Em São Luís, Dilma evita comentar resultado do PIB

A presidente Dilma Rousseff evitou a imprensa nesta segunda-feira e não quis comentar os números do Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre após cerimônia de condecoração no Palácio dos Leões, sede do governo do Estado do Maranhão. Dilma recebeu duas medalhas em solenidade no palácio: a Manoel Bequimão e a da Ordem dos Timbiras.

Questionada pela Agência Estado sobre o otimismo em relação ao desempenho da economia, Dilma não se pronunciou. Outros repórteres também perguntaram a presidente sobre o "Pibinho". O crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro no terceiro trimestre foi de 0,6% na comparação com o segundo trimestre deste ano, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Ao perceber que os jornalistas haviam se aglomerado numa área dedicada a autoridades, a governadora Roseana Sarney se apressou para escoltar Dilma e retirá-la do local o quanto antes. A presidente inaugurou pela manhã obra do berço 100, alargamento do cais sul e da ampliação do Porto de Itaqui, em São Luís. À tarde, após almoço com Roseana e o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), Dilma deve visitar unidade da rede de hospitais Sarah na cidade.

Carregando...