Mercado abrirá em 5 h 59 min
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,85
    +0,87 (+1,18%)
     
  • OURO

    1.758,70
    +7,00 (+0,40%)
     
  • BTC-USD

    43.807,66
    +1.779,39 (+4,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.091,13
    -11,93 (-1,08%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    0,00 (0,00%)
     
  • HANG SENG

    24.232,94
    +40,78 (+0,17%)
     
  • NIKKEI

    30.240,06
    -8,75 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    15.370,25
    +51,50 (+0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2498
    -0,0058 (-0,09%)
     

Review Logitech MX Master 3 | O mouse que "reinventa a roda"

·9 minuto de leitura

A indústria demorou um pouco para entender que o mouse pode ser mais do que um simples periférico que controla o cursor e auxilia a navegação em um computador. Nos últimos anos, começaram a surgir cada vez mais opções com recursos diferenciais, como o Logitech MX Master 3.

À primeira vista, o mouse parece uma versão mais estilosa de modelos tradicionais, com um visual um pouco futurista. Porém, ao analisar cada aspecto e perceber o quão poderoso este periférico é, você compreende até mesmo o motivo de seu preço oficial ser tão alto — a Logitech cobra R$ 699 pelo produto em sua loja oficial desde seu lançamento por aqui.

A Logitech "reinventa a roda" com este produto. Como? Trata-se de uma reformulação da roda de rolagem, que possui uma tecnologia chamada Magspeed. É um sistema magnético que detecta automaticamente quando você quer uma rolagem maior do que apenas algumas linhas, e desce páginas longas — de código, planilhas grandes do Excel e afins — em poucos segundos.

Além disso, é um mouse que promete altíssima precisão do cursor, fluxo de trabalho em múltiplos dispositivos, design confortável e muito mais. Entre as principais características está a roda de rolagem Magspeed, que alterna entre a rolagem de linha por linha para uma infinita, que desce páginas longas em questão de segundos. O formato ergonômico é outra de suas principais vantagens, que soma-se ao sensor de alta precisão com 4.000 DPI.

O mouse, aliás, é a terceira geração de uma linha já bastante conhecida e popular da Logitech, principalmente entre desenvolvedores e profissionais que trabalham com telas que exigem muita rolagem. Mas será que ele realmente entrega tudo o que promete? Seu preço compensa? Entenda mais sobre o MX Master 3, mouse da Logitech, nesta análise.

Prós

  • Rolagem com alternância automática entre precisão e mais linhas por vez;

  • Até 3 dispositivos simultâneos;

  • Conectividade sem fio;

  • Bateria recarregável;

  • Botões personalizáveis;

Contras

  • Uso apenas com a mão direita;

  • Preço elevado.

Compre o Logitech MX Master 3 com o melhor preço

Design, Construção e Conectividade

MX Master 3 tem roda de rolagem hoirzontal, além da vertical (Imagem: Ivo/Canaltech)
MX Master 3 tem roda de rolagem hoirzontal, além da vertical (Imagem: Ivo/Canaltech)

O mouse MX Master 3 tem visual um tanto diferente dos mouses convencionais. Ele foi desenhado com formato ideal para a mão, com um suporte para o polegar, além de alguns botões e uma roda de rolagem posicionada para este dedo. O acabamento se divide em áreas emborrachadas e plásticas, com uma aparência geral bastante elegante e moderna.

É mais fácil descrever um mouse dividindo por regiões, então é o que eu vou fazer.

Começando pela área do polegar, que tem um descanso para o dedo clicável, que pode ser configurado com até quatro ações, que são realizadas com o clique e um gesto do mouse (explico isso melhor mais para a frente).

Ao lado, há mais dois botões, um de voltar e outro de avançar, a roda de rolagem horizontal e um LED ao lado, que informa quando o periférico está ligado, carregando ou totalmente carregado.

O botão maior é clicável pressionando a plataforma do polegar para baixo. E aí entram quatro gestos adicionais para definir a ação: mover o mouse para a frente vai para exibição de tarefa; para a direita ou esquerda, você alterna entre desktops; e para baixo, exibe ou oculta área de trabalho. A roda de rolagem horizontal também pode ter função de zoom, no Word, ou do tamanho do pixel, no PhotoShop, por exemplo.

Na parte de cima, você tem os botões esquerdo e direito em tamanho consideravelmente grandes e acabamento em plástico. No centro, a roda de rolagem Magspeed, que é um dos maiores diferenciais do MX Master 3, pois alterna automaticamente entre a rolagem de poucas linhas ou de centenas delas. A Logitech utilizou uma tecnologia magnética para pular várias linhas de uma vez quando você faz a rotação em velocidade maior. Além da alternância automática, dá para trocar o tipo de rolagem manualmente com um botão próximo à roda.

O lado direito do mouse não tem nada demais, é apenas uma área para apoiar os dedos anelar e mínimo, porém sem uma plataforma para isso. Abaixo, você encontra o interruptor para ligar e desligar, o sensor e um botão para trocar entre até três dispositivos conectados simultaneamente, via Bluetooth.

Abaixo dos botões principais, você ainda encontra um conector USB-C, para fazer uma recarga rápida na bateria do MX Master 3. O periférico tem bateria que dura até 70 dias, segundo a Logitech, e um minuto de recarga garante até 3 horas de uso, também de acordo com a fabricante.

Como conectar

Mouse da Logitech se conecta via Bluetooth ou por receptor USB (Imagem: Ivo/Canaltech)
Mouse da Logitech se conecta via Bluetooth ou por receptor USB (Imagem: Ivo/Canaltech)

O mouse da Logitech possui conectividade dupla, com duas opções para se conectar a um dispositivo. A mais fácil é com o receptor USB que vem na caixa, pois basta inseri-lo em qualquer entrada USB do computador, ligar o mouse e começar a usar. Outra opção é por Bluetooth, que ainda abre mais possibilidades e permite que o MX Master 3 seja ligado a tablets, também.

Além disso, você pode usá-lo simultaneamente em até três dispositivos, desde que conectado via Bluetooth. A troca entre eles pode ser feita pelo botão na parte de baixo ou com o clique do botão do polegar com um leve deslize para um dos lados. Você pode configurar esse gesto pelo aplicativo Logitech Options. Aliás, é necessário ter o app instalado para fazer a alternância, ativando a função Flow.

O app também libera configurações personalizadas dos botões, incluindo alguns perfis pré-definidos para aplicações populares como os principais navegadores, softwares da Adobe, pacote Office e outros. O recurso Flow também permite copiar itens em uma tela e colar em outra sem atalho adicional. Basta copiar, alternar a tela e colar.

Precisão do sensor

Botões do mouse são personalizáveis pelo app Logitech Options (Imagem: Felipe Junqueira/Captura de tela)
Botões do mouse são personalizáveis pelo app Logitech Options (Imagem: Felipe Junqueira/Captura de tela)

Além da roda Magspeed, o MX Master 3 também oferece alta precisão no controle do cursor, para lhe ajudar a sempre encontrar o pixel certo. E em praticamente qualquer superfície, mesmo em vidro (com espessura mínima de 4 mm). O sensor do mouse possui 4.000 DPI, a melhor precisão do mercado, segundo a Logitech.

“Em resumo, os principais diferenciais do Logitech MX Master 3 são: formato ergonômico, com apoio para o polegar e botões acessíveis; precisão do sensor, com 4.000 DPI; e a roda Magspeed, que alterna automaticamente entre a rotação linha por linha ou livre. Considerando esses três pontos, o mouse entrega realmente aquilo que promete.”

Ergonomia

O Logitech MX Master 3 é considerado um mouse ergonômico por conta de seu formato. Os botões principais são levemente inclinados, e o mouse em si foi desenhado para oferecer a melhor pegada possível à mão. A plataforma de suporte para o dedo polegar é um descanso extra ao dedo, que ainda tem algumas funções importantes ao alcance.

Dispositivo tem formato ideal para a mão direita (Imagem: Ivo/Canaltech)
Dispositivo tem formato ideal para a mão direita (Imagem: Ivo/Canaltech)

Além de ser confortável para usar, o mouse da Logitech também tem a roda de rolagem magnética, que alterna automaticamente de linha por linha para uma rotação livre, quando você roda mais rápido. Isso é útil para quem trabalha com códigos compridos, pois permite passar do início para as linhas finais em poucos segundos. Você pode alternar manualmente entre os tipos de rotação pelo botão que fica próximo à roda.

“O formato do MX Master 3 é realmente bastante confortável. Eu o usei por todo o expediente durante vários dias de uma semana bastante intensa em relação ao trabalho e não senti tanto cansaço no braço direito como sinto com meu mouse de formato tradicional. O único problema é que, da maneira como foi projetado, ele só serve para usuários destros (ou canhotos que usam a mão direita)”.

Logitech MX Master 3: ficha técnica

  • Valor nominal: 1.000 dpi;

  • DPI: de 200 até 4.008;

  • Conectividade: Bluetooth LE ou receptor Unifying;

  • Distância de funcionamento: até 10 m (sem fio)

  • Bateria: 500 mAh recarregável;

  • Dimensões: 124,9 x 84,3 x 51 mm (AxLxP);

  • Peso: 141 gramas;

  • Compatibilidade: Windows 10+, macOS 10.15+, iPadOS 14+, Chrome OS, Linux, Android 5.0+.

Concorrentes Diretos

Buscar um concorrente para o Logitech MX Master 3 é difícil. Você pode tentar encontrar alguma das gerações anteriores deste mesmo mouse, que têm a experiência mais próxima, incluindo a roda de rolagem rápida e o apoio para o polegar. Mas não é fácil achar um dos modelos mais antigos nas lojas atualmente.

Uma opção interessante é a linha MX Anywhere, também da Logitech. São mouses com a roda de rolagem rápida e o apoio para o polegar dos dois lados, o que faz dela uma opção ambidestra. Dá para encontrar o MX Anywhere 2S e o 3 nas lojas brasileiras atualmente.

Outros mouses da Logitech que também possuem a rolagem rápida são o gamer G604, que ainda tem 16.000 DPI, e o M720 Triathlon. Este último é a opção mais acessível de todas as citadas, mas funciona a pilha, não a bateria.

Conclusão

A Logitech se especializou em oferecer alternativas aos mouses tradicionais, e tem um catálogo bastante completo com opções de qualidade e para todos os bolsos. No caso do MX Master 3, a empresa melhorou bastante o que já havia oferecido nas gerações anteriores, com a adição do conector USB-C como uma das grandes novidades. Isso garante um carregamento ainda mais veloz, e por isso o mouse consegue entregar até 3 horas de uso com apenas um minuto de carga.

Não é a opção mais ergonômica da empresa, mas ainda oferece bastante conforto mesmo para quem quer fazer o uso por muitas horas. Tem sensor bastante preciso, que funciona bem mesmo em superfície em vidro, desde que tenha ao menos 4 mm de espessura. Por fim, a "reinvenção da roda" de rolagem com tecnologia Magspeed é um extra que vai atrair, principalmente, desenvolvedores e profissionais que precisam de uma rotação da tela rápida. Planilhas gigantescas do Excel são um bom exemplo.

O fato de se conectar a até três dispositivos diferentes é mais um diferencial, que lhe permite usá-lo em um computador e um tablet pessoais ao mesmo tempo em que o usa no PC do trabalho. E não só permite a alternância de tela de maneira fácil como também permite copiar itens em uma tela e colar em outra.

Infelizmente, no entanto, não é um produto barato. O preço oficial é R$ 699 na loja da marca, mas você pode encontrar a valores mais baixos no varejo online, como acontece com praticamente qualquer produto à venda no Brasil. Segundo o Zoom, o produto está abaixo dos R$ 500 desde julho de 2021.

Porém, está claro que só vale a pena fazer o investimento se você realmente for aproveitar todos os recursos oferecidos por este periférico. Ao menos ele justifica, de certa maneira, o alto custo.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos