Samsung deve adotar sistema do Google em seus próximos relógios

Felipe Junqueira
·2 minuto de leitura

A Samsung pode voltar a usar um sistema do Google em seus relógios inteligentes, abandonando o sistema operacional Tizen nos vestíveis. A opção pelo Wear OS pode abrir mais opções de aplicativos para o usuário, mas reduz as possibilidades de personalização da fabricante.

Os rumores de que a sul-coreana pensa em dispensar sua solução própria em favor do sistema operacional desenvolvido pelo Google foram publicados pelo informante Ice Universe, em sua conta no Twitter, e também pelo site SamMobile, que ouviu a informação de suas próprias fontes. Não há uma previsão para quando isso pode acontecer, mas existe a possibilidade de ser já na próxima geração do Galaxy Watch, a ser lançada ainda em 2021.

A troca é motivada, possivelmente, por conta da limitação de aplicativos disponíveis no sistema operacional Tizen. Segundo o SamMobile, o suporte para apps de terceiros não é o mesmo nos dois sistemas, e o Wear OS pode ampliar a oferta de aplicações para o usuário instalar em seu relógio inteligente, já que o suporte ao desenvolvedor é mais interessante no SO do Google.

Como ponto negativo, o Wear OS não é tão aberto a modificações pela fabricante como o Android de celulares e tablets, e a Samsung pode ter que deixar de lado o suporte a Bixby, por exemplo

Vai e volta

Galaxy Watch 3, lançado no ano passado, usa o sistema Tizen (Imagem: Canaltech)
Galaxy Watch 3, lançado no ano passado, usa o sistema Tizen (Imagem: Canaltech)

A Samsung já lançou smartwatches com o sistema operacional do Google no passado. Em 2014, a companhia lançou o primeiro modelo Gear com Android, mas já na segunda geração, lançada apenas seis meses depois, passou a optar pelo Tizen. Em 2018, surgiram rumores de um retorno, quando a empresa rebatizou a linha de relógios inteligentes para Galaxy Watch, mas isso não aconteceu.

Novos Galaxy Watch

Os dois tamanhos de uma nova geração de Galaxy Watch já tiveram os números de modelo vazados pelo site GalaxyClub: SM-R86x e SM-R87x. O Galaxy Watch 3 tem referência SM-R8xx, ou seja, tudo indica que se trata mesmo de um novo modelo de relógio inteligente da Samsung. Se é uma versão Active, porém, só saberemos mais para a frente.

Fique de olho no Canaltech para não perder nada sobre relógios inteligentes e outros produtos da Samsung.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: