Mercado fechará em 4 h 14 min

Samsung Galaxy S21 FE: o que esperar do novo topo de linha acessível

·7 min de leitura

A Samsung fez uma aposta arriscada quando anunciou o Galaxy S10 Lite, modelo mais acessível da popular linha de celulares premium da marca. O aparelho destoava dos irmãos mais parrudos por entregar um conjunto mais equilibrado de especificações, focado no alto desempenho, tela de qualidade e bateria de longa duração com um preço significativamente mais baixo.

Com o sucesso do dispositivo, a gigante sul-coreana repetiu a fórmula com o Galaxy S20 FE, que refinou o conjunto ao adotar tela de 120 Hz, som estéreo e certificação IP68 de resistência à água e poeira, ausentes no antecessor. Outra mudança menos agradável aconteceu no processamento — assim como os modelos mais potentes, apenas alguns mercados receberam uma versão com chip Snapdragon, enquanto a maioria teve acesso à variante com Exynos.

A medida afetou as vendas e incentivou a fabricante a encerrar a produção da versão Exynos, para dar prioridade ao modelo com Snapdragon. Independente das falhas, a linha FE (Fan's Edition) ganhou popularidade pelo elevado custo-benefício que oferece, e já chegou a ser expandida para os tablets com o Galaxy Tab S7 FE.

Inúmeros rumores indicam que um novo modelo de celular — o Samsung Galaxy S21 FE — deve estrear ainda neste ano e, com a suposta janela de lançamento se aproximando, o Canaltech reuniu neste artigo todas as informações já conhecidas sobre o próximo topo de linha acessível da Samsung.

Design de Galaxy S21 com toques de Galaxy A

Assim como o antecessor, o Galaxy S21 FE deve empregar um design bastante similar ao da linha principal da Samsung, com painel plano de bordas finas, laterais em alumínio e traseira minimalista, munida de módulo de câmeras que se mescla às laterais do telefone. Curiosamente, o modelo deve adotar ainda alguns elementos presentes na família de intermediários Galaxy A.

Em vez de vidro, o painel traseiro pode utilizar uma placa de plástico com acabamento emborrachado, acompanhado de uma oferta amplas de cores pastéis, incluindo preto, branco, violeta, azul-marinho e verde-oliva.

Os renomados leakers Steve Hemmerstoffer e Evan Blass já trouxeram detalhes completos do visual do aparelho, incluindo um modelo 3D interativo, que você confere no vídeo acima.

Em postagem já removida, a Samsung basicamente confirmou a existência e o visual do Galaxy S21 FE (Imagem: Renan da Silva Dores/Captura de tela)
Em postagem já removida, a Samsung basicamente confirmou a existência e o visual do Galaxy S21 FE (Imagem: Renan da Silva Dores/Captura de tela)

Vale lembrar que a própria Samsung "confirmou" o design a ser empregado no Galaxy S21 FE em uma postagem no Instagram dedicada ao retorno às aulas. A publicação foi removida do ar, mas foi possível conferir a região do módulo de câmeras do aparelho, que segue exatamente o visual revelado pelos vazamentos.

A Samsung Colômbia reforçou as cores e o visual do Galaxy S21 FE em grande vazamento de cases oficiais (Imagem: Reprodução/Let's Go Digital/Samsung)
A Samsung Colômbia reforçou as cores e o visual do Galaxy S21 FE em grande vazamento de cases oficiais (Imagem: Reprodução/Let's Go Digital/Samsung)

Recentemente, a gigante sul-coreana voltou a reforçar o visual do novo intermediário premium com a divulgação antecipada de diversas cases oficiais no site da Samsung Colômbia. O material confirma as cores do modelo — preto, verde, branco e violeta — além das opções de acessórios, que incluem uma capa transparente com apoio incluso, bem como proteção de silicone com slot para pulseira.

Especificações lideradas pelo Snapdragon 888 e Exynos 2100

Reunindo informações reveladas por certificações emitidas em diversos países, o Samsung Galaxy S21 FE deve chegar ao mercado equipado com chipset Snapdragon 888, tela Super AMOLED Full HD+ de 6,4 polegadas com taxa de atualização de 120 Hz, além de até 8 GB de RAM e 256 GB de armazenamento, conjunto robusto que o tornaria uma das melhores opções custo-benefício do mercado.

Alguns rumores sinalizaram que, em virtude da escassez de chips, a Samsung poderia disponibilizar uma variante com Exynos 2100 em algumas regiões do mundo. A possibilidade ganhou força nas últimas semanas com a passagem da variante Exynos do aparelho por benchmarks como o Geekbench.

A variante com Exynos 2100 e Android 12 foi praticamente confirmada por testes vazados recentemente (Imagem: Reprodução/Geekbench)
A variante com Exynos 2100 e Android 12 foi praticamente confirmada por testes vazados recentemente (Imagem: Reprodução/Geekbench)

O modelo em questão trouxe performance compatível com topos de linha recentes ao marcar 1.096 pontos em single-core e 3.387 pontos em multi-core. Vale destacar ainda a presença de Android 12, ponto que não chega a ser uma surpresa considerando os atrasos da estreia do aparelho, e a recente disponibilização da nova versão do sistema do robozinho nos principais celulares da marca.

Assim como o antecessor, o novo topo de linha acessível deve chegar equipado com chips Snapdragon 888 e Exynos 2100 (Imagem: Divulgação/Qualcomm)
Assim como o antecessor, o novo topo de linha acessível deve chegar equipado com chips Snapdragon 888 e Exynos 2100 (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Ainda assim, a vantagem de desempenho deve pender novamente para o modelo com Snapdragon, ainda que neste ano o chip proprietário da Samsung tenha se mostrado uma opção muito mais sólida, estável e potente que seus antecessores, afetado por menos problemas de performance.

Um ponto interessante levantado por um dos rumores é que a Samsung estaria direcionando os recursos antes destinados ao Galaxy Note deste ano para o Galaxy S21 FE. De alguma maneira, o aparelho de baixo custo atuaria como uma espécie de substituto da lendária linha premium da companhia, mas não se sabe exatamente de que maneira.

Rumores sugerem que o Galaxy S21 FE pode assumir o posto de importância antes ocupado pela linha Galaxy Note no portfólio de celulares da Samsung (Imagem: Divulgação/Samsung)
Rumores sugerem que o Galaxy S21 FE pode assumir o posto de importância antes ocupado pela linha Galaxy Note no portfólio de celulares da Samsung (Imagem: Divulgação/Samsung)

A notícia causa incômodo, considerando que a linha Note já sofre com constantes especulações sobre um possível encerramento neste ano, apesar das promessas da marca de um lançamento em 2022.

Câmeras e bateria sem grandes novidades

Os vazamentos indicam ainda que o novo topo de linha acessível da Samsung não deve trazer grandes novidades em bateria. O tanque de energia deve manter os 4.500 mAh da geração anterior, além dos mesmos 15 W de carregamento rápido, velocidade baixa comparada com alguns concorrentes, e os recém-divulgados rumores de vermos aparelhos com recarga de 150 W chegando em breve.

A bateria do S21 FE deve ser idêntica à do antecessor S20 FE, enquanto as câmeras devem sofrer mudanças curiosas (Imagem: Divulgação/Samsung)
A bateria do S21 FE deve ser idêntica à do antecessor S20 FE, enquanto as câmeras devem sofrer mudanças curiosas (Imagem: Divulgação/Samsung)

Em fotografia, as mudanças aparentam ser mais marcantes, já que os detalhes vazados das lentes mostram novidades interessantes frente ao S20 FE e ao S21: o telefone pode trazer sensor principal de 64 MP, ultrawide também de 12 MP e sensor auxiliar de profundidade de 2 MP, além de uma lente para selfies de 32 MP.

Possível lançamento em janeiro e preço

O Galaxy S21 FE era esperado para chegar junto ao Galaxy Z Fold 3 e ao Galaxy Z Flip 3 durante o Unpacked realizado no início de agosto, o que não se concretizou. O motivo seria, mais uma vez, a escassez de componentes, que supostamente estaria impedindo a Samsung de fabricar o aparelho em massa em quantidades suficientes para atender aos mercados em que será disponibilizado.

Especulou-se que, justamente em virtude da escassez, o telefone seria lançado apenas em alguns países, e rumores apontavam que o Brasil não estaria entre eles. No entanto, o S21 FE já está homologado na Anatel, e deve sim chegar por aqui. A expectativa agora é que o anúncio ocorra em janeiro de 2022, durante evento Unpacked no dia 4. As vendas começariam cerca de uma semana depois, no dia 11.

O Samsung Galaxy S21 FE pode chegar já no início de 2022, em evento esperado para 4 de janeiro (Imagem: Steve Hemmerstoffer/Voice)
O Samsung Galaxy S21 FE pode chegar já no início de 2022, em evento esperado para 4 de janeiro (Imagem: Steve Hemmerstoffer/Voice)

Quanto aos preços, os rumores já detalham informações de algumas regiões. Os supostos valores a serem cobrados na Coreia do Sul trazem boas notícias — o Galaxy S21 FE deve ser notavelmente mais barato que o Galaxy S20 FE, custando entre 700 mil won e 800 mil won (algo entre R$ 3.220 e R$ 3.680, em conversão direta), contra 900 mil won (cerca de R$ 4.140) da geração passada.

A situação é menos positiva no restante das localidades: na Europa, o telefone deve ser comercializado por 920 euros (~R$ 5.730) na versão base, de 8 GB/128 GB, e por 985 euros (~R$ 6.135) na variante completa de 8 GB/256 GB. Por fim, no Reino Unido, os modelos custariam 776 libras (~R$ 5.760) e 831 libras (~R$ 6.130), respectivamente. Dito isso, é importante reforçar as diferenças resultantes de impostos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: