Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.036,79
    +2.372,79 (+2,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.626,80
    -475,80 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,76
    +2,27 (+2,86%)
     
  • OURO

    1.672,00
    0,00 (0,00%)
     
  • BTC-USD

    19.203,55
    -91,07 (-0,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,49
    +0,06 (+0,01%)
     
  • S&P500

    3.585,62
    -54,85 (-1,51%)
     
  • DOW JONES

    28.725,51
    -500,09 (-1,71%)
     
  • FTSE

    6.893,81
    +12,22 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    17.222,83
    +56,93 (+0,33%)
     
  • NIKKEI

    25.937,21
    -484,89 (-1,84%)
     
  • NASDAQ

    10.982,50
    -53,00 (-0,48%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3040
    +0,0060 (+0,11%)
     

Samsung tem dados de clientes roubados em ataque cibernético

A Samsung comunicou nesta sexta-feira (2) que sofreu um problema de segurança que vazou dados de nome, contato, informações demográficas, data de nascimento e registro de produto de um número ainda desconhecido de clientes. A empresa disse, contudo, que os números de CPF ou dos cartões de crédito e débito não foram afetados.

“A Samsung detectou o incidente e tomou medidas para proteger os sistemas afetados. Como parte de nossa investigação em andamento, contratamos uma empresa líder de segurança cibernética externa e estamos coordenando com a aplicação da lei. Estamos notificando os clientes para conscientizá-los sobre esse assunto”, afirmou.

A fabricante sul-coreana detectou um agente desconhecido que invadiu os sistemas no fim de julho. A companhia afirmou que pretende aprimorar a segurança e privacidade e lamentou o episódio, destacando que, por enquanto, os clientes não precisam tomar nenhuma medida, apenas tomar cuidado com e-mails desconhecidos e atividades suspeitas.

Vale lembrar que o grupo Lapsus_jobs(data.conteudo)nbsp; obteve em março cerca de 190 GB de dados confidenciais da Samsung. Entre as informações estavam o código-fonte do bootloader de todos os dispositivos recentes da Samsung, além de conteúdo relacionado a recursos altamente sensíveis, como autenticação biométrica e criptografia dos aparelhos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: