Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.632,92
    -168,29 (-0,14%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.134,93
    -60,50 (-0,12%)
     
  • PETROLEO CRU

    69,10
    +0,95 (+1,39%)
     
  • OURO

    1.806,50
    -8,00 (-0,44%)
     
  • BTC-USD

    41.215,84
    +1.426,71 (+3,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.005,54
    +29,64 (+3,04%)
     
  • S&P500

    4.429,10
    +26,44 (+0,60%)
     
  • DOW JONES

    35.064,25
    +271,58 (+0,78%)
     
  • FTSE

    7.120,43
    -3,43 (-0,05%)
     
  • HANG SENG

    26.204,69
    -221,86 (-0,84%)
     
  • NIKKEI

    27.728,12
    +144,04 (+0,52%)
     
  • NASDAQ

    15.171,75
    +98,25 (+0,65%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2081
    +0,0898 (+1,47%)
     

Série sobre Beatles terá mais de seis horas de vídeos e áudios inéditos da banda

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Anteriormente previsto como um longa-metragem, “The Beatles: Get Back", de Peter Jackson, se tornou uma série documental, dividia em três episódios. O anúncio foi feito nesta quinta (17) pelo Disney+, serviço de streaming em que a obra estará disponível.

A série reúne mais de seis horas de filmagens inéditas da banda britânica. Os episódios estreiam nos dias 25, 26 e 27 de novembro.

Foram analisadas mais de 60 horas de vídeos inéditos e mais de 150 horas de áudios nunca reproduzidos publicamente.

Jackson, cineasta aclamado por "O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei" —vencedor de 11 prêmios no Oscar—, afirmou que as pessoas verão os Beatles "com uma intimidade que nunca imaginaram ser possível”.

"É um relato detalhado do processo criativo, com a elaboração de canções icônicas sob pressão, em meio ao clima social do início de 1969. Mas não é nostalgia. É cru, honesto e humano", diz o diretor.

Entre os conteúdos exclusivos, "The Beatles: Get Back” traz o ensaio de 14 canções que nunca chegaram a ser lançadas pela banda, assim como exibe na íntegra o último show ao vivo dos Beatles. A série conta ainda com o apoio dos ex-Beatles Paul McCartney e Ringo Starr, além de Yoko Ono Lennon e Olivia Harrison.

“Esta coleção fenomenal de filmagens nunca vistas antes oferece um olhar sem precedentes sobre a camaradagem íntima, composição genial e impacto indelével de uma das bandas mais icônicas e culturalmente influentes de todos os tempos, e mal podemos esperar para compartilhar 'The Beatles: Get Back’ com fãs de todo o mundo”, disse Bob Iger, presidente-executivo da Walt Disney Company.

Antes da estreia da série, será lançado o livro “The Beatles: Get Back”, em outubro. A obra terá transcrições de conversas gravadas dos Beatles e centenas de fotos exclusivas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos