Mercado fechado

Salão de Milão: Harley-Davidson mostra bigtrail Pan America e naked Bronx

feedback@motor1.com (Daniel Messeder)
2021 Harley-Davidson Pan America

Elas fazem parte do plano de diversificação da marca, e trazem junto uma nova família de motores

Depois da elétrica LiveWire, agora a Harley-Davidson mostra duas motos que vêm transformar o line-up da marca. São elas a bigtrail Pan America e a naked Bronx. Ambas já haviam sido mostradas anteriormente com desenhos e mocapes, mas agora aparecem de corpo definitivo no Salão de Milão (EICMA), na Itália. A estreia nas lojas será entre 2020 e 2021, dependendo do mercado - e o Brasil está na lista.  

Motos:

Junto com as novas motos vem também uma nova linha de motores, chamada Revolution Max. Disponível em duas capacidades (975 cc e 1.250 cc), o propulsor é obviamente um bicilíndrico em V (a 60 graus) e tem refrigeração líquida. 

O de 975 cc rende "mais de 115 cv e mais de 9,4 kgfm de torque", de acordo com a Harley, e equipa a naked streetfighter Bronx, que, com esse poderio, enfrentaria nomes como Yamaha MT-09 e Kawasaki Z900, por exemplo. Mas não foram revelados muitos detalhes além das fotos acima. 

2021 Harley-Davidson Pan America
2021 Harley-Davidson Bronx

Já a Pan America é a esperada aventureira norte-americana, que não por acaso aposta no motor de 1.250 cc (mesma cilindrada da BMW R 1250 GS, a referência do segmento bigtrail). Sem revelar peso ou outros aspectos técnicos, a Harley se limitou a dizer que ela contará com "mais de 145 cv de potência e mais de 12,4 kgfm de torque". Pelas imagens de divulgação, também podemos observar detalhes com a suspensão dianteira com bengalas invertidas, o painel totalmente digital e o conjunto de malas laterais para longas viagens. É, definitivamente, a Harley-Davidson indo para fora de seus domínios...   

Fotos: divulgação