Mercado fechará em 2 h 9 min
  • BOVESPA

    111.924,10
    +34,22 (+0,03%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.287,13
    +144,13 (+0,28%)
     
  • PETROLEO CRU

    114,28
    +0,19 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.856,40
    +2,50 (+0,13%)
     
  • BTC-USD

    28.445,20
    -1.167,24 (-3,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    617,56
    -11,94 (-1,90%)
     
  • S&P500

    4.126,41
    +68,57 (+1,69%)
     
  • DOW JONES

    32.961,61
    +324,42 (+0,99%)
     
  • FTSE

    7.585,46
    +20,54 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    20.697,36
    +581,16 (+2,89%)
     
  • NIKKEI

    26.781,68
    +176,84 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    12.581,00
    +301,75 (+2,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0749
    -0,0431 (-0,84%)
     

República Centro-Africana adota bitcoin como moeda oficial

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Medida foi considerada “um passo decisivo para abrir novas oportunidades”;

  • Bitcoin será considerado moeda legal ao lado do franco CFA regional;

  • Iniciativa acontece após El Salvador ser o primeiro a implementar a criptomoeda.

A República Centro-Africana se tornou o segundo país do mundo a adotar o bitcoin como moeda oficial. Em comunicado da presidência, o governo local destaca a “abertura de novas oportunidades para nosso país” com a iniciativa.

No ano passado, El Salvador tomou a mesma iniciativa e fez história ao ser o primeiro a implementar a criptomoeda. Bitcoin será considerado moeda legal ao lado do franco CFA regional da África Central. Será o primeiro país na África a fazer isso.

Os legisladores do parlamento votaram, por unanimidade, para aprovar um projeto de lei que legaliza o bitcoin e outras criptomoedas, de acordo com um comunicado da presidência. Obed Namsio, chefe de gabinete do presidente Faustin-Archange Touadera, chamou a medida de “um passo decisivo para abrir novas oportunidades para nosso país”.

A presidência diz que fará “todos os esforços necessários, com respeito à lei” para implementar a criptomoeda como meio de pagamento local. As informações são da Reuters.

A mudança para considerar o bitcoin como moeda oficial recebeu elogios da comunidade de criptomoedas e foi analisada como mais um passo para a adoção generalizada das moedas digitais em todo o mundo.

Porém, apesar do otimismo dos entusiastas das criptomoedas, a novidade também é vista como polêmica. Isso porque houve protestos em El Salvador depois que o país introduziu a Lei Bitcoin, além das críticas enfrentadas por parte do Fundo Monetário Internacional (FMI).

O FMI pediu a El Salvador que abandone o bitcoin como moeda legal, levantando preocupações sobre os riscos que representa para a estabilidade financeira e a proteção do consumidor. Vale lembrar que o bitcoin é um ativo que apresenta alta volatilidade, o que levanta questões sobre seu papel como método padrão de pagamento.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos