Mercado fechado

Rio de Janeiro recebe primeiro congresso de trancistas do Brasil

Evento foi criado pela trancista Gabriela Azevedo. Foto: Arquivo Pessoal

A cidade do Rio de Janeiro irá receber o primeiro congresso de trancistas do Brasil no próximo domingo (24). O evento irá acontecer na rua Campo Grande, 446, das 9h às 19h. Com a presença de trancistas do Rio, de Minas Gerais, de São Paulo e do Rio Grande do Sul, o evento contará com a presença de maquiadores, barbeiros e terapeutas capilares.

Criado pela trancista Gabriela Azevedo, que aprendeu a profissão sozinha, o objetivo do evento é promover os profissionais da área da beleza afro. De acordo com a criadora do evento, valorizar a cultura afro é sempre importante quando se fala na profissão.

“É necessário que se crie estratégias para introdução dessa modalidade no mercado, entendendo que a essência do afro empreendedorismo é vivida na ancestralidade. O foco dos nossos eventos é instruir os nossos seguidores, alunos e parceiros”, explicou.

Leia também:

Segundo Gabriela, os ingressos para o primeiro congresso podem ser adquiridos nos pontos de venda, pelo valor de R$ 25, ou pela internet, pelo valor de R$ 50. “No caso de expositores, estamos cobrando um valor colaborativos de R$ 50”, afirmou em entrevista ao Yahoo.

De acordo com a criadora do projeto, a produção do evento foi intensa, mas mostrou para os colaboradores a importância da união. “Cuidar dos detalhes para uma grande realização é muito bom. É a realização de um sonho”, comemorou.

Para ela, o congresso vai muito além de falar sobre beleza e merece ser destacado pela sua real intenção. Segundo ela, é importante que a tradição das trancistas seja mantida e valorizada pela população.

“A nossa memória afetiva passa totalmente pela nossa estética. O cuidado das nossas mães, tias e avós está vivo no nosso cotidiano. Quando precisamos nos enquadrar no padrão europeu, acabamos com nossa história”, afirmou.