Mercado fechará em 6 h 8 min
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.191,99 (+1,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,18 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,62
    +1,34 (+1,63%)
     
  • OURO

    1.765,00
    -3,30 (-0,19%)
     
  • BTC-USD

    60.905,44
    +50,52 (+0,08%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.427,06
    +51,84 (+3,77%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +107,57 (+2,47%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +916,96 (+2,67%)
     
  • FTSE

    7.197,51
    -36,52 (-0,50%)
     
  • HANG SENG

    25.409,75
    +78,75 (+0,31%)
     
  • NIKKEI

    29.025,46
    +474,56 (+1,66%)
     
  • NASDAQ

    15.088,00
    -46,50 (-0,31%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3937
    -0,0101 (-0,16%)
     

São Paulo libera volta do público a estádios de futebol

·1 minuto de leitura
Torcida na Arena Corinthians para jogo Brasil x Argentina

(Reuters) - O governo de São Paulo autorizou, nesta sexta-feira, o retorno dos torcedores aos estádios de futebol, seguindo o que já ocorre em outros Estados com times na primeira divisão do Campeonato Brasileiro, como o Rio de Janeiro.

Os torcedores poderão voltar aos jogos a partir de 4 de outubro, inicialmente com capacidade limitada a 30% e posteriormente com ampliação de 50%, informou o governo paulista em nota. Somente poderão ir aos estádios aqueles que estiverem vacinados, acrescentou.

"Para o ingresso nos estádios, os clubes devem exigir um comprovante com esquema vacinal completo, ou seja, duas doses da vacina CoronaVac, AstraZeneca e Pfizer ou dose única da Janssen", disse o governo de SP.

"Quem ainda não tiver concluído o esquema vacinal, deverá ter tomado ao menos uma dose de vacina e apresentar um teste negativo com validade de 48h para os do tipo PCR ou 24h para os testes de antígeno. O uso de máscara é obrigatório em todos os setores do estádio."

A decisão de liberar a volta do público foi tomada pelo comitê científico do governo de São Paulo, uma vez que 98,19% da população adulta do Estado está vacinada com ao menos uma dose e 69,4% já completou o esquema vacinal.

(Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos