Mercado fechado
  • BOVESPA

    120.933,78
    -180,15 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.072,62
    -654,36 (-1,34%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,48
    +0,35 (+0,55%)
     
  • OURO

    1.771,20
    -9,00 (-0,51%)
     
  • BTC-USD

    56.494,81
    +342,27 (+0,61%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.278,61
    -20,35 (-1,57%)
     
  • S&P500

    4.163,26
    -22,21 (-0,53%)
     
  • DOW JONES

    34.077,63
    -123,04 (-0,36%)
     
  • FTSE

    7.000,08
    -19,45 (-0,28%)
     
  • HANG SENG

    29.106,15
    +136,44 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.685,37
    +2,00 (+0,01%)
     
  • NASDAQ

    13.894,00
    -135,50 (-0,97%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6750
    -0,0111 (-0,17%)
     

Robô guardião combina simpatia e inteligência artificial para "vigiar" uma casa

Redação
·2 minuto de leitura

Se você precisa de um robô para ajudar na proteção da sua casa, o Scout é o candidato perfeito. Ele é o primeiro dispositivo doméstico com Inteligência Artificial capaz de patrulhar uma residência de forma autônoma 24 horas por dia, sete dias por semana.

Criado pela empresa Moorebot, o Scout foi lançado com a prerrogativa de ser um gadget divertido e ao mesmo tempo funcional, ideal para monitorar casas e escritórios com autonomia suficiente para desempenhar essa função sem a interferência humana.

Veja o Scout em ação no vídeo abaixo:

No tamanho ele não impressiona, afinal são pouco mais de 10 centímetros de largura, mas o aparato tecnológico envolvido nesse robozinho é digno de filmes de ficção científica. Ele conta com sensores capazes de detectar e se adaptar a qualquer tipo de obstáculo, e uma câmera de visão noturna permite o monitoramento em qualquer situação. Além disso, o Scout se conecta sozinho à rede Wi-Fi, tem um sensor infravermelho e é à prova d 'água.

Scout tem consegue "enxergar" bem até em ambientes escuros (Imagem: Reprodução/Moorebot)
Scout tem consegue "enxergar" bem até em ambientes escuros (Imagem: Reprodução/Moorebot)

O robô-vigilante transmite sons e imagens em alta resolução e também oferece suporte à maioria dos recursos de câmeras IP, assim o proprietário pode controlar o Scout e monitorar sua casa de qualquer lugar do mundo. Ele também é capaz de encontrar sua própria base de carregamento ao final de uma ronda.

Todo o processamento de vídeo do Scout tem criptografia de ponta a ponta e ainda autenticação em duas etapas para proteção dos dados.

Robô inteligente e funcional

O processador de Inteligência Artificial vai além do monitoramento residencial. Para quem tem crianças pequenas ou animais de estimação, o Scout é um ótimo companheiro: ele é capaz de detectar a presença do seu cachorro ou do seu filho e monitorá-los enquanto eles se divertem pela casa, avisando sobre qualquer perigo. Um recurso de áudio bidirecional permite que você ouça e fale com quem estiver perto do robô.

IA amigável (Imagem: Reprodução/Moorebot)
IA amigável (Imagem: Reprodução/Moorebot)

O Scout foi desenvolvido com recursos de financiamento coletivo e já está disponível nos EUA por US$ 139 dólares (cerca de R$ 790) em sua versão mais básica. Um valor razoável a se pagar por um vigilante incansável e que ainda pode se tornar o melhor amigo do seu pet.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: