Mercado abrirá em 8 h 42 min
  • BOVESPA

    109.401,41
    -2.522,52 (-2,25%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.799,46
    -434,91 (-0,85%)
     
  • PETROLEO CRU

    77,63
    +0,70 (+0,91%)
     
  • OURO

    1.785,30
    +4,00 (+0,22%)
     
  • BTC-USD

    17.044,45
    -218,88 (-1,27%)
     
  • CMC Crypto 200

    402,95
    -8,26 (-2,01%)
     
  • S&P500

    3.998,84
    -72,86 (-1,79%)
     
  • DOW JONES

    33.947,10
    -482,78 (-1,40%)
     
  • FTSE

    7.567,54
    +11,31 (+0,15%)
     
  • HANG SENG

    19.295,52
    -222,77 (-1,14%)
     
  • NIKKEI

    27.902,11
    +81,71 (+0,29%)
     
  • NASDAQ

    11.826,25
    +20,50 (+0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5393
    +0,0059 (+0,11%)
     

Saída de ETFs cripto encolhe após fase do ‘salve-se quem puder’

(Bloomberg) -- O fluxo de saída dos fundos de criptomoedas encolheu no terceiro trimestre, um sinal de que muitos investidores pessimistas já devem ter se afastado da classe de ativos de risco.

Os investidores retiraram US$ 17,6 milhões de fundos de criptomoedas negociados em bolsa no período, uma fração dos US$ 683,4 milhões em resgates líquidos recordes no segundo trimestre, segundo dados compilados pela Bloomberg Intelligence.

Os resgates no segundo trimestre acompanharam a queda dos preços das criptomoedas. O Bitcoin, o maior ativo digital em valor de mercado, caiu quase 60% durante o período.

As saídas mais suaves de ETFs vinculados a criptomoedas no terceiro trimestre se alinharam com flutuações mais brandas nos preços. O Bitcoin chega ao fim do trimestre a cerca de US$ 19,700, alta de mais de 5% em relação ao início.

“Eu me pergunto se o segundo trimestre foi a fase do ‘salve-se quem puder’ desses fundos”, disse Todd Sohn, estrategista de ETFs da Strategas Securities.

Os mercados globais afundaram nos últimos meses, à medida que bancos centrais de todo o mundo aumentam juros para conter a inflação crescente. Ativos de risco, como criptomoedas, foram especialmente atingidos à medida que temores de recessão aumentam.

“Tudo está mais correlacionado agora”, disse Stephane Ouellette, CEO da corretora de criptomoedas FRNT Financial. “As pessoas que estão comprando o ETF estão na mesma posição que as pessoas que estão em Bitcoin”, disse ele. “Todo mundo está em pânico, então eles estão agindo da mesma forma.”

Mas os investidores que colocam seu dinheiro em fundos tendem a ser diferentes dos detentores de tokens, disse Sohn. Os que escolhem ETFs de criptomoedas podem fazê-lo para se proteger dos riscos associados à compra direta de tokens digitais, acrescentou.

More stories like this are available on bloomberg.com

©2022 Bloomberg L.P.