Mercado abrirá em 8 h 41 min
  • BOVESPA

    122.515,74
    +714,95 (+0,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.869,48
    +1,16 (+0,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,22
    -0,04 (-0,06%)
     
  • OURO

    1.814,10
    -8,10 (-0,44%)
     
  • BTC-USD

    38.726,18
    -998,34 (-2,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    944,24
    -16,66 (-1,73%)
     
  • S&P500

    4.387,16
    -8,10 (-0,18%)
     
  • DOW JONES

    34.838,16
    -97,31 (-0,28%)
     
  • FTSE

    7.081,72
    +49,42 (+0,70%)
     
  • HANG SENG

    25.987,16
    -248,64 (-0,95%)
     
  • NIKKEI

    27.560,66
    -220,36 (-0,79%)
     
  • NASDAQ

    14.965,75
    +13,00 (+0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1213
    -0,0228 (-0,37%)
     

Samsung pode lançar celular com tela destacável que vira smartwatch

·2 minuto de leitura

A Samsung recebeu, nesta semana, uma certificação de patente para um modelo de celular que teria a tela destacável do corpo do aparelho, para funcionar de forma separada do dispositivo. O registro foi solicitado pela sul-coreana junto à WIPO (Organização Mundial de Propriedade Intelectual, traduzido do inglês) em 2018, mas só no início dessa semana o registro foi concedido.

De acordo com os documentos, que foram encontrados pela equipe do 91Mobiles, a tela destacável desse dispositivo poderia ser utilizada como um smartwatch ou smartband, já que ela possui a característica de ser “enrolável”, ao ponto de se encaixar perfeitamente no pulso, como é mostrado na imagem anexada ao registro de patente.

Conforme é visto na imagem, apenas a parte superior da tela é destacável do corpo do celular. Essa área removível pode funcionar como um display secundário, para mostrar informações como data e hora, notificações ou até mesmo controle de mídia, por exemplo.

Patente mostra que tela destacável pode ser usada como smartwatch (Imagem: 91Mobiles)
Patente mostra que tela destacável pode ser usada como smartwatch (Imagem: 91Mobiles)

Além disso, apesar de também poder ser controlada pela tela principal, esse “pedaço” removível também conta com dois botões físicos, para controle de funções direto do pulso — ou de onde a tela estiver anexada. Quanto à conectividade, é possível que as duas partes do telefone — a principal e a removível — se comuniquem via Bluetooth para a troca de dados.

Quanto à bateria, é provável que a tela secundária seja recarregada por meio de conectores magnéticos ou de pinos, ligados ao conjunto principal do smartphone.

Por enquanto, não há informações sobre a possibilidade de a Samsung ter algo nesse sentido em desenvolvimento, até porque a solicitação já foi feita há alguns anos. No entanto, não será surpresa se a marca surgir com algum conceito inovador do tipo daqui alguns meses.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos