Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.557,67
    +698,80 (+0,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.918,28
    +312,72 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,73
    +2,24 (+3,22%)
     
  • OURO

    1.785,20
    +5,70 (+0,32%)
     
  • BTC-USD

    50.671,98
    +1.289,86 (+2,61%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.307,96
    -13,32 (-1,01%)
     
  • S&P500

    4.686,75
    +95,08 (+2,07%)
     
  • DOW JONES

    35.719,43
    +492,40 (+1,40%)
     
  • FTSE

    7.339,90
    +107,62 (+1,49%)
     
  • HANG SENG

    23.983,66
    +634,28 (+2,72%)
     
  • NIKKEI

    28.455,60
    +528,23 (+1,89%)
     
  • NASDAQ

    16.363,25
    +520,50 (+3,29%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3318
    -0,0918 (-1,43%)
     

Resistência cresce e ameaça PEC dos Precatórios no Senado

·1 min de leitura
***ARQUIVO***BRASÍLIA, DF, 06.08.2021 - O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL). (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
***ARQUIVO***BRASÍLIA, DF, 06.08.2021 - O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL). (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Líderes partidários e técnicos dizem que, como está, a PEC dos Precatórios não deverá passar no Senado.

Aprovada em comissão da Câmara na semana passada, a proposta propõe um drible no teto de gastos para garantir mais recursos no Orçamento e viabilizar o plano do governo de elevar a R$ 400 o Auxílio Brasil, programa que substituirá o Bolsa Família.

Políticos avaliam que a reação negativa do mercado ao texto, que viu na ideia uma burla ao ajuste fiscal, mudou o cenário, que antes era positivo para a PEC.

Na Câmara, a ideia de Arthur Lira (PP-AL) é levar o texto à análise do plenário ainda nesta semana. O assunto mexeu na bolsa e no dólar e deixou Paulo Guedes (Economia) em situação delicada.

Na Câmara, a ideia de Arthur Lira (PP-AL) é levar o texto à análise do plenário ainda nesta semana. O assunto mexeu na bolsa e no dólar e deixou Paulo Guedes (Economia) em situação delicada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos