Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.057,22
    -1.202,27 (-0,93%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.202,80
    -376,30 (-0,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,92
    -1,23 (-1,70%)
     
  • OURO

    1.771,00
    -90,40 (-4,86%)
     
  • BTC-USD

    37.736,49
    -927,48 (-2,40%)
     
  • CMC Crypto 200

    937,90
    -31,98 (-3,30%)
     
  • S&P500

    4.221,86
    -1,84 (-0,04%)
     
  • DOW JONES

    33.823,45
    -210,22 (-0,62%)
     
  • FTSE

    7.153,43
    -31,52 (-0,44%)
     
  • HANG SENG

    28.558,59
    +121,75 (+0,43%)
     
  • NIKKEI

    29.018,33
    -272,68 (-0,93%)
     
  • NASDAQ

    14.186,50
    +205,25 (+1,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9682
    -0,0938 (-1,55%)
     

Reutilização de elementos de concreto pré-moldado recuperados em novos edifícios – A Universidade de Tampere, Finlândia, coordena um grande projeto internacional

·4 minuto de leitura

O concreto é amplamente utilizado como material de construção, mas tem um impacto ambiental substancial. Quando um prédio é demolido, o que acontece com todo o concreto? A Universidade de Tampere na Finlândia, está coordenando o novo projeto internacional ReCreate, que visa descobrir como os elementos de concreto usados podem ser desconstruídos sem danificá-los e reutilizados em novos edifícios – e transformar o processo em um negócio lucrativo. O projeto de quatro anos recebeu 12,5 milhões de euros de financiamento no âmbito do programa Horizonte 2020 da UE.

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: https://www.businesswire.com/news/home/20210524005853/pt/

When a building is demolished, what happens to all the concrete? Tampere University, Finland, is coordinating the new international ReCreate project, which aims to discover how used concrete elements can be deconstructed without damaging them and reused in new buildings – and to turn the process into a profitable business. Photo by Tampere University.

O concreto tem sido, há pelo menos meio século, o material de construção mais comumente usado no mundo. É responsável pela maioria dos materiais de construção e resíduos de demolição. Na Europa, os edifícios de concreto são comumente construídos com elementos de concreto pré-moldado. Se pudessem ser reaproveitados os elementos antigos em vez de fabricar novos, o meio ambiente seria grandemente beneficiado.

"Ao reutilizar elementos de concreto, podemos economizar uma enorme quantidade de energia e matérias-primas," disse Satu Huuhka, professor adjunto da Faculdade de Ambiente Construído da Universidade de Tampere, que lidera o projeto ReCreate.

O projeto internacional ReCreate (2021–2025) coordenado pela Universidade de Tampere, recentemente lançado, busca encontrar novos usos na construção de novos edifícios para os elementos de concreto de edifícios condenados. O projeto de quatro anos recebeu financiamento no âmbito da convocatória do Horizonte 2020 da União Europeia e busca soluções para reutilizar resíduos de construção e demolição. O orçamento geral do projeto é de € 12,5 milhões. O projeto envolve universidades e clusters regionais de empresas em quatro países: Finlândia, Suécia, Holanda e Alemanha. O parceiro de comunicação é o Croatia Green Building Council. Todos os agrupamentos de países realizarão seus próprios projetos-piloto, onde desconstruirão elementos de concreto pré-moldado intactos e os reutilizarão em um novo edifício.

"Estamos procurando reutilizar os elementos de concreto especificamente como um todo, não como matéria-prima para algo novo", destacou Huuhka.

Aproveitando a experiência de classe mundial da Finlândia

Pesquisadores da Faculdade de Meio Ambiente Construído realizam pesquisas inovadoras sobre a economia circular no setor da construção há uma década. Além disso, pesquisas de longo prazo sobre renovação e engenharia do ciclo de vida de estruturas fornecem uma base sólida para o desenvolvimento de procedimentos de garantia de qualidade que irão garantir a segurança e integridade dos elementos reutilizados. Desta vez, os pesquisadores estão preparados para explorar não apenas a implementação técnica das soluções, mas também a perspectiva de negócios.

"Existem muitas perguntas a serem respondidas. Como podemos desconstruir os elementos dos edifícios sem danificá-los? Como avaliamos sua integridade estrutural? Como podemos recertificar os elementos recuperados e transformá-los em um produto que atenda aos requisitos do código de construção? Já que os elementos não são de qualidade uniforme, como podemos transformar isso em um negócio viável? Devemos também considerar os aspectos sociais: o processo exige novas habilidades ou novas formas de trabalhar?" pergunta Huuhka.

Os pesquisadores da Universidade de Tampere também trarão para o projeto seus conhecimentos especializados em modelos de negócios de economia circular, legislação e regulamentos de construção e sociologia ocupacional. O cluster do país finlandês compreende a Universidade de Tampere, a construtora Skanska, a empresa de demolição Umacon, a empresa de concreto pré-moldado Consolis Parma, a empresa de engenharia e consultoria Ramboll, o escritório de arquitetura Liike Oy Arkkitehtistudio e a cidade de Tampere.

Universidade de Tampere

A multidisciplinar Universidade de Tampere é a segunda maior universidade da Finlândia. As pontas de lança de nossa pesquisa e aprendizagem são tecnologia, saúde e sociedade. A Universidade está empenhada em enfrentar os maiores desafios que a nossa sociedade enfrenta e criar novas oportunidades. Quase todas as áreas de estudo internacionalmente reconhecidas estão representadas na Universidade. A Universidade de Tampere e a Universidade de Ciências Aplicadas de Tampere, juntas, compõem a comunidade das Universidades de Tampere com mais de 30.000 alunos e cerca de 5.000 funcionários. www.tuni.fi/en

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Ver a versão original em businesswire.com: https://www.businesswire.com/news/home/20210524005853/pt/

Contacts

Inquéritos:
Professor adjunto Satu Huuhka
Faculdade de Meio Ambiente Construído, Universidade de Tampere
tel. +358 50 3009 263
satu.huuhka@tuni.fi

Gestor de projeto Tommi Halonen
Programa Tampere Sustentável 2030, Cidade de Tampere
tel. +358 44 481 1007
tommi.halonen@tampere.fi

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos