Mercado fechará em 19 mins
  • BOVESPA

    109.993,26
    -1.930,67 (-1,72%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.953,59
    -280,78 (-0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    77,77
    -2,21 (-2,76%)
     
  • OURO

    1.769,60
    -26,30 (-1,46%)
     
  • BTC-USD

    17.085,82
    -22,73 (-0,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    403,80
    -7,42 (-1,80%)
     
  • S&P500

    4.009,35
    -62,35 (-1,53%)
     
  • DOW JONES

    34.024,64
    -405,24 (-1,18%)
     
  • FTSE

    7.567,54
    +11,31 (+0,15%)
     
  • HANG SENG

    19.518,29
    +842,94 (+4,51%)
     
  • NIKKEI

    27.820,40
    +42,50 (+0,15%)
     
  • NASDAQ

    11.836,50
    -173,75 (-1,45%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5317
    +0,0377 (+0,69%)
     

Saiba como assistir o último eclipse lunar do ano que ocorre nesta terça-feira

Saiba como assistir o último eclipse lunar do ano que ocorre nesta terça-feira (Foto: Getty Images)
Saiba como assistir o último eclipse lunar do ano que ocorre nesta terça-feira (Foto: Getty Images)
  • O segundo eclipse lunar total deste ano irá alterar a cor da Lua por 85 minutos;

  • O evento é conhecido como Lua de Sangue e estará visível a olho nu, dependendo da sua localização no planeta;

  • No Brasil, a observação poderá ser feita a partir de estados da região norte, principalmente no Acre.

O segundo eclipse lunar total deste ano irá transformar a Lua, alterando sua cor para um cobre avermelhado por 85 minutos nesta terça-feira (7). O evento é conhecido como Lua de Sangue e estará visível a olho nu, dependendo da sua localização no planeta. No Brasil, a observação poderá ser feita a partir de estados da região norte, principalmente no Acre.

O eclipse lunar total ocorre quando a Lua cheia se move para o lado sombrio da Terra, ficando exatamente atrás do planeta em relação ao Sol. Isso faz com que o satélite natural fique iluminado apenas pela luz que refrata do planeta. Espera-se que a Lua de Sangue esteja visível principalmente na América do Norte e em partes da América do Sul, Ásia, Austrália e Nova Zelândia.

Um eclipse lunar parcial será visível da Islândia, partes da América do Sul, sul e centro da Ásia e Rússia. Um eclipse lunar penumbral – quando a lua está na sombra penumbral mais clara do nosso planeta – será visível do leste do Brasil e da Argentina, norte da Escandinávia e Oriente Médio. Durante todo o eclipse também será possível observar Urano próximo à Lua eclipsada.

Segundo a NASA, o eclipse lunar parcial começa no dia 8 de novembro às 05:44 (horário de Brasília). Já o eclipse total irá iniciar às 06h17 do horário de Brasília, com o fim às 07h42. Por conta do fuso horário, os estados da região norte têm os melhores pontos de observação do evento astronômico. Sendo plenamente visível, apenas do Acre.

Este será o segundo e último eclipse lunar de 2022. Em 2023 haverá também dois eclipses lunares, embora nenhum deles será tão impressionante como este último. O primeiro, de 5 a 6 de maio de 2023, é um eclipse lunar penumbral fraco visível do sul e leste da Europa, Antártica, maior parte da Ásia, Austrália, África, bem como dos oceanos Pacífico, Índico e Atlântico.

O segundo será um pequeno eclipse lunar parcial em 28 a 29 de outubro de 2023, visível pelo menos parcialmente da Europa, Ásia, Austrália, África, América do Norte, norte e leste da América do Sul, Ártico e Antártica.

Como assistir online

Com live iniciando às 6h, o canal do l Time and Date no YouTube fará a transmissão do evento que contará com com “animações em tempo real, mapas, notícias climáticas e muito mais”. Outra plataforma que vai transmitir o fenômeno é o Projeto Telescópio Virtual, serviço prestado pelo Observatório Astronômico Bellatrix que disponibilizará a transmissão tanto no Youtube quanto no próprio site.