.296

3.354

Outros ativos circulantes

800

1.312

12.387

12.919

Investimento em empresas afiliadas

2.110

2.061

Ativos fixos

6.375

6.826

Fundo de comércio

12.990

12.980

Ativos intangíveis

3.265

3.455

Outros ativos

3.911

4.193

US$ 41.038

US$ 42.434

Passivos e patrimônio

Passivo circulante

Contas a pagar e passivo adquirido

$7.615

US$ 8.442

Passivo estimado para imposto de renda

907

1.015

Empréstimos de curto prazo e posição atual da dívida de longo prazo

1.025

850

Dividendos a pagar

188

184

9.735

10.491

Dívida de longo prazo

14.370

16.036

Benefícios pós-aposentadoria

905

1.049

Outros passivos

2.363

2.369

27.373

29.945

Patrimônio

13.665

12.489

US$ 41.038

US$ 42.434

Liquidez

(em milhões)

Componentes da liquidez

30 de setembro de
2021

30 de junho de
2021

31 de dezembro de
2020

30 de setembro de
2020

Caixa e investimentos em curto prazo

US$ 2.942

US$ 2.682

US$ 3.006

US$ 3.837

Empréstimos de curto prazo e posição atual da dívida de longo prazo

(1.025)

(36)

(850)

(1.292)

Dívida de longo prazo

(14.370)

(15.687)

(16.036)

(16.471)

Dívida líquida (1)

(US$ 12.453)

(US$ 13.041)

(US$ 13.880)

(US$ 13.926)

Detalhes de alterações na liquidez:

Nove

Terceiro

Nove

Meses

Trimestre

Meses

Períodos encerrados em 30 de setembro,

2021

2021

2020

Lucro líquido (prejuízo)

US$ 1.317

US$ 562

(US$ 10.868)

Despesas e créditos, líquido de imposto (2)

(36)

(36)

11.539

1.281

526

$671

Depreciação e amortização (3)

1.588

530

1.983

Despesa com remuneração com base em ações

229

73

318

Alteração no capital de giro

(798)

(40)

(822)

Restituição de imposto federal dos EUA

477

-

-

Outros

(58)

(19)

(84)

Fluxo de caixa das operações (4)

2.719

1.070

2.066

Despesas de capital

(694)

(273)

(858)

Investimentos APS

(305)

(117)

(252)

Dados sísmicos multicliente capitalizados

(21)

(9)

(86)

Fluxo de caixa livre (5)

1.699

671

870

Dividendos pagos

(524)

(175)

(1.560)

Rendimentos de planos de ações de funcionários

137

75

146

Programa de recompra de ações

-

-

(26)

Aquisições e investimentos de negócios, líquido de caixa adquirido mais dívida adquirida

(98)

(63)

(33)

Receitas de desinvestimentos

-

-

325

Outros

(79)

(49)

(149)

Mudança na dívida líquida antes do impacto das mudanças nas taxas de câmbio

1.135

459

(427)

Impacto das mudanças nas taxas de câmbio sobre a dívida líquida

292

129

(372)

Redução (aumento) da dívida líquida

1.427

588

(799)

Dívida líquida, começo do período

(13.880)

(13.041)

(13.127)

Dívida líquida, final do período

(US$ 12.453)

(US$ 12.453)

(US$ 13.926)

(1)

"Dívida líquida" representa a dívida bruta menos espécie e investimentos de curto prazo. A gerência acredita que o indicador de dívida líquida oferece informações úteis sobre o nível de endividamento da Schlumberger ao informar a quantia em espécie e os investimentos que podem ser usados para amortizar dívidas. Dívida líquida é uma medida financeira não GAAP, que deve ser considerada adicionalmente, e não como substituto ou superior à dívida total.

(2)

Consulte a seção intitulada "Encargos e créditos" para obter detalhes.

(3)

Inclui depreciação de propriedade, instalações e equipamentos e amortização de ativos intangíveis, custos de dados sísmicos multicliente e investimentos APS.

(4)

Inclui pagamento de indenizações de US$ 226 milhões e US$ 42 milhões durante os nove meses e o terceiro trimestre encerrados em 30 de setembro de 2021, respectivamente; e US$ 699 milhões e US$ 273 milhões durante os nove meses e o terceiro trimestre encerrados em 30 de setembro de 2020, respectivamente.

(5)

"Fluxo de caixa livre" representa o fluxo de caixa das operações menos as despesas de capital, investimentos APS e custos de dados sísmicos multicliente capitalizados. A administração acredita que o fluxo de caixa livre é uma medida de liquidez importante para a empresa e útil para os investidores e para a gestão como uma medida da capacidade da Schlumberger de geração de caixa. Uma vez que as necessidades e as obrigações do negócio são atendidas, esse dinheiro pode ser usado para reinvestir na empresa, para crescimento futuro ou para devolver aos nossos acionistas por meio de pagamentos de dividendos ou recompra de ações. O fluxo de caixa livre não representa o fluxo de caixa residual disponível para despesas discricionárias. O fluxo de caixa livre é uma medida financeira não GAAP que deve ser considerada além de, não como substituto para, ou superior, ao fluxo de caixa livre de operações.

Encargos e créditos

Além de resultados financeiros determinados de acordo com os princípios contábeis geralmente aceitos (generally accepted accounting principles, GAAP) dos EUA, este comunicado do terceiro trimestre de 2021 inclui também medidas financeiras não GAAP (conforme definição na Norma G da SEC). Além das medidas financeiras não GAAP discutidas em "Liquidez", receita líquida (prejuízo), excluindo encargos e créditos e receita operacional do segmento antes dos impostos, bem como medidas dele derivadas (incluindo EPS diluído, excluindo encargos e créditos; o lucro líquido da Schlumberger [prejuízo], excluindo encargos e créditos; taxa de imposto efetiva, excluindo encargos e créditos; e EBITDA ajustado) são medidas financeiras não GAAP. A administração acredita que estas medidas financeiras permite avaliar, de forma mais eficaz, o período de operações da Schlumberger durante o período e identificar as tendências operacionais que poderiam ser mascarados pelos itens excluídos. Algumas destas medidas também são utilizadas pela administração como medidas de desempenho na determinação de certa compensação de incentivo. As medidas financeiras não GAAP anteriores devem ser consideradas adicionalmente, e não como um substituto ou superior a outras medidas de desempenho financeiras preparadas de acordo com GAAP. O seguinte são as reconciliações de algumas destas medidas não GAAP com as medidas GAAP comparáveis. Para a reconciliação do EBITDA ajustado com a medida GAAP comparável, consulte a seção intitulada "Informações complementares" (Pergunta 9).

(em milhões, exceto por quantidade de ações)

Terceiro trimestre de 2021

Antes dos impostos

Impostos

Participações
minoritárias

Líquido

EPS
diluído

Lucro líquido da Schlumberger (base GAAP)

US$ 691

US$ 129

US$ 12

US$ 550

US$ 0,39

Ganho não realizado sobre títulos negociáveis (1)

(47)

(11)

-

(36)

(0,03)

Lucro líquido da Schlumberger, excluindo encargos e créditos

US$ 644

US$ 118

US$ 12

US$ 514

US$ 0,36

Terceiro trimestre de 2020

Antes dos impostos

Impostos

Participações
minoritárias

Líquido

EPS
diluído

Prejuízo líquido da Schlumberger (base GAAP)

(US$ 54)

US$ 19

US$ 9

(US$ 82)

(US$ 0,06)

Custos por saída da linha de crédito

254

39

-

215

0,15

Redução da força de trabalho

63

-

-

63

0,05

Outros

33

1

-

32

0,02

Lucro líquido da Schlumberger, excluindo encargos e créditos

US$ 296

US$ 59

US$ 9

US$ 228

US$ 0,16

Nove meses de 2021

Antes dos impostos

Impostos

Participações
minoritárias

Líquido

EPS
diluído*

Lucro líquido da Schlumberger (base GAAP)

US$ 1.618

US$ 301

US$ 37

US$ 1.280

US$ 0,90

Ganho não realizado sobre títulos negociáveis (1)

(47)

(11)

-

(36)

(0,03)

Lucro líquido da Schlumberger, excluindo encargos e créditos

US$ 1.571

US$ 290

US$ 37

US$ 1.244

US$ 0,88

(em milhões, exceto por quantidade de ações)

Nove meses de 2020

Antes dos impostos

Impostos

Participações
minoritárias

Líquido

EPS
diluído*

Prejuízo líquido da Schlumberger (base GAAP)

(US$ 11.769)

(US$ 901)

US$ 24

(US$ 10.892)

(US$ 7,84)

Fundo de comércio

3.070

-

-

3.070

2,21

Prejuízo com ativos intangíveis

3.321

815

-

2.506

1,80

Investimentos em soluções de desempenho de ativos

1.994

11

-

1.983

1,43

Redução da força de trabalho

1.286

78

-

1.208

0,87

Depreciação do ativo fixo

666

52

-

614

0,44

Baixas de estoque

603

49

-

554

0,40

Reduções no bombeamento por pressão na América do Norte

587

133

-

454

0,33

Deterioração de ativos de direito de uso

311

67

-

244

0,18

Custos por saída da linha de crédito

254

39

-

215

0,15

Custos associados à saída de algumas atividades

205

(25)

230

0,17

Deterioração de dados sísmicos multicliente

156

2

-

154

0,11

Recompra de títulos

40

2

-

38

0,03

Ganho de corte benefícios pós-aposentadoria

(69)

(16)

-

(53)

(0,04)

Outros

172

14

-

158

0,11

Subsídio de avaliação

-

(164)

-

164

0,12

Lucro líquido da Schlumberger, excluindo encargos e créditos

US$ 827

US$ 156

US$ 24

US$ 647

US$ 0,46

*A soma não bate devido ao arredondamento.

(1)

Classificado por Juros e outras receitas na Demonstração consolidada condensada dos resultados (Prejuízo)

Salvo indicação em contrário, todos os Encargos e créditos são classificados em Depreciação e outros na Demonstração consolidada condensada do resultado (Prejuízo).

Divisões

(em milhões)

Três meses encerrados em

30 de setembro de 2021

30 de junho de 2021

30 de setembro de 2020

Receita

Lucro
antes dos
impostos

Receita

Lucro
antes dos
impostos

Receita

Lucro
(Prejuízo)
antes dos
impostos

Digital e integração

US$ 812

US$ 284

US$ 817

US$ 274

US$ 738

US$ 201

Desempenho de reservatórios

1.192

190

1.117

156

1.215

103

Construção de poços

2.273

345

2.110

272

1.837

173

Sistemas de produção

1.674

166

1.681

171

1.532

132

Eliminações e outros

(104)

(77)

(91)

(66)

(64)

(34)

Receita operacional por segmento, antes dos impostos

908

807

575

Corporativos e outros

(145)

(138)

(151)

Renda de juros (1)

8

5

3

Despesa com juros (1)

(127)

(132)

(131)

Encargos e créditos (2)

47

-

(350)

US$ 5.847

US$ 691

US$ 5.634

US$ 542

US$ 5.258

(US$ 54)

(em milhões)

Nove meses encerrados

30 de setembro de 2021

30 de setembro de 2020

Receita

Lucro
antes dos
impostos

Receita

Lucro
(Prejuízo)
antes dos
impostos

Digital e integração

US$ 2.401

US$ 805

US$ 2.235

US$ 458

Desempenho de reservatórios

3.312

448

4.354

259

Construção de poços

6.319

827

6.747

687

Sistemas de produção

4.946

475

5.001

467

Eliminações e outros

(274)

(176)

(268)

(124)

Receita operacional por segmento, antes dos impostos

2.379

1.747

Corporativos e outros

(434)

(548)

Renda de juros (1)

17

25

Despesa com juros (1)

(391)

(397)

Encargos e créditos (2)

47

(12.596)

US$ 16.704

US$ 1.618

US$ 18.069

(US$ 11.769)

(1)

Exclui valores que estão incluídos nos resultados dos segmentos

(2)

Consulte a seção intitulada "Encargos e créditos" para obter detalhes.

Informações complementares

Perguntas frequentes (FAQs)

1)

Qual é a orientação para investimento de capital para o ano inteiro de 2021?

O investimento de capital (composto por investimentos em capex, multiclientes e APS) para todo o ano de 2021 agora deverá ser de aproximadamente US$ 1,6 bilhão. O investimento de capital para o ano de 2020 foi de US$ 1,5 bilhão.

2)

Qual foi o fluxo de caixa operacional e o fluxo de caixa livre para o terceiro trimestre de 2021?

O fluxo de caixa de operações do terceiro trimestre de 2021 foi de US$ 1,07 bilhão e o fluxo de caixa livre foi de US$ 671 milhões apesar dos pagamentos de indenizações de US$ 42 milhões durante o trimestre.

3)

O que foi incluído em "Juros e outros rendimentos" para o terceiro trimestre de 2021?

"Juros e outros rendimentos" para o terceiro trimestre de 2021 foi de US$ 56 milhões. Esse valor consistiu em um ganho não realizado sobre títulos negociáveis ​​de US$ 47 milhões (consulte a Pergunta 11), receita de juros de US$ 8 milhões e ganhos de investimentos pelo método de equivalência patrimonial de US$ 1 milhão.

4)

Como os rendimentos de juros e as despesas com juros mudaram durante o terceiro trimestre de 2021?

A renda de juros de US$ 8 milhões do terceiro trimestre de 2021 diminuiu US$ 2 milhões sequencialmente. As despesas com juros de US$ 130 milhões reduziram US$ 6 milhões, sequencialmente.

5)

Qual é a diferença entre o lucro consolidado (prejuízo) antes dos impostos e o lucro operacional do segmento antes dos impostos da Schlumberger?

A diferença consiste de itens corporativos, encargos e créditos e renda de juros e despesa com juros não alocados aos segmentos, bem como despesa com remuneração com base em ações, despesa com amortização associada a alguns ativos intangíveis, algumas iniciativas gerenciadas de modo centralizado e outros itens não operacionais.

6)

Qual foi a taxa efetiva de impostos (ETR) para o terceiro trimestre de 2021?

A ETR do terceiro trimestre de 2021, calculada de acordo com GAAP, foi de 18,6% em comparação com 18,2% do segundo trimestre de 2021. O ETR do terceiro trimestre de 2021, excluindo encargos e créditos, foi de 18,3%. Não houve encargos ou créditos durante o segundo trimestre de 2021.

7)

Quantas ações ordinárias estavam em circulação em 30 de setembro de 2021 e como isso mudou a partir do fim do trimestre anterior?

Havia 1,403 bilhão de ações ordinárias em circulação em 30 de setembro de 2021, e 1,398 bilhão em 30 de junho de 2021.

(em milhões)

Ações em circulação em 30 de junho de 2021

1.398

Ações emitidas de acordo com o plano de compra de ações de funcionários

3

Aquisição de ações restritas

2

Ações em circulação em 30 de setembro de 2021

1.403

8)

Qual foi o número médio ponderado de ações em circulação durante o terceiro trimestre de 2021 e o segundo trimestre de 2021? Como isso se reconcilia com o número médio de ações em circulação, presumindo a diluição, usado no cálculo do lucro diluído por ação?

O número médio ponderado de ações em circulação durante o terceiro trimestre de 2021 foi de 1,402 bilhão, e de 1,398 bilhão durante o segundo trimestre de 2021. Abaixo está uma reconciliação da média ponderada de ações em circulação com relação ao número médio de ações em circulação, presumindo a diluição usada no cálculo do lucro diluído por ação.

(em milhões)

Terceiro trimestre
2021

Segundo trimestre de
2021

Média ponderada de ações em circulação

1.402

1.398

Ações restritas não adquiridas

22

23

Média de ações em circulação, assumindo diluição

1.424

1.421

9)

Qual foi o EBITDA ajustado da Schlumberger no terceiro trimestre de 2021, no segundo trimestre de 2021 e no terceiro trimestre de 2020?

O EBITDA ajustado da Schlumberger foi de US$ 1,296 bilhão no terceiro trimestre de 2021, de US$ 1,198 bilhão no terceiro trimestre de 2021 e de 1,018 bilhão no terceiro trimestre de 2020, e foram calculados como segue:

(em milhões)

Terceiro trimestre
2021

Segundo trimestre de
2021

Terceiro trimestre de
2020

Lucro (prejuízo) líquido atribuível à Schlumberger

US$ 550

US$ 431

(US$ 82)

Lucro líquido atribuível à participação minoritária

12

12

9

Despesa com impostos (benefício)

129

99

19

Lucro (prejuízo) antes dos impostos

US$ 691

US$ 542

(US$ 54)

Encargos e créditos

(47)

-

350

Depreciação e amortização

530

526

587

Despesa com juros

130

136

138

Receita de juros

(8)

(6)

(3)

EBITDA ajustado

US$ 1.296

US$ 1.198

US$ 1.018

O EBITDA ajustado representa a receita antes de impostos e excluindo encargos e crédito, depreciação e amortização, despesa com juros e receita com juros. A administração acredita que o EBITDA ajustado é uma medida importante de lucratividade para a Schlumberger e que permite aos investidores e à administração avaliar com mais eficiência as operações da Schlumberger período a período, além de identificar tendências operacionais que poderiam estar ocultas de outra forma. O EBITDA ajustado também é utilizado pela administração como medida de desempenho na determinação de certa compensação de incentivo. O EBITDA ajustado deve ser considerado como adição, e não como um substituto ou superior a outras medidas de desempenho financeiras preparadas de acordo com GAAP.

10)

Quais foram os componentes das despesas de depreciação e amortização no terceiro trimestre de 2021, no segundo trimestre de 2021, e no terceiro trimestre de 2020?

Os componentes das despesas de depreciação e amortização no terceiro trimestre de 2021, no segundo trimestre de 2021, e no terceiro trimestre de 2020 foram os seguintes:

(em milhões)

Terceiro trimestre
2021

Segundo trimestre de
2021

Terceiro trimestre de
2020

Depreciação do imobilizado

US$ 350

US$ 352

US$ 385

Amortização do investimento APS

82

77

87

Amortização de ativos intangíveis

75

75

79

Amortização de custos de dados sísmicos multicliente capitalizados

23

22

36

US$ 530

US$ 526

US$ 587

11)

Com o que os US$ 47 milhões de taxas antes de impostos registrados no terceiro trimestre de 2021 estão relacionados?

Durante o terceiro trimestre de 2021, uma empresa iniciante na qual a Schlumberger investiu anteriormente foi adquirida. Como resultado dessa transação, a participação acionária da Schlumberger foi convertida em ações de uma empresa de capital aberto. Como resultado, a Schlumberger reconheceu um ganho não realizado de US$ 47 milhões para aumentar o valor contábil desse investimento para seu valor justo. Esse ganho não realizado é refletido em Juros e outras receitas na Demonstração consolidada dos resultados (Prejuízo).

Sobre a Schlumberger

A Schlumberger (SLB: NYSE) é uma empresa de tecnologia que faz parceria com clientes para acessar energia. Nosso pessoal, representando mais de 160 nacionalidades, está fornecendo soluções digitais líderes e implementando tecnologias inovadoras para permitir desempenho e sustentabilidade para o setor de energia global. Com experiência em mais de 120 países, colaboramos para criar tecnologia que dá acesso à energia para o benefício de todos.

Saiba mais em www.slb.com

*Marca da Schlumberger ou de uma empresa Schlumberger. Outros nomes de empresas, produtos e serviços pertencem a seus respectivos proprietários.

Observações

A Schlumberger realizará uma teleconferência para discutir o comunicado à imprensa de receitas e o panorama comercial na sexta-feira, 22 de outubro de 2021. A chamada está programada para começar às 9h30 horário da costa leste dos EUA (ET). Para acessar a teleconferência, que é aberta ao público, entre em contato com o operador da teleconferência pelo telefone +1 (844) 721-7241 na América do Norte ou +1 (409) 207-6955 fora da América do Norte, cerca de dez minutos antes do horário de início agendado para a conferência e forneça o código de acesso 8858313. Na conclusão da teleconferência, uma reprodução de áudio estará disponível até 22 de novembro de 2021, ligando para +1 (866) 207-1041 na América do Norte, ou +1 (402) 970-0847 fora da América do Norte, e informando o código de acesso 6702282. A teleconferência será transmitida pela internet simultaneamente em www.slb.com/irwebcast apenas com áudio. Uma reprodução do webcast também estará disponível no mesmo site até 22 de novembro de 2021.

Esta divulgação de ganhos do terceiro trimestre de 2021, bem como outras declarações que fazemos, contêm "declarações prospectivas" de acordo com o significado das leis de títulos federais, que incluem quaisquer declarações que não sejam fatos históricos. Tais declarações frequentemente contêm palavras como "espera", "pode", "acredita", "prevê", "planeja", "potencial", "projetado", "projeções", "previsão", "estima", "pretende", "antecipa", "ambiciona", "objetivo", "alvo", "pensa", "deveria", "poderia", "iria", "irá", "vê", "provavelmente", e outras palavras similares. As declarações prospectivas lidam com problemas que são, em diversos graus, incertos, tais como declarações sobre nossos objetivos de desempenho e financeiros e outras previsões ou expectativas relacionadas ou que dependem de nossas perspectivas de negócios, o crescimento da Schlumberger como um todo e para cada uma das suas Divisões (e para linhas de negócios especificadas, áreas geográficas ou tecnologias dentro de cada Divisão); demanda por petróleo e gás natural e crescimento da produção; preços do petróleo e do gás natural; previsões ou expectativas relacionadas à transição energética e à mudança climática global; melhorias nos procedimentos e tecnologias de operação; gastos com capital pela Schlumberger e pelo setor de petróleo e gás; nossas estratégias de negócio, incluindo digital e "adequada para a bacia", bem como as estratégias dos nossos clientes; nossa taxa de impostos efetiva; nossos projetos APS; joint ventures e outras alianças; nossa resposta à pandemia da COVID-19 e a preparação para outras emergência de saúde difundidas; acesso a matérias-primas; condições econômicas e geopolíticas globais futuras; liquidez futura e resultados futuros das operações como, por exemplo, níveis de margem. Essas declarações estão sujeitas a riscos e incertezas, incluindo, entre outras, mudanças nas condições econômicas globais; mudanças nos gastos de exploração e produção pelos clientes da Schlumberger e mudanças no nível de exploração e desenvolvimento de petróleo e gás natural; resultados das operações e condição financeira dos clientes e fornecedores da Schlumberger; incapacidade da Schlumberger de alcançar suas metas financeiras e de desempenho; incapacidade da Schlumberger de alcançar os objetivos de emissões de carbono zero ou objetivos provisórios de redução de emissões; condições econômicas, geopolíticas e comerciais gerais em regiões-chave do mundo; risco em moeda estrangeira; pressão de preços; inflação; fatores climáticos e sazonais; efeitos desfavoráveis ​​das pandemias da saúde; disponibilidade e custo de matérias-primas; modificações operacionais, atrasos ou cancelamentos; desafios na cadeia de suprimentos da Schlumberger; quedas de produção; incapacidade da Schlumberger de reconhecer as eficiências e os benefícios pretendidos de suas estratégias e iniciativas de negócios, como digital ou Schlumberger New Energy; bem como seus planos de restruturação e de redução de custos estruturais; mudanças nos regulamentos governamentais e requisitos regulatórios, incluindo aqueles relacionados à exploração offshore de petróleo e gás, fontes radioativas, explosivos, produtos químicos e iniciativas relacionadas ao clima; incapacidade da tecnologia de enfrentar novos desafios na exploração; competitividade de fontes alternativas de energia ou substitutos de produtos; e outros riscos e incertezas detalhados neste comunicado de resultados do segundo trimestre de 2021 e nossos Formulários 10-K, 10-Q e 8-K mais recentes arquivados ou fornecidos à Securities and Exchange Commission. Se um ou mais desses ou outros riscos ou incertezas se materializarem (ou as consequências de tais mudanças de desenvolvimento), ou se nossas premissas subjacentes se mostrarem incorretas, os resultados reais podem divergir materialmente dos refletidos em nossas declarações prospectivas. As declarações nesta divulgação de resultados do terceiro trimestre foram feitas na data deste comunicado e a Schlumberger descarta qualquer intenção ou obrigação de atualizar ou revisar tais declarações, seja como resultado de novas informações, eventos futuros ou qualquer outra razão.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Ver a versão original em businesswire.com: https://www.businesswire.com/news/home/20211023005018/pt/

Contacts

Ndubuisi Maduemezia — Vice-presidente de Relacionamento com Investidores, Schlumberger Limited
Joy V. Domingo — Diretor de Relacionamento com Investidores, Schlumberger Limited
Escritório +1 (713) 375-3535
investor-relations@slb.com

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos