Mercado abrirá em 6 h 57 min

RTI: Expectativas indicam impactos expressivos sobre a atividade

Fernando Travaglini

(Bloomberg) -- “As expectativas se alteraram rapidamente ao longo das primeiras semanas de março, em contexto de recrudescimento do ambiente de incerteza, e indicam impactos expressivos sobre a atividade, tanto doméstica quanto global em magnitudes consideravelmente superiores aos que vinham sendo apontados até meados de fevereiro”, diz o Banco Central em box do Relatório Trimestral de Inflação que analisa os efeitos econômicos do coronavírus.

“Ações governamentais no âmbito das políticas monetária e fiscal, no Brasil e no mundo, têm sido adotadas com o propósito de atenuar os impactos econômicos da pandemia tanto no setor financeiro quanto no setor real”O Banco Central repetiu no RTI frase do Copom para ressaltar “que continuará fazendo uso de todo o seu arsenal de medidas de políticas monetária, cambial e de estabilidade financeira no enfrentamento da crise atual”Ainda de acordo com o RTI, “a economia mundial, incluindo a brasileira, passa por momento de elevado grau de incerteza em decorrência da pandemia de coronavírus, que está provocando desaceleração significativa da atividade econômica, queda nos preços das commodities e aumento da volatilidade nos preços de ativos financeiros”“Ambiente para as economias emergentes tornou-se desafiador, com o aumento de aversão ao risco e a consequente realocação de ativos provocando substancial aperto nas condições financeiras”As implicações da pandemia sobre o segmento de serviços, notadamente, sobre os preços de passagens aéreas, provavelmente irão se refletir nas leituras mensais de inflação, sobretudo a partir de maio

BC também repetiu trechos da ata do último Copom sobre a necessidade de “perseverar no processo de reformas”

“Questionamentos sobre a continuidade das reformas e alterações de caráter permanente no processo de ajuste das contas públicas têm o potencial de elevar a taxa de juros estrutural da economia”“Nessa situação, relaxamentos monetários adicionais podem tornar-se contraproducentes se resultarem em aperto nas condições financeiras”“O Copom entende que a atual conjuntura prescreve cautela na condução da política monetária, e neste momento vê como adequada a manutenção da taxa Selic em seu novo patamar”“Comitê reconhece que se elevou a variância do seu balanço de riscos e novas informações sobre a conjuntura econômica serão essenciais para definir seus próximos passos”NOTA: RTI prevê PIB estável em 2020 como efeito da COVID-19

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2020 Bloomberg L.P.