Mercado fechado

Rio e outras quatro cidades com segundo turno das Eleições 2020 não tem Lei Seca

Extra
·1 minuto de leitura

O segundo turno das Eleições 2020 em cinco municípios do estado do Rio de Janeiro não tem ter Lei Seca neste domingo, dia 29. A decisão adotada no primeiro turno foi mantida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) neste domingo, dia 29, quando mais de 6 milhões de eleitores da capital Rio de Janeiro, São Gonçalo, São João do Meriti, Campos e Petrópolis vão às urnas para escolher seus prefeitos até às 17h.

A lei, promulgada em 1967, tinha a intenção de evitar que eleitores fossem votar bêbados e coibir a violência durante o pleito. No entanto, desde as eleições de 1996 ela não é aplicada no Estado Fluminense, já que cabe a cada estado, por meio da Secretaria de Segurança Pública e/ou do Tribunal Regional eleitoral, por determinar se haverá ou não lei seca.

Os cinco municípios que irão realizar o pleito neste domingo vão ter uma atuação intensa das forças de segurança do Estado. O plano contempla a atuação nos municípios da Polícia Militar, da Polícia Civil, da Polícia Rodoviária Federal e da Polícia Federal. No caso do Rio de Janeiro, a Guarda Municipal também vai estar nas ruas.

Em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, um dos cinco municípios do Estado que terão eleição no domingo, a disputa entre o atual prefeito, Dr. João (DEM), e o deputado estadual Léo Vieira (PSC) é marcada por episódios de violência e troca de acusações. A escalada nas tensões já levou os dois candidatos à prestar queixa na delegacia e um reforço na segurança do município. Dos dois lados, imperam queixas sobre alianças com criminosos, investigadas pela Polícia Civil.