Mercado abrirá em 8 h 15 min
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.094,22 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,95 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,62
    -0,45 (-0,62%)
     
  • OURO

    1.807,30
    +5,50 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    38.382,36
    +3.951,50 (+11,48%)
     
  • CMC Crypto 200

    919,23
    +125,49 (+15,81%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,15 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    26.527,06
    -794,92 (-2,91%)
     
  • NIKKEI

    27.856,63
    +308,63 (+1,12%)
     
  • NASDAQ

    15.085,50
    -12,50 (-0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1233
    +0,0017 (+0,03%)
     

Samsung Exynos com AMD pode chegar a celulares de outras marcas

·2 minuto de leitura

Os chips Exynos da Samsung voltaram aos holofotes recentemente, mas desta vez por um bom motivo: o lançamento de um novo modelo premium com GPU AMD Radeon. A novidade foi oficializada no início do ano, ganhando novos detalhes recentemente durante a apresentação da AMD na Computex 2021, e promete ser um ponto de enorme evolução nos processadores da empresa.

Confirmado para equipar o próximo topo de linha da gigante sul-coreana, o Exynos 2200, como é conhecido até então, pode ter despertado a atenção de outras fabricantes, e possivelmente não será uma exclusividade da linha Galaxy, como apontam os mais recentes rumores divulgados na rede social chinesa Weibo.

Exynos com AMD pode ser usado por outras marcas

Segundo informações divulgadas pelo perfil Arsenal, o novo Exynos com GPU AMD, referido como Orion por motivos ainda desconhecidos, pode ser utilizado pela vivo. A notícia não chega a ser surpreendente: Samsung e vivo já colaboraram no passado, inclusive com o recente Exynos 1080 — o vivo X60 Curved Screen Edition foi o primeiro e até o momento único telefone a utilizar o chipset intermediário.

O comentário de Arsenal (traduzido via Google Tradutor) sugere que o Exynos com AMD pode chegar a smartphones de outras marcas (Imagem: Renan da Silva Dores/Captura de tela)
O comentário de Arsenal (traduzido via Google Tradutor) sugere que o Exynos com AMD pode chegar a smartphones de outras marcas (Imagem: Renan da Silva Dores/Captura de tela)

O usuário afirma ainda não ter muitas informações a respeito do consumo e do desempenho do novo processador, mas sugere que o componente será bastante poderoso, ainda que possa consumir mais energia que o polêmico Snapdragon 810.

Seja como for, a chegada do Exynos com AMD a outros telefones pode ser benéfica à Samsung, que terá a oportunidade de testar a novidade sem comprometer os próprios aparelhos, ou mesmo garantir um melhor retorno no investimento, enquanto coloca mais pressão na Qualcomm.

Chipset trará poderosa GPU com RDNA 2

Reunindo as informações já divulgadas oficialmente com os rumores e vazamentos, sabe-se que o Exynos com GPU AMD Radeon contará com a microarquitetura RDNA 2, mesma utilizada nos consoles de nova geração e nas placas Radeon RX 6000 para PC, e incluirá tecnologias de ponta como suporte a Ray Tracing e Variable Rate Shading (VRS), que diminui a complexidade da cena para aumentar o desempenho.

O Exynos com AMD pode chegar já em julho, superando concorrentes por grande margem (Imagem: Divulgação/Samsung)
O Exynos com AMD pode chegar já em julho, superando concorrentes por grande margem (Imagem: Divulgação/Samsung)

Especula-se que a novidade será extremamente potente, superando a concorrência, mesmo comparado aos chips da Apple, com folga. Rumores recentes publicados pelo leaker Ice Universe sugerem que a novidade pode chegar já em julho, e sofrer com intensos gargalos térmicos, perdendo até 30% de desempenho, mas que mesmo nesse cenário ainda se manterá à frente de soluções como a Mali-G78, equipada no Exynos 2100.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos