Mercado fechado

Antes de decisão na Libertadores, Santos fica no empate com o Botafogo na retomada do Paulista

LANCE!/DIÁRIO DO PEIXE
·2 minuto de leitura


O Santos poupou os titulares e ficou no empate em 0 a 0 com o Botafogo na noite deste sábado, na Vila Belmiro, na retomada do Campeonato Paulista. O Peixe contou com os retornos de Copete e Kaio Jorge no segundo tempo, teve um gol de Luiz Felipe anulado pelo VAR, mas não conseguiu superar a defesa do Botafogo, que teve bons momentos durante a partida.

>>Confira a classificação do Paulista e simule resultados

Com o resultado, o Peixe chega a seis pontos e assume a vice-liderança do grupo D. Na próxima rodada, sexta-feira (16), o time comandado por Ariel Holan enfrenta a Ponte Preta, em Campinas. Antes, a equipe enfrenta o San Lorenzo, terça-feira, no Mané Garrincha, em jogo válido pela terceira fase da Copa Libertadores. O Peixe joga pelo empate para avançar à etapa de grupos da competição continental.

O jogo

Mesmo com um time totalmente reserva, o Santos começou melhor a partida. Aos sete minutos, Jean Mota cobrou falta da entrada da área e o goleiro Igor mandou para escanteio. Aos 11, após cobrança de falta da esquerda, Luiz Felipe desviou de cabeça para o gol e marcou. O árbitro deu o gol, mas, após alguns minutos, o VAR anulou marcando impedimento.

Depois do gol anulado, o Botafogo cresceu. Aos 16 minutos, Sandro errou passe, Emerson aproveitou e deu bom lançamento para Richard nas costas da zaga, invadiu a área e chutou por cima do gol, perdendo grande chance. Aos 29, Richard chutou da entrada da área, John defendeu e a bola ainda bateu no travessão antes de sair para escanteio.

O Santos só voltou a ameaçar aos 43 minutos, em chute de Jean Mota defendido pelo goleiro Igor, e aos 46, em chute de Ângelo que saiu à esquerda do gol do Botafogo.

O segundo tempo começou muito truncado. O Botafogo teve uma chance aos 11 minutos em chute de Michel, que saiu à esquerda do gol de John.

O Santos teve o retorno de Kaio Jorge após quase dois meses. O jogador entrou aos 16 minutos e, aos 34, teve uma boa chance após jogada de Lucas Venuto pela esquerda, mas cabeceou para fora.

SANTOS 0 X 0 BOTAFOGO

Estádio: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Árbitro: Adriano de Assis Miranda
Cartões amarelos: Luiz Felipe (Santos); Victor Ramos e John (Botafogo)

SANTOS
John, Sandro (Vinícius Balieiro, no intervalo, depois Copete, aos 30' 2ºT)), Luiz Felipe, Alex e Jhonnathan; Kevin Malthus, Lucas Lourenço e Jean Mota (Renyer, aos 32' 2ºT); Ângelo, Bruno Marques (Kaio Jorge, aos 16' 2ºT) e Allanzinho (Lucas Venuto, aos 16' 2ºT). Técnico: Ariel Holan

BOTAFOGO-SP
Igor, Rodrigo Ferreira, Fabão, Victor Ramos e Pará; Victor Bolt (Matheus Santos, aos 32' 2ºT), Richard e Renatinho (Michel, no intervalo); Emerson (Jhon, aos 32' 2ºT), Neto Pessoa (Kaio Magno, aos 19' 2ºT) e Dudu (Luketa, aos 23' 2ºT). Técnico: Argel Fuchs