Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,83 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,44 (-0,25%)
     
  • OURO

    1.793,10
    +11,20 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    60.991,07
    -2.470,27 (-3,89%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,70 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,94 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,43 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,25 (+0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5808
    -0,0002 (-0,00%)
     

Restaurante de “Pastor do Bitcoin” pega fogo após ele sumir com dinheiro de investidores

·2 minuto de leitura
Bombeiros combatendo incêndio
Bombeiros combatendo incêndio

Os bombeiros de Cabo Frio tiveram trabalho para conter as chamas do restaurante que pertencia ao “Pastor do Bitcoin”, da Eagle Eyes. Segundo imagens compartilhadas com o Livecoins, o fogo destruiu o imóvel.

A Eagle Eyes era mais uma das empresas que operavam no município de Cabo Frio, onde muitos casos de pirâmide financeira explodiram nos últimos meses. Prometendo rendimentos fixos ao mês para seus investidores, como a GAS Consultoria e Alphabets, por exemplo, a empresa chegou ao fim após informar que não tinha mais como sustentar o negócio.

Leia também:

Contudo, o sócio do negócio, Jonas Gomes da Silva, o “Pastor do Bitcoin”, deixou de responder aos clientes que já entram em desespero com o possível golpe sendo aplicado, após restar uma promessa que os valores seriam devolvidos.

O caso da Eagle Eyes envolveu a família de Jonas e de sua esposa, Michelle, também sumida. Ainda não há muitas informações se o incêndio foi provocado por clientes revoltados com a falta de pagamentos, ou algum outro motivo.

Suposto esquema oferecia contratos e notas promissórias validadas em cartório

Entre os cerca de 5 mil clientes que podem ser vítimas do golpe, está a sensação de impunidade, visto que eles tinham contrato com a empresa, que era até registrado em cartório com assinatura de Jonas.

Além disso, eles afirmavam que ele conversava no escritório, agora já fechado, dando atenção aos clientes e até esclarecendo dúvidas sobre o negócio. Para passar mais legitimidade além dos contratos, ele fornecia Notas Promissórias, também registradas em cartório.

Dessa forma, os clientes que investiam e acreditavam no negócio tinham a sensação de estavam colocando seu dinheiro em um ambiente seguro, com proteção contra fraudes financeiras.

O Livecoins entrou em contato com o Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro que confirmou a ocorrência entre 7 e 8:30 horas da manhã desta quarta-feira (29), mas houve nenhuma vítima no local.

De qualquer forma, o prédio do restaurante “Paladar“, do mesmo dono da Eagle Eyes, chamado popularmente de “Pastor do Bitcoin”, ficou completamente destruído segundo um vídeo publicado pelo portal Rlagos.

Vale lembrar que os casos de violência em Cabo Frio envolvendo esquemas de pirâmide com a imagem do Bitcoin cresceram. Um dos casos foi de uma tentativa de assassinato do líder da Black Warrior (BW), empresa essa que tinha um escritório como sede próximo ao restaurante que pegou fogo na última madrugada.

Veja o vídeo sobre o incêndio na íntegra abaixo, compartilhado pelo portal RLagos.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos