Mercado fechará em 10 mins
  • BOVESPA

    109.845,62
    +2.466,70 (+2,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    42.894,33
    +627,13 (+1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    44,93
    +1,87 (+4,34%)
     
  • OURO

    1.805,80
    -32,00 (-1,74%)
     
  • BTC-USD

    19.169,90
    +717,94 (+3,89%)
     
  • CMC Crypto 200

    380,07
    +10,32 (+2,79%)
     
  • S&P500

    3.635,00
    +57,41 (+1,60%)
     
  • DOW JONES

    30.033,98
    +442,71 (+1,50%)
     
  • FTSE

    6.432,17
    +98,33 (+1,55%)
     
  • HANG SENG

    26.588,20
    +102,00 (+0,39%)
     
  • NIKKEI

    26.165,59
    +638,22 (+2,50%)
     
  • NASDAQ

    12.071,00
    +165,75 (+1,39%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3935
    -0,0468 (-0,73%)
     

Samsung prepara celular intermediário com armazenamento inédito, diz rumor

Diego Sousa
·1 minuto de leitura

A Samsung lançou o Galaxy M51 em agosto deste ano com destaque para a bateria de 7.000 mAh — a maior disponível em um celular da sul-coreana —, mas já prepara seu sucessor para o ano que vem. O site SamMobile, especializado em produtos da empresa, informa com exclusividade que o novo smartphone manterá a capacidade de energia do anterior, mas contará com armazenamento interno inédito na linha.

As informações sugerem um celular com código de modelo SM-M625F, indicando um nome comercial "Galaxy M62". As principais características do M51 devem ser mantidas na nova geração, como bateria de 7.000 mAh, chipset Snapdragon da série 700, conjunto de câmeras quádrupla e a tela AMOLED.

Galaxy M51 tem bateria de 7.000 mAh e memória RAM de 128 GB (Foto: Divulgação/Samsung)
Galaxy M51 tem bateria de 7.000 mAh e memória RAM de 128 GB (Foto: Divulgação/Samsung)

A principal novidade, aqui, seria o armazenamento interno, com até 256 GB. Se confirmado, seria o primeiro smartphone intermediário da Samsung com essa capacidade, atualmente usada somente nas opções premium. Ainda não há detalhes sobre outras variantes do dispositivo.

Ou seja, além de celular com maior bateria e espaço interno, o Galaxy M62 (nome não oficial) também deve ser o mais caro entre os intermediários 4G da Samsung. Considerando que o Galaxy M51 foi lançado na Alemanha por 360 euros (R$ 2,3 mil em conversão direta), é esperado que seu sucessor chegue por cerca de 400 euros (R$ 2,5 mil), abaixo somente dos modelos 5G do Galaxy A51 e A71.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: