Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.036,79
    +2.372,44 (+2,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.626,80
    -475,75 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,74
    -1,49 (-1,83%)
     
  • OURO

    1.668,30
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    19.381,76
    -63,63 (-0,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,49
    +0,06 (+0,01%)
     
  • S&P500

    3.585,62
    -54,85 (-1,51%)
     
  • DOW JONES

    28.725,51
    -500,10 (-1,71%)
     
  • FTSE

    6.893,81
    +12,22 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    17.222,83
    +56,96 (+0,33%)
     
  • NIKKEI

    25.937,21
    -484,84 (-1,83%)
     
  • NASDAQ

    11.058,25
    -170,00 (-1,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3079
    +0,0099 (+0,19%)
     

Roubos impulsionam o mercado de vendas de seguros em 80%

Cada vez mais pessoas têm optado por adotar seguros para o smartphone (Getty Image)
Cada vez mais pessoas têm optado por adotar seguros para o smartphone (Getty Image)
  • Mercado de seguros cresceu 80% no último ano

  • Coberturas podem incluir quebra de tela, assaltos e furtos

  • Em SP, um smartphone é levado a cada três minutos

Quem mora em grandes metrópoles, como São Paulo e Rio de Janeiro, sabe que não é uma boa ideia andar pela rua com o celular na mão. Basta um descuido para que o item seja levado em um roubo repentino.

Com a alta no número de furtos a assaltos, cada vez mais pessoas têm optado por adotar um seguro para o smartphone. Apenas neste ano, as seguradoras tiveram aumento de até 80% nas vendas desse produto em todo o país.

No Rio de Janeiro, a cada 12 minutos alguém tem um aparelho roubado, de acordo com o ISP (Instituto de Segurança Pública), que registrou 13.796 furtos de aparelhos no primeiro semestre. Já no estado de São Paulo, o governo informa que um smartphone é levado a cada três minutos.

Para tentar reduzir os prejuízos financeiros, existem seguradoras tradicionais e empresas totalmente digitais. A Porto, por exemplo, registrou um aumento expressivo na venda do serviço. Eles esperam atrai um aumento de 1 milhão de clientes nos próximos anos.

Já a seguradora digital Pier vende seguros para iPhones desde janeiro de 2018. No ano de 2019, expandiu a proteção para outras marcas de smartphone. A empresa também tem visto o número de clientes aumentar.

Os seguros oferecem diferentes planos e coberturas. Os preços variam de acordo com o modelo e com a cobertura requisitada. Os planos mais simples podem cobrir apenas roubo ou somente queda acidental. Alguns seguros não têm carência e podem ser usado pouco tempo após a contratação.