Mercado abrirá em 51 mins
  • BOVESPA

    106.419,53
    -2.295,02 (-2,11%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.206,59
    +372,79 (+0,72%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,46
    -1,19 (-1,41%)
     
  • OURO

    1.790,60
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    59.090,27
    -3.826,52 (-6,08%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.420,59
    -84,56 (-5,62%)
     
  • S&P500

    4.574,79
    +8,31 (+0,18%)
     
  • DOW JONES

    35.756,88
    +15,73 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.254,14
    -23,48 (-0,32%)
     
  • HANG SENG

    25.628,74
    -409,53 (-1,57%)
     
  • NIKKEI

    29.098,24
    -7,77 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    15.517,00
    -28,00 (-0,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4585
    +0,0044 (+0,07%)
     

Review | Galaxy Buds 2, fones TWS com vários recursos e preço acessível

·5 minuto de leitura
Review | Galaxy Buds 2, fones TWS com vários recursos e preço acessível
Review | Galaxy Buds 2, fones TWS com vários recursos e preço acessível

Nesse review, contamos tudo sobre os novos fones TWS de entrada da Samsung, os Galaxy Buds 2, que são ótimos companheiros para o Z Fold 3 e Z Flip 3. Os Buds 2 são opções interessantes para quem não tem verba para os mais avançados Galaxy Buds Pro, mas entregam muito pelos R$ 809,10 que custam (lá fora são US$ 150).

Assista ao review:

https://www.youtube.com/watch?v=lCrU8-ygkak

Apesar do valor relativamente acessível, os Buds 2 oferecem recursos avançados como cancelamento de ruído, além de uma boa duração de bateria, uma boa qualidade de som. Sim, existem outras marcas que oferecem fones TWS com recursos interessantes por preços parecidos, então a Samsung tem vários concorrentes nesse mercado. Também é bom deixar claro que esses fones fazem mais sentido para usuários Android, já que no iOS, o usuário fica sem acesso a todas as configurações do app Samsung Wearable.

Tamanho compacto é um dos destaques

Case dos Buds 2
Case dos Buds 2

Algo que chama atenção na hora é o tamanho diminuto desses fones e do seu case, que são realmente compactos. Eles são menores e mais leves que o modelo anterior, os Buds+, lançados ano passado. Pesando cerca de 5 gramas em cada fone, é fácil esquecer que eles estão no seu ouvido.

Não importa a cor que você escolha, todos os cases são brancos por fora, revelando a cor ao serem abertos. Na versão que testamos, os fones são pretos, assim como o acabamento do resto do interior do case.

Ao retirar os fones do case, após o primeiro pareamento, a conexão é automática, e o smartphone Galaxy mostra na tela a bateria dos fones e do case. Assim como o Watch 4 e o Flip 3, os novos fones da Samsung só contam com o cabo na caixa, o carregador fica por sua conta.

Galaxy Buds 2
Foto: Mário Kurth / Olhar Digital

Os fones contam inclusive com um controle de ajuste no app Samsung Wear, que te indica se é preciso trocar a ponteira do fone ou não. Na caixa, ele vem acompanhado por dois tamanhos extras de ponteiras, e no meu caso, o recomendado foi usar a maior delas. Isso é importante para uma vedação melhor, e tem grande influência no sucesso ou não do cancelamento de ruídos do Buds 2.

Além disso, esses fones contam com resistência a água IPX2, e assim podem ser usados em uma chuva leve, além de resistirem a um suor básico, mas sem exageros. Não é o ideal, mas estamos falando do fone TWS de entrada da Samsung.

Bateria com boa duração

Com o cancelamento de ruídos ativado, a bateria dura umas 5 horas ouvindo músicas do Spotify ou Tidal, mas 5 minutos no case são suficientes para mais ou menos uma hora de som, ou seja, basicamente a mesma duração do mais caro Galaxy Buds Pro.

O case tem autonomia para mais 15 horas de uso, então basicamente você vai carregar ele a cada dois dias. Com o cancelamento desligado, a bateria dura umas sete horas e meia, ou até 29 horas com o case.

Leia mais:

Configurações no app Samsung Wearable

Usando o app, é possível configurar vários recursos dos novos Buds 2, como ler notificações em voz alta, mas só em alguns aplicativos da própria Samsung. Também é possível buscar os fones perdidos com a possibilidade de tocar um áudio em cada um deles, assim como acontece com o Galaxy Watch 4, então fica bem fácil encontrar eles se estiverem escondidos em algum canto na sua casa, algo que aconteceu algumas vezes nessa semana de testes, até pelo tamanho tão compacto dos fones.

Botões sensíveis ao toque

Os botões laterais do Buds 2 são sensíveis ao toque, e são feitos por toques únicos, duplos ou triplos, o primeiro para tocar e pausar a música, o segundo para pular para a próxima faixa, e o terceiro, para voltar ao anterior. Os toques precisam ser feitos de forma precisa, com uma certa convicção, ou não vão funcionar.

Além disso, existe um terceiro botão acionado quando você pressiona por mais tempo, e que podem ser configurados para diferentes funções, mas se você quiser usar um assistente, só tem a opção do Bixby, o que é uma pena.

As funções desse botão são: alternar entre o cancelamento de ruído e o som ambiente, para ativar o Bixby, diminuir e aumentar o volume (um em cada fone) e abrir o Spotify. É claro que a Samsung pode liberar outras funcionalidades para esses botões, mas por enquanto, é o que temos.

De forma experimental, a Samsung tem uma área chamada Labs nas configurações, que permite configurar o controle de aumentar e diminuir o volume na borda interna dos fones, além de um modo para reduzir a latência dos fones quando o usuário estiver jogando games. O primeiro recurso funciona bem, ainda que demore um pouco para o usuário se acostumar.

Cancelamento de ruídos e modo ambiente

Galaxy Buds 2
Foto: Mário Kurth / Olhar Digital

O cancelamento de ruídos funciona bem, e embora não consiga cortar ruídos como o de uma obra ao lado do escritório, consegue dar uma amenizada no volume. Os fones também contam com um modo de som ambiente com três níveis de ajuste, mas na minha experiência, são todos fortes demais, assim acabei usando os fones com o cancelamento desativado, quando eu queria ouvir o que estava acontecendo ao meu redor.

Ao retirar o fone do ouvido, misteriosamente o áudio não pausa, como era de se esperar de um fone TWS normal, mas pelo menos a Samsung desliga o cancelamento de ruídos, assim a duração da bateria agradece quando você esquece eles tocando em cima da mesa, o que aconteceu comigo nos testes.

Integração com Galaxy Watch 4

Se você tiver um Galaxy Watch 4, ou 4 Classic, vai poder controlar os ajustes básicos de cancelamento de ruído do Buds 2 no próprio relógio. As chamadas usam três microfones em cada fone, e funcionam bem para reduzir os ruídos externos.

Conclusão

Apesar de terem alguns problemas, esses fones têm uma ótima relação custo-benefício, pelo menos lá fora, e oferecem recursos de dispositivos mais caros como cancelamento de ruídos e chamadas com boa qualidade de redução de ruídos externos. A qualidade de som não decepciona, ainda que o cancelamento de ruídos não seja tão efetivo quanto o do modelo Pro. Se você não se incomoda em não poder acessar o Google Assistente e ficar preso ao Bixby, eles podem ser uma boa opção.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos