Mercado fechado
  • BOVESPA

    115.202,23
    +2.512,23 (+2,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.342,54
    +338,34 (+0,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,28
    +0,19 (+0,29%)
     
  • OURO

    1.698,20
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    50.237,16
    +1.733,43 (+3,57%)
     
  • CMC Crypto 200

    982,93
    +39,75 (+4,21%)
     
  • S&P500

    3.841,94
    +73,47 (+1,95%)
     
  • DOW JONES

    31.496,30
    +572,20 (+1,85%)
     
  • FTSE

    6.630,52
    -20,36 (-0,31%)
     
  • HANG SENG

    29.098,29
    -138,51 (-0,47%)
     
  • NIKKEI

    28.864,32
    -65,78 (-0,23%)
     
  • NASDAQ

    12.652,50
    -11,25 (-0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7811
    -0,0048 (-0,07%)
     

São Paulo pretende dispensar 70 jogadores; economia pode valer reforços

Jorge Nicola
·1 minuto de leitura
Hudson é um dos mais conhecidos na lista de atletas que pode ser dispensado (Thiago Ribeiro/Agif)
Hudson é um dos mais conhecidos na lista de atletas que pode ser dispensado (Thiago Ribeiro/Agif)

Você sabia que o São Paulo tem hoje aproximadamente 120 jogadores com contrato profissional que não são aproveitados no time de cima? Novo presidente tricolor, Julio Casares quer reduzir essa relação para no máximo 50 atletas e já deu tal missão para o Comitê Avançado de Futebol (CAF).

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

O órgão consultivo vai contar com quatro conselheiros e três ex-jogadores ainda não definidos: Kaká, Zetti e Edmilson são os preferidos do presidente e a escolha precisa ser feita logo, pois o CAF fará sua primeira reunião na segunda-feira.

Leia também:

A lista dos 120 jogadores conta com alguns bastante conhecidos, como o volante Hudson, o goleiro Jean e os atacantes Calazans e Everton Felipe. Mas o grosso da relação é composto por atletas da base com mais de 16 anos de idade.

Os sete membros do CAF serão responsáveis por analisar cada um dos jogadores para dizer quais os 70 que não ficarão no Morumbi. Aí, neste segundo momento, entrará em ação o novo diretor-executivo de futebol, Rui Costa, que precisará encontrar soluções para todos os casos.

Grana reinvestida: A boa notícia para o torcedor do São Paulo é que a enorme economia prevista com as saídas de até 70 jogadores será reutilizada na contratação de reforços para o elenco principal.

Nem o Tricolor tem ao certo o tamanho do custo dos 120 atletas não utilizados no time profissional, mas certamente o número supera alguns milhões de reais por mês.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos