Mercado abrirá em 15 mins
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,44
    +1,00 (+1,21%)
     
  • OURO

    1.779,30
    +13,60 (+0,77%)
     
  • BTC-USD

    62.242,50
    +1.236,25 (+2,03%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.454,24
    +2,60 (+0,18%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.211,88
    +8,05 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.356,50
    +66,00 (+0,43%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4172
    +0,0257 (+0,40%)
     

Review tablet infantil Positivo Twist Tab | Baixo custo, mas pouco rendimento

·9 minuto de leitura

O Twist Tab é um modelo de tablet da Positivo que nitidamente foca em ser utilizado pelo público infantil, seja pela sua caixa tematizada ou pelos seus acessórios inclusos.

O modelo conta com duas variantes, sendo o Twist Tab (T770KC) o modelo "comum", tematizado pelos mascotes "Dedolecos" da Positivo. O outro modelo é o Twist Tab Minions (T770KM), customizado como já fica implícito em seu nome, contando com sons e papel de parede temáticos dos personagens Minions, da Dreamworks.

Ambos modelos são idênticos, cabendo ao usuário escolher entre a opção "normal" ou "Minions". Nesta segunda opção, também há no pacote do Twist Tab uma capa (naturalmente tematizada com Minions) e uma pequena "mochila" do tamanho exato do tablet (também seguindo o tema), sendo na prática uma segunda capa para o tablet.

O modelo normal (com os personagens "Dedolecos") conta apenas com uma capa emborrachada sem tematização (cor laranja) na embalagem e não acompanha uma "mini-mochila" como ocorre na outra edição.

(Imagem: Ivo/Canaltech)
(Imagem: Ivo/Canaltech)

Prós

  • Preço acessível;

  • Tema infantil nos acessórios.

Contras

  • Baixo desempenho;

  • Tela inferior ao esperado;

  • Bateria insuficiente para o uso normal.

Confira o preço atual do Twist Tab

Design e Construção

Ambas variações do Twist Tab são idênticas, deixando a customização de personagens apenas para seus acessórios, logo não se decepcione ao manusear ambos fora de suas capas (e "mini-mochila" no caso da edição "Minions") e não notar nenhuma diferença entre os modelos.

A traseira de ambos é feita em plástico e conta com o logo da Positivo ao centro, com os botões de volume e ativação do tablet localizados na lateral direita. O aproveitamento de tela do aparelho fica dentro do normal para esse segmento de tablets acessíveis, exibindo bordas grossas acima e abaixo do display, bem como tarjas consideráveis nas laterais.

  • Dimensões: 189,2 x 103 x 9,3 mm;

  • Peso: 241 g (com Wi-Fi).

Todas as entradas do Twist Tab estão localizadas na sua parte superior, lado a lado. O usuário pode inserir ali seu cartão de memória (do tipo Micro SD) para expandir o armazenamento interno do tablet. Ao lado, as portas de conexão Micro USB (para carregamento) e a saída de áudio do aparelho estão presentes.

(Imagem: Ivo/Canaltech)
(Imagem: Ivo/Canaltech)

Tela

Existem diversas falhas em uma das propostas principais do Twist Tab: sua tela de sete polegadas. Ela roda na insuficiente resolução de 1024 x 600 pixels, tornando a experiência geral de leitura e consumo de conteúdo sofrível no aparelho. Menus com pequenos textos, detalhes nas páginas de qualquer site e atividades básicas no aparelho sempre causam fadiga mais rápido do que deveriam, dada a visualização comprometida.

Outro ponto que torna cansativo e desagradável o uso do Twist Tab é seu painel LCD contar com uma retroiluminação problemática, nitidamente mal distribuída ou mal executada, limitando severamente os ângulos de visão da tela causando inversão de cores, brilho excessivo e deturpações no contraste em áreas aleatórias do visor como resposta ao menor movimento possível.

(Imagem: Ivo/Canaltech)
(Imagem: Ivo/Canaltech)

É comum ver falhas em telas de tablets mais baratos, porém quase todas as possíveis problemáticas de um painel "nada agradável" acontecem ao mesmo tempo no Twist Tab, incluindo o excesso de reflexos do ambiente sobre as imagens (que já são prejudicadas pela retroiluminação do tablet e pela baixa resolução do painel).

A impressão dada pelo aparelho é clara: sua utilização sempre será feita em períodos curtos, para uma breve consulta de algo para resolver alguma pendência simples, dado o desconforto de utilizá-lo.

Falaremos mais sobre esse "uso breve" ao comentarmos sobre a bateria do tablet.

Configuração e Desempenho

O Twist Tab não foi projetado para oferecer desempenho, sendo isso visível pelas escolhas que movem o tablet. Seu processador (chipset) é um Rockchip RK3326, um quad-core de 1,5 GHz. O conjunto conta com apenas 1 GB de RAM, garantindo gargalos para o já baixo poder de processador do tablet. Isso gera no sistema uma eterna disputa entre gerenciamento de memória e sobrecarga nas tarefas.

Complementando tudo, temos 32 GB de armazenamento interno (com suporte para cartões Micro SD), quantia normal de armazenamento para aparelhos de baixo custo e desempenho modesto.

Durante todos os testes, nossas unidades para análise dos Twist Tab "normal" e "Minions" apresentaram lentidão em todas as etapas de configuração, navegação pelos sistemas e também durante todo tipo de operações triviais, incluindo digitação de pesquisas, nomes de aplicativos e trocas de mensagens.

Podemos garantir que o usuário (seja ele o adulto responsável ou uma criança) terá que lidar com períodos de espera constantes ao utilizar o Twist Tab, até mesmo ao inserir caracteres para desejar "bom dia". Há uma lentidão persistente que se estende desde teclados virtuais e menus, indo até as interações com o botão de controle do volume, experiência básica e natural de qualquer aparelho que, infelizmente, faz parte das experiências comprometidas pela lentidão geral do tablet.

(Imagem: Ivo/Canaltech)
(Imagem: Ivo/Canaltech)

Caso a ideia do usuário seja adquirir este aparelho para jogos em geral, fica nosso aviso de que não haverá desempenho satisfatório mesmo nos títulos menos exigentes e otimizados da Play Store, dada a configuração defasada e insuficiente do dispositivo.

Apesar de toda espera e problemas de execução, há na embalagem do Twist Tab clara menção sobre "controle parental", algo que faz todo sentido para a proposta colorida e cheia de personagens infantis. Toda identidade do produto gira em torno disso, desde a caixa do tablet até a capa emborrachada (também temática) inclusa no pacote.

De fato existe um "controle parental" no Android 8 Oreo (versão GO), no entanto, trata-se apenas do "Google Family Link". Esse recurso padrão do sistema funciona muito bem no controle de conteúdos e aplicativos para crianças e adolescentes, mas é sempre bom ressaltar que praticamente qualquer aparelho Android pode ter o recurso facilmente instalado por qualquer usuário que deseje limitar o uso de uma criança. Portanto, ao contrário do que a fabricante anuncia na caixa do produto, não é diferencial algum para o Twist Tab contar com o Family Link pré-instalado.

Mas tudo isso é questionado diretamente pela própria Positivo ao incluir em ambos os tablets (claramente focados no público infantil) um sistema de anúncios da própria empresa, chamado "Canal Positivo Notifica". Ao ligar nossas unidades para a primeira configuração, notamos que anúncios (como do Banco BTG Pactual, TikTok e Kwai) eram exibidos em grande quantidade e com temática incompatível para o público-alvo do tablet.

Não é possível remover o "Canal Positivo" do aparelho, porém é possível desativá-lo nas configurações do tablet. Isso será necessário caso o usuário não queira anúncios intrusivos no sistema, dado que,por padrão, a entrega de anúncios estará habilitada e totalmente funcional desde o primeiro contato com o Twist Tab.

Câmera frontal

O Positivo Twist Tab não conta com uma câmera na parte traseira, algo que faz sentido pela faixa de preço do dispositivo e também encaixa dentro da lógica de "tablets", em situações nas quais a câmera frontal possui importância mais elevada que a traseira (especialmente em épocas de videoaulas, videochamadas e afins).

A unidade conta com 2MP de resolução, insuficiente para praticamente qualquer uso aceitável do tablet,tanto pelo tamanho reduzido da imagem quanto por sua forte granulação e péssimo registro de cores e detalhes em geral. Mesmo para videochamadas, a câmera é sofrível e deve ser evitada como recurso "sério" no Twist Tab. Presente no modelo "para casos de emergência" ou absoluta necessidade, a câmera não tem painéis de controle, customizações ou quaisquer possibilidades configurações no aplicativo nativo.

Sistema de Som

O Twist Tab conta com apenas uma saída de som, localizada na sua parte traseira, próximo ao canto inferior direito. Essa configuração é defasada por si só, remetendo aos aparelhos Android antigos e já fora de circulação há muitos anos.

Essa unidade solitária de alto-falante não consegue lidar bem com a maioria dos sons, tornando tudo extremamente agudo e sem vida. A experiência do tablet acaba sendo quase que "otimizada apenas para vozes", algo que decepciona ao ouvir qualquer música, consumir qualquer tipo de vídeo, filme e afins no aparelho.

Para tornar a experiência aceitável, será obrigatório ao usuário conectar fones de ouvido bluetooth ou tradicionais através da saída de 3,5 mm (do tipo P2) no topo do produto, tornando a insuficiente saída de som traseira apenas necessária para notificações e afins.

Bateria e Carregamento

Apesar do tamanho normal para um tablet de sete polegadas, o Twist Tab conta com pouca bateria. O esperado para este porte é que o aparelho conte com capacidade de carga entre 3.000 mAh e 5.000 mAh no mínimo.

Dentro do Tab, temos insuficientes 2.400 mAh de carga para manter as atividades corriqueiras do dispositivo sempre no limite. É perfeitamente comum observar a porcentagem da bateria "cair" em tempo real, acompanhando ameaçadoramente a passagem dos minutos ali, logo ao lado, no relógio do sistema Android.

Uma observação importante: não há suporte para carregamento rápido no Twist Tab. Logo, utilizar o aparelho por duas horas e esgotar sua bateria significa, necessariamente, aguardar outras duas horas de carregamento até que uma segunda sessão (igualmente curta) de uso na bateria seja possível. Portanto, evite este tablet se o uso proposto envolve ficar longe de locais com tomada para manter o Tab ativo e funcional durante um dia inteiro.

(Imagem: Ivo/Canaltech)
(Imagem: Ivo/Canaltech)

Concorrentes Diretos

Dentro do catálogo da própria Positivo, existem opções igualmente limitadas e de baixo desempenho, assim como o Twist Tab em suas versões T770KC e T770KM que abordamos nesta análise.

Começando pelo concorrente direto , temos a versão T770KB da família Twist Tab, idêntica aos modelos analisados aqui, mas com ainda menos bateria: 2.000 mAh.

Indo para uma opção ainda limitada — porém mais estável no uso —, podemos citar o Samsung Galaxy Tab A8 (2019). Ele também tem baixa performance e preço acessível, mas é menos problemático que os Twist Tabs analisados e citados aqui.

Conclusão

Apesar de oferecer um preço convidativo e temas interessantes para os acessórios inclusos no pacote, não há nada de diferente nos Positivo Twist Tabs em relação a qualquer tablet defasado e de baixa performance no mercado. Todo o apelo do produto se resume a uma capa colorida e uma mochila miniatura dos Minions. Logo, são meros tablets comuns e lentos (porém com boa aparência).

Esses podem ser comprados separadamente para a maioria dos aparelhos que entregam rendimentos iguais ou superiores. Portanto, a melhor opção é ignorar "Minions" e "mascotes" inclusos nos Twist Tab e comprar tablets com mais memória RAM e telas mais competentes, sejam eles da própria Positivo ou de qualquer outra fabricante.

(Imagem: Ivo/Canaltech)
(Imagem: Ivo/Canaltech)

Se o seu orçamento estiver apertado, é melhor guardar o dinheiro e esperar mais um pouco para comprar um Galaxy Tab A8 (2019). Ele é consideravelmente mais caro que o modelo da Positivo — ficando entre R$ 800 e R$ 1 mil —, mas, pelo menos, é um tablet funcional.

Mas, caso tenha interesse em saber o melhor preço deste produto, confira o nosso link abaixo:

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos