Mercado fechado

Rússia controla R$ 63 trilhões em recursos naturais ucranianos

Rússia já controla a maior parte das riquezas naturais da Ucrânia
Rússia já controla a maior parte das riquezas naturais da Ucrânia
  • Rússia controla maior parte dos campos de carvão do país;

  • Minérios e metais raros também estão sob controle de Moscou;

  • Tomada começou em 2014, com a anexação da Crimeia.

Uma nova reportagem do The Washington Post revelou que pelo menos US$ 12,4 trilhões, ou R$ 63 trilhões, dos principais recursos naturais da Ucrânia estão sob controle da Rússia. As informações foram fornecidas pela empresa de dados SecDev.

Com base no relatório, dos estimados 2.209 depósitos de riquezas naturais, o Kremlin controla 63% do carvão, 11% do petróleo, 20% do gás natural, 42% dos metais e 33% de minerais raros, como o lítio, que hoje é bastante utilizado na fabricação de baterias de carros elétricos.

Uma parte desses foram apreendidos ainda em 2014, quando o país tomou controle da região da Crimeia, e com a revolta dos separatistas no leste da Ucrânia. Porém, desde que começou a invasão, a Rússia vem aumentando constantemente seu avanço no território ucraniano, enquanto toma posse dos bens econômicos do país.

Usando uma contagem da SecDev e da indústria ucraniana, o Washington Post informou que a Rússia apreendeu 41 campos de carvão, 27 locais de gás natural, 14 locais de propano, nove campos de petróleo, seis depósitos de minério de ferro, assim como vários locais de titânio, zircônio, estrôncio, lítio, urânio e ouro.

Embora a Ucrânia seja conhecida pela exportação de grãos, o relatório apontou que ela possui depósitos 117 dos 120 minerais e metais mais utilizados pelas indústrias, além de servir como uma das maiores fontes de combustíveis fósseis. Por enquanto a Ucrânia mantém controle sobre a maior parte de suas reservas de petróleo e gás, mas Moscou detém a maior parte do carvão, com estimados 30 bilhões de toneladas de carvão.