Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,88 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,40 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +0,07 (+0,06%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,00 (+0,16%)
     
  • BTC-USD

    29.978,04
    +583,75 (+1,99%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,80 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,54 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,23 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -2,75 (-0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1538
    -0,0650 (-1,25%)
     

Samsung registra nova patente de celular com tela deslizante e flexível

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A Samsung ganhou destaque nos últimos anos pelo alto investimento em celulares com telas dobráveis, além de registrar diversas patentes com formatos novos. Dessa vez, a documentação homologada mostra um smartphone com display que pode ser estendido em alguns centímetros para o lado, por meio de um sistema deslizante.

Patente mostra aparelho da Samsung com sistema de tela que desliza para o lado (Imagem: WIPO)
Patente mostra aparelho da Samsung com sistema de tela que desliza para o lado (Imagem: WIPO)

Ao contrário de modelos como o Galaxy Z Flip 3 ou Galaxy Z Fold 3, este novo aparelho teria uma construção rígida. Apenas os componentes de tela são flexíveis, e se estendem da lateral até o painel traseiro do celular quando ele está em modo compacto.

A princípio, o registro indica que a tela terá somente duas fases — aberto ou fechado, sem um intermediário. Não é certo se o acionamento do mecanismo se daria por meio do deslizar físico dos dedos — como em um protótipo da Oppo —, ou com algum comando de software.

A ilustração também não faz menção a como ficariam os botões físicos do dispositivo, já que a seção flexível do display parece ocupar a sua lateral direita. No Mi Mix Alpha, protótipo da Xiaomi que oferecia uma proposta semelhante, os comandos são substituídos por sensores capazes de identificar níveis de pressão aplicados pelos dedos.

De acordo com as ilustrações anexas na patente, pouco menos da metade da tampa traseira seria ocupada pela porção de display. De forma curiosa, o módulo de câmeras aparece alinhado no canto superior direito do dispositivo, o que praticamente não é visto em smartphones atuais.

Desta forma, a patente sugere que as câmeras traseiras poderiam servir também para as selfies, já que a tela voltada para trás serviria como um retorno visual para ajustes de enquadramento e outros aspectos. Mesmo assim, o dispositivo manteria uma lente frontal parecida com as vistas em dispositivos já lançados pela marca.

No mês passado, a Samsung já tinha registrado uma patente de celular com tela deslizante transparente no WIPO (Organização Mundial de Propriedade Intelectual, na sigla em inglês), mesmo órgão em que a nova documentação foi apresentada.

Entretanto, a simples emissão de documentações do tipo não garante que a marca coreana irá efetivamente lançar um celular com estas características. Processos internos de validação precisam ser realizados, e o lançamento de patentes também pode servir como mero aparato jurídico contra suas concorrentes.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos