Mercado abrirá em 21 mins

Samsung Display teria conseguido as licenças para voltar a negociar com a Huawei

Diego Sousa
·1 minuto de leitura

A agência de notícia Reuters divulgou nesta terça-feira (27) que a Samsung Display (SDC), divisão de telas da Samsung e a maior fabricante de OLED do mundo, teria conseguido as licenças dos Estados Unidos para continuar fornecendo peças à Huawei. Em setembro deste ano, a Intel também já havia conseguido retomar os negócios com a marca chinesa.

Embora isso ainda não reverta a situação da Huawei no mercado de smartphones, é um fôlego extra que a empresa estava precisando para continuar lutando. Desde o dia 15 de setembro, prazo em que as fabricantes teriam que encerrar o fornecimento de peças que utilizassem tecnologias norte-americanas à marca chinesa, tanto a Samsung Display quanto a LG Display tiveram que interromper seus negócios com a companhia.

Apesar das licenças para continuar fornecendo painéis à Huawei, fontes familiarizadas com o assunto disseram à Reuters que não está claro se a Samsung Display seria capaz exportar seus painéis OLED à fabricante chinesa, uma vez que outras empresas na cadeia de suprimento de componentes necessários para a fabricação dos produtos também teriam que conseguir as licenças.

Além da Samsung, a Intel anunciou recentemente que conseguiu permissão do governo norte-americano para voltar a fornecer produtos à Huawei. Qualcomm, Sony, Kioxia, Simeconductor Manufacturing Internacional Corporation (SMIC) também haviam pedido autorizações especiais para negociar com a fabricante chinesa, mas nada foi oficializado.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: