Mercado abrirá em 9 h 55 min
  • BOVESPA

    120.294,68
    +997,55 (+0,84%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.329,84
    +826,13 (+1,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,06
    -0,09 (-0,14%)
     
  • OURO

    1.737,90
    +1,60 (+0,09%)
     
  • BTC-USD

    63.017,72
    -390,24 (-0,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.369,70
    -6,08 (-0,44%)
     
  • S&P500

    4.124,66
    -16,93 (-0,41%)
     
  • DOW JONES

    33.730,89
    +53,62 (+0,16%)
     
  • FTSE

    6.939,58
    +49,09 (+0,71%)
     
  • HANG SENG

    28.608,75
    -292,08 (-1,01%)
     
  • NIKKEI

    29.657,66
    +36,67 (+0,12%)
     
  • NASDAQ

    13.802,50
    +3,75 (+0,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7743
    +0,0014 (+0,02%)
     

Representante de Comércio dos EUA destaca China e clima em conversas com Japão, França e outros países

·1 minuto de leitura
Katherine Tai em Wilmington, Delaware

WASHINGTON (Reuters) - A representante de Comércio dos Estados Unidos, Katherine Tai, conversou nesta terça-feira com autoridades de alto escalão do Japão, Coreia do Sul, México e França sobre interesses comuns que vão desde preocupações sobre as práticas comerciais da China e direitos humanos até reformas na Organização Mundial do Comércio (OMC), informou o escritório do Representante de Comércio dos EUA (USTR, na sigla em inglês).

Dando continuidade a uma série de ligações com seus pares internacionais, Tai falou com o ministro das Relações Exteriores japonês, Toshimitsu Motegi, e Hiroshi Kajiyama, ministro da Economia e Comércio do país, bem como com o ministro do Comércio sul-coreano, Yoo Myung-hee. Ela também teve reunião com a secretária de Economia do México, Tatiana Clouthier, o ministro das Finanças da França, Bruno Le Maire, e Franck Riester, ministro delegado do Comércio da França.

Em sua ligação com Motegi, Tai expressou o apoio do governo Biden ao envolvimento em questões de comércio digital e à participação em fóruns internacionais, incluindo a Cooperação Econômica da Ásia-Pacífico (APEC, na sigla em inglês) e a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

(Por David Lawder e Andrea Shalal)